Filha de presidente da OAB recebeu R$ 790 mil da Lei Rouanet para atuar em peça de teatro #boato

Boato – Aos 13 anos, Duda Santa Cruz, filha do presidente da OAB (Felipe Santa Cruz), protagoniza peça de teatro e ganha mais de R$ 790 mil da Lei Rouanet para isso.

Desde as declarações polêmicas do presidente Jair Bolsonaro sobre a morte do pai do presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, durante a ditadura militar, o nome do magistrado ganhou as redes (e também as fake news).

E, como já era de se esperar nesse tipo de situação, os boatos continuam. Mas, dessa vez, a vítima é a filha de 13 anos do magistrado. Segundo a história que está circulando nas redes sociais, Duda Santa Cruz teria recebido R$790 mil para atuar em uma peça de teatro infantil. Confira:

Versão 1: “Filha do presidente da OAB, de 13 anos de idade, recebeu 790 MIL REAIS da Lei Rouanet pra fazer uma peça de teatro”. Versão 2: “$$$$$$$*Filhinha do presidente da OAB é beneficiada com $790.000,00 da lei Rouane pra brincar de atriz aos 13 aninhos com o pagamento dos nossos impostos, por isso que defendem tanto o Lula e o Pt, bandidos e protótipo de bandidinha.* https://www1.folha.uol.com.br/…/filha-de-presidente-da-oab-… $$$$..Como todo comunista caviar cara de pau, não teve coragem nem a dignidade de bancar a brincadeira de teatro da filha, fez os brasileiros pagarem, apesar dos contratos milionários fraudulentos sem licitação com a Petrobras… *790 mil para promoção de uma peça infantil para filha do Presidente da OAB!* *Quantas crianças não seriam salvas da pobreza e miséria nesse país com essa mesma quantia???* *CRIMINOSOS!!!*”.

Filha de presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, recebeu R$ 790 mil da Lei Rouanet para atuar em peça de teatro?

A informação deixou muitos internautas desconfortáveis e gerou inúmeras críticas ao presidente da OAB Felipe Santa Cruz. Porém, a verdade é que, ao contrário do que aponta a história, a adolescente não recebeu recursos da Lei Rouanet para fazer a peça de teatro.

Vamos aos fatos! Essa história é, na realidade, uma mistura de informações verdadeiras com um “pouco” de criatividade e ficção. No que diz respeito à verdade, de fato, Duda Santa Cruz, filha do presidente da OAB, é uma atriz mirim e já atuou ao lado de diversos nomes do teatro e da televisão, como o ator Ney Latorraca. Atualmente, ela está participando de um musical onde interpreta a cantora Elis Regina durante a adolescência.

Outro fato é que Daniela, a esposa do presidente da OAB Felipe Santa Cruz, é produtora teatral e estruturou um projeto de captação para a realização de uma peça via lei de incentivo à cultura. A peça, em questão, se chama Matrioskas e, de acordo com o sistema Versalic (plataforma onde é possível consultar os projetos submetidos à Lei Rouanet), ela foi autorizada a captar o valor de R$769 mil para a realização da peça.

Vale ressaltar que o texto que viralizou no WhatsApp sobre o assunto esbarra em um conceito errado a respeito da lei. A Lei Rouanet, ao contrário do que muita gente pensa, não é um projeto onde o governo fornece o dinheiro a artistas e produtores. Ela sequer distribui verbas de forma direta como, por exemplo, um repasse federal para custeio. Relembre o que já escrevemos sobre o assunto:

O artista ou produtor cultural cria um projeto com orçamento a ser executado. Após aprovação do projeto, há um valor que ele pode “captar” de empresas. As empresas, por sua vez, conseguem abatimento no imposto de parte deste “apoio cultural”. Agora tem um ponto muito importante. O abatimento de impostos deste valor, quando tratamos da maioria dos projetos citados na mensagem, é de 30%.

Mesmo autorizada a captar o valor de R$ 769 mil, Daniela não resgatou nem um centavo da lei de incentivo à cultura (e nem pretende). A decisão foi tomada no final de 2018. É importante destacar também que não há nada de ilegal na prática da esposa de Felipe Santa Cruz, já que ela seguiu todos os trâmites necessários.

Feito o parênteses, agora retornamos ao texto em si. E assim como apontamos anteriormente, o que ocorreu foi uma mistura da atividade de Duda Santa Cruz (que é atriz e, atualmente, participa de uma peça teatral dirigida por Nelson Motta que não envolve nenhum “dos Santa Cruz” na produção do espetáculo) com a da mãe da jovem, Daniela (que é produtora cultural e solicitou recursos via Lei Rouanet para a execução de outra peça). A invenção de valores errados é a cereja do escândalo (que, na verdade, nunca existiu).

Para eliminar de vez todas as dúvidas, a equipe do Boatos.org resolveu buscar por mais informações sobre o suposto benefício que a filha do presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, poderia ter recebido por seu trabalho, mas nada encontramos. Até porque, com 13 anos, Duda Santa Cruz não poderia ser dona de uma empresa para captação de recursos.

Por fim, é importante destacar que as mensagens que divulgam a história não apresentam fontes confiáveis. Em algumas, um link da coluna da jornalista Mônica Bergamo chega a ser citado, mas ao contrário do que aponta a história, a jornalista chama a atenção para o fato da adolescente estar sendo atacada nas redes sociais e não faz qualquer denúncia sobre “OAB e Lei Rouanet”.

Em resumo: a história que diz que a filha do presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, recebeu R$790 mil da Lei Rouanet para atuar em peça infantil é falsa! Duda Santa Cruz, de fato, é atriz, mas não recebeu verba alguma. Sua mãe, Daniela, é produtora cultural e teve seu projeto de captação de recursos aprovado na lei de incentivo à cultura, porém, não captou nem um centavo. O valor que a história cita é falso, assim como todo o resto. Ou seja, o caso é pura balela. Não compartilhe!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)