Haddad elogiou “revolução na Venezuela de Maduro” em post de 2014 no Twitter #boato

Boato – No dia 13 de outubro de 2014, Fernando Haddad fez uma postagem no Twitter elogiando a “revolução na Venezuela de Maduro”.

Dentre os argumentos de quem vai votar (ou votou) nas eleições contra partidos de esquerda está o de “evitar que o Brasil vire um Venezuela”, país vizinho que enfrenta uma grave crise política e econômica.

O pensamento de algumas dessas pessoas está sendo reforçado por uma suposta postagem do candidato à Presidência da República Fernando Haddad (PT). De acordo com um print que viralizou no Facebook e WhatsApp, ele teria rasgado elogios ao governo de Maduro em 2014. Leia o conteúdo da mensagem:

Como é bom esse Twitter, é só ter um pouco de paciência e vasculhar, que vc acha cada coisa! Fernando Haddad 13. Haddad_Fernando. A revolução que acontece na Venezuela, é sem dúvidas uma conquista que deverá ser exemplo para todos os Paises! Parabéns Maduro! Estamos juntos.  20:47 – 13 out 14

Haddad elogiou revolução na Venezuela de Maduro no Twitter em 2014?

A foto e o comentário circularam muito na internet. Mas será mesmo que Fernando Haddad fez a tal postagem no Twitter elogiando “a revolução de Maduro”? A resposta é não. Vamos aos fatos.

Antes de falar no assunto, temos que fazer uma ressalva. De fato, existem alas do PT que ainda apoiam Maduro (é o que aponta essa matéria de setembro). Porém, Haddad não faz parte desta ala (pelo menos não de forma tão explícita). Em agosto, ele chegou a afirmar que a Venezuela não pode ser considerada uma democracia.

Dito isso, vamos ao “tuíte”. Ele é falso. Fizemos uma busca avançada sobre as ações de Haddad no dia 13 de outubro de 2014. Naquele dia, o país vivia o segundo turno das eleições e Haddad era prefeito de São Paulo. Como é possível ver, não há qualquer notícia ou menção a Maduro ou Venezuela (seria estranho dado que o foco político estava todo no Brasil).

Ao buscar sobre o presidente da Venezuela, não encontramos sequer algo que merecesse comentários naquele dia. A principal notícia sobre Maduro é que ele havia cumprimentado Evo Morales pela eleição na Bolívia. Nada demais.

Ao buscar sobre o post de Haddad no Twitter, novamente nada foi encontrado. Além de Haddad nunca ter feito posts com as palavras Maduro e Venezuela, ele apenas uma postagem na data citada. Ela foi de uma matéria do Estadão sobre o Ceagesp da capital paulista.

Por fim, uma análise na mensagem e percebemos que foi feita por alguém bem ruim de português. Além de ter vírgulas em locais errados, o texto coloca maiúsculas onde não se deve. Dificilmente, teria sido escrito por Haddad ou alguém de sua equipe.

Resumindo: a história que aponta que Fernando Haddad rasgou elogios à “revolução da Venezuela de Maduro” em 2014 é falsa. A postagem do Twitter que circula por aí não passa de uma montagem.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)