Governo aprova redução do PIS de R$ 998 para R$ 468 #boato

Boato – O governo Jair Bolsonaro acabou de aprovar a redução do PIS dos trabalhadores brasileiros de R$ 998 para R$ 468.

As discussões da reforma da Previdência seguem a todo vapor no Congresso. Entre aprovações e obstruções, diversas mudanças sugeridas pelo governo diminuíram e muita notícia falsa circulou na internet. Hoje, vamos falar de mais uma delas.

De acordo com textos soltos em redes sociais (um deles com mais de 66 mil compartilhamentos), o governo acabou de aprovar a redução do Abono Salarial (chamado de PIS) de R$ 998,00 para R$ 468,00. “Aprovada a redução do PIS de 998,00 para 468,00. Parabéns trabalhador e pobre que votou e pediu para se ferrar. Faz arminha!”, diz a mensagem.

Governo aprovou redução do PIS de R$ 998 para R$ 468?

Como as regras da reforma da Previdência estão em construção, o que não faltaram foram dúvidas em relação à veracidade da informação. Checamos e chegamos ao veredicto: a informação que aponta que foi aprovada a redução do PIS não procede. Vamos aos fatos.

De cara, a informação nos causou desconfiança. A mensagem (que segue a tônica dos boatos que viralizaram em mensagens soltas em redes sociais) tem características de boatos como ser vaga, alarmista, com erros de português e sem citar fontes confiáveis. Por isso mesmo, resolvemos fazer mais algumas buscas sobre o assunto.

Como era de se imaginar, nada encontramos sobre aprovação da redução do valor do Abono Salarial. A medida não consta em decretos presidenciais, lista de projetos aprovados na Congresso ou mesmo no escopo da reforma da Previdência. Não é preciso dizer que não encontramos nenhuma matéria sobre o assunto.

Mais uma busca e descobrimos a origem da “confusão” (seja ela intencional ou não): dentre as propostas da reforma da Previdência estava a redução da faixa dos trabalhadores que iriam receber o Abono Salarial. Hoje, quem recebe até dois salários tem direito ao benefício. A faixa, de acordo com a proposta, cairia para um salário mínimo.

Só há um detalhe: nem a medida foi completamente aprovada (ainda dependendo do relatório na CCJ) como também a tendência é que, de acordo com essa matéria do UOL, a faixa “de corte” sugerida será de R$ 1.364,43, de acordo com o deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), relator da proposta.

Resumindo: nem o governo aprovou a redução do PIS de R$ 998 para R$ 468 tampouco há qualquer mudança certa sobre o assunto na reforma da Previdência. A história, pelo menos por enquanto, é mais um boato que circula na internet.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Compartilhe este artigo:

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)