Governadores estão escondendo vacinas para desestabilizar Bolsonaro #boato

Boato – Enquanto pedem, em carta, mais vacinas, governadores estão escondendo imunizantes com o objetivo de prejudicar Bolsonaro. Apenas 60% das vacinas foram aplicadas.

Parece que o jogo virou, né? Muita gente que estava publicando notícias falsas contra as vacinas agora defendem a imunização em massa. Mais do que isso, muitas dessas pessoas agora estão compartilhando fake news sobre a vacinação.

De acordo com uma mensagem que circula online, são os governadores que estão atrapalhando a vacinação Brasil afora. Isso porque eles estariam escondendo vacinas apenas com o objetivo de prejudicar Bolsonaro. A prova estaria no fato de governadores de alguns estados terem “apenas” aplicado 60% das vacinas enviadas pelo governo federal. Leia duas versões da história que circula online:

Governadores ‘escondem’ vacinas para desestabilizar o presidente Bolsonaro Apesar da carta em que se declararam “no limite”, os governadores de 14 estados brasileiros aplicaram só 60% das vacinas. A canalhice dos governadores se revela em números e demonstram que está em curso uma política para desestabilizar o presidente Jair Bolsonaro.

Governadores ESCONDENDO vacinas para desestabilizar o presidente? Parece ficção!!! Sqn!!! A política brasileira realmente não é para amadores, revoltante e triste termos nela um grande número de meliantes profissionais sustentados por nós!!! Governadores ‘escondem’ vacinas para desestabilizar o presidente Bolsonaro

Governadores estão escondendo vacinas para desestabilizar Bolsonaro?

A mensagem se espalhou pelos “quatro cantos da internet”. É uma pena que a mensagem em questão não passa de uma distorção sobre como está se dando a vacinação no Brasil. Não é verdade que governadores estão “escondendo” a vacina para prejudicar o presidente.

Resolvemos buscar pela fonte citada na informação. A primeira coisa que percebemos é que os dados estão bem desatualizados. Hoje (até a data de publicação neste texto), a plataforma Vacina Brasil mostra 18,6 milhões de doses disponibilizadas, 16 milhões de doses distribuídas e 12,5 milhões de doses administradas.

Fazendo um rápido cálculo (arredondando os números) entre doses distribuídas aos estados e doses aplicadas, chegamos a um número de 74% de doses. Ou seja, o valor é muito maior do que o apontado. Em valores absolutos, a diferença entre as doses distribuídas e administradas é de cerca de 3,5 milhões de doses.

Ao olhar mais um dado, chegamos a uma explicação. Ao todo, 5,9 milhões aguardam a segunda dose das vacinas. Como você sabe (ou deveria saber), as vacinas contra Covid-19 disponibilizadas no Brasil devem ser administradas em duas doses e alguns estados têm optado por garantir a vacinação completa ao guardar vacinas para a segunda aplicação (principalmente no caso da Coronavac, que tem um intervalo pequeno entre doses, de três a quatro semanas).

Com isso, podemos aferir que não há “tantas sobras de vacinas”. Na realidade, a diferença entre as doses distribuídas e administradas é, inclusive, menor do que o número de doses de pessoas que esperam a segunda dose. Junte isso às (poucas) vacinas que ainda estão sendo aplicadas e temos uma explicação muito mais plausível do que “governadores querem desestabilizar Bolsonaro”.

Resumindo: a história que aponta que governadores estão “escondendo vacinas” para prejudicar Bolsonaro é falsa. Além de os números na mensagem serem muito mais alarmantes do que os reais, o fato de ser necessário guardar doses para segunda aplicação desmente toda a “denúncia bomba”.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/3kWrohw
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/38hcBcy

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet