Embaixador da China diz que Dilma cedeu costa brasileira para pesca chinesa por 25 anos #boato

Boato – Ao justificar o ataque de um barco chinês a um barco brasileiro, o embaixador da China Li Jinzhang afirmou que a ex-presidente Dilma Rousseff cedeu a costa brasileira para a pesca chinesa por 25 anos.

A pandemia da Covid-19 tem feito o nome da China estar exposto nos noticiários e, também, nos “noticiários de balelas”. A prova disso está que, cá estamos, de novo para falar de um fake envolvendo o nome do país asiático. Dessa vez, a história também envolve a ex-presidente Dilma Rousseff.

De acordo com um print de uma postagem no Facebook, o embaixador da China no Brasil Li Jinzhang teria feito uma declaração “justificando” um ataque de um barco chinês a um barco brasileiro (ocorrido em setembro de 2018). De acordo com a mensagem, o embaixador teria dito que o incidente ocorreu porque Dilma teria cedido a costa brasileira para a “pesca chinesa” por 25 anos. Leia a mensagem que circula online:

Confira o desmentido em vídeo:

EMBAIXADOR DA CHINA EXPLICA O ATAQUE A BARCO DO BRASIL Segundo o embaixador da China no Brasil Li Jinzhang quem invadiu área de pesca Chinesa foi o barco brasileiro Oceano Pesca I; mesmo estando na costa do Brasil já que no Governo Dilma foi assinado um tratado onde o Brasil cedeu por 25 anos parte da costa brasileira para pesca chinesa. A TONTA DA DILMA SÓ TROUXE PREJUÍZOS AO BRASIL.

Embaixador da China disse que Dilma cedeu costa brasileira para pesca chinesa por 25 anos?

O que não faltaram na internet foram mensagens condenando a ex-presidente do Brasil e a China. Apesar de o WhatsApp ter ficado abarrotado de mensagens, a história que está circulando por aí não só não é real como também já foi desmentida aqui no Boatos.org.

Em novembro de 2018, o Boatos.org fez uma análise sobre o conteúdo em questão. Na época, a mensagem começou a circular depois de um incidente ocorrido entre um barco chinês e um barco brasileiro a 160 quilômetros de Fernando de Noronha. Detalhe: ao contrário do que aponta a mensagem, o incidente ocorreu em águas internacionais e não na costa brasileira.

Também na época, citamos que, a contrário do que aponta a mensagem, o embaixador da China no Brasil não se pronunciou sobre o ocorrido. Muito menos citou que Dilma teria cedido a costa brasileira para a pesca chinesa. É importante citar que, em 2020, Li Jinzhang não é mais o embaixador da China no Brasil. Hoje, o cargo fica por conta de Yang Wanming.

Por fim, vale citar que, ao buscarmos sobre informações em relação à tal cessão da costa brasileira para a China pescar, nada encontramos (a não ser o texto do boato). Ou seja: assim como uma “boa” fake news, a informação foi retirada do nada.

Resumindo: a história que aponta que o embaixador da China disse que Dilma cedeu a costa brasileira para barcos chineses pescarem é falsa. Trata-se de um boato desmentido em 2018 e que voltou a circular graças à pandemia da Covid-19 e os crescentes ataques da direita brasileira (seguindo a norte-americana) ao país asiático.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/318Tn5c
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)