Ex-esposa de Aécio Neves grava áudio sobre Bolsonaro, reforma e política no Brasil #boato

Boato – A ex-esposa de Aécio Neves resolveu gravar um áudio falando sobre a política no Brasil. Ela denunciou Sarney, FHC e disse que, se reforma da Previdência e pacote anticrime forem aprovados, ninguém segura Bolsonaro.

É fato que um tipo de formato de fake news que diminuiu na internet é a que surge como áudio no WhatsApp. Mesmo com essa “queda”, volta e meia aparece uma história mirabolante atribuída a alguém. E, no caso de hoje, a pessoa citada é a “ex-esposa de Aécio Neves”.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Receba as nossas atualizações no grupo do WhatsApp (só postagens do administrador, não se preocupem): http://bit.ly/2HkQjIe

Confira o nosso Instagram:

Instagram

De acordo com um texto que viralizou no WhatsApp e Facebook, a ex-mulher de Aécio (que não é nominalmente citada) resolveu “dar uma aula” sobre a política no Brasil. Durante seis minutos (na verdade, o trecho que viralizou é parte de um áudio maior), a pessoa fala sobre os seguintes tópicos:

– Diz que o “toma lá dá cá político” vem desde o tempo e Sarney. Ela diz que “para poder assumir a Presidência da República com a morte de Tancredo Neves teve que fazer uma série de acordos”. A mulher cita que o “ex-marido, que era prefeito no interior” ia a Brasília e voltava com um cheque, mas tinha que devolver 30%.

– Diz que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso tinha “Sérgio Motta” como “homem da mala preta”. Depois que Motta morreu por causa do “ar-condicionado” (de acordo com a mulher), a viúva dele ficou com o dinheiro de FHC. A mulher ainda diz que está ligada a política desde 1982.

– Diz que o PSL, na esteira de Bolsonaro, dominou o Congresso e que Rodrigo Maia está com medo disso. E aí relembra a entrada do pacote anticrime e da reforma da Previdência. Diz que, depois que aprovar, é preciso acabar com o foro privilegiado. Leia, agora, a mensagem que acompanha o áudio.

Áudio gravado pela ex-esposa de Aécio Neves. Nele, ela fala que Rodrigo Maia confirma que se for aprovada as reformas da Previdência e Anti-crime ninguém segura mais o Bolsonaro. O áudio é longo, mas eu acho vale a pena ouvir, para que possamos refletir e entender esta pressão que este governo vem sofrendo.

Ex-esposa de Aécio Neves gravou áudio sobre Bolsonaro, reforma e política no Brasil?

Muita gente, mesmo percebendo (ou não) de que se trata de uma situação insólita (ex-mulher de Aécio fazendo campanha para Bolsonaro e falando mal de FHC), compartilhou a informação. Só tem um detalhe: não foi ela quem gravou o áudio. Vamos aos fatos.

Quando uma história dessas (sem pé nem cabeça) surge na internet, é preciso se atentar aos “pequenos detalhes” para desmentir a informação. E a primeira coisa que fizemos foi procurar quem seria essa “ex-esposa de Aécio Neves”.

Com uma rápida busca, chegamos ao nome de Andrea Falcão. A carioca (atente-se para isso) foi casada com Aécio entre 1991 e 1998. E foi aí que achamos as contradições entre Andrea e a mulher do áudio (que não conseguimos identificar).

Na mensagem (que é recheada de opiniões, acusações sem provas e informações erradas como, por exemplo, a de que Sérgio Motta morreu por causa de um ar-condicionado), a mulher tem um sotaque que “lembra” o mineiro. Andrea é carioca. Não é preciso ser um gênio para perceber que o sotaque não “bate” com de alguém do Rio de Janeiro.

No próprio áudio, há três informações que “derrubam” as chances de Andrea ser a interlocutora. 1) A mulher diz que foi ex-esposa de um “prefeito do interior” no tempo de Sarney. Além de Aécio não ter sido “prefeito no tempo de Sarney”(ele era deputado). Não há qualquer registro de Andrea ter sido casada com “qualquer prefeito”.

2) A segunda está no trecho em que a mulher fala que “acompanha política de perto” desde 1982. Na época, Andrea (que, em 2006, tinha 39 anos) tinha 15 anos de idade. “Um pouco cedo” para acompanhar bastidor de política. 3) Em certo momento, a mulher se diz jornalista. Andrea é advogada.

Fomos, ainda, buscar por qualquer informação a respeito do posicionamento político de Andrea. Descobrimos mais duas coisas. A primeira é que ela é muito reservada (a maioria das postagens em redes sociais é relacionada a cuidados com animais abandonados). A segunda é que ela não se posiciona a favor de Bolsonaro.

Só para terminar, buscamos por qualquer informação em fonte confiável sobre o suposto áudio da ex-esposa de Aécio Neves. Nada encontramos. Vale dizer que esse não é o primeiro boato que envolve o nome dela. Em 2015, desmentimos uma história que falava de “malas de dinheiro em Aspen”.

Resumindo: a história que aponta que a ex-esposa de Aécio Neves falou sobre Bolsonaro, reforma da Previdência e acusou ex-presidentes é falsa. Nem é do feitio de Andrea Falcão nem há informações no áudio que confirmam isso. Muito pelo contrário.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Compartilhe este artigo:

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)