Doria sucateou Ceagesp para privatizar e vender para a China #boato

Boato – João Doria sucateou o Ceagesp para poder privatizar e vender para a China. Bolsonaro, que acabou com o cabide de empregos, nomeou um coronel da Rota e evitou tudo.

O ano de 2020 está acabando, a vacina está chegando (e, esperamos que, com o tempo, a pandemia, indo) e já tem gente dando uma “amostra grátis” dos boatos de 2022. No caso de hoje, um textão raivoso faz uma acusação contra João Doria que, coincidentemente, é o maior rival do presidente Jair Bolsonaro no momento: de que ele havia sucateado o Ceagesp para vender para a China.

O texto em si aponta que Bolsonaro “evitou tudo” ao nomear um coronel da Rota para o cargo de presidente da autarquia e ao fazer visitas ao local. A mensagem vai de encontro a uma fala “cifrada” de Bolsonaro em um discurso no local (“nenhum rato vai sucatear [o entreposto] pra privatizar pros seus amigos”). Leia trechos da mensagem que circula online (cortamos os adjetivos e floreios do texto):

Sabem porque Bolsonaro nomeou um Cel. da Rota pra presidir a CEAGESP!?! Porque ele tem falado tanto nesse local? E porquê foi lá pessoalmente visitar? SImples, porque Dória estava sucateando o órgão pra desvalorizar e privatizar pros chineses. […]

Esta parte da novela não tinham te contado e permitindo “acesso às Verdades” né?! Adivinhe se esta parte da História a rede Esgoto de televisão e outras mídias vendidas irão divulgar?! Claro que não!!! Então Cidadãos, cabe a todos divulgarmos as Verdades para que todos tenham o direito a saber das VERDADES , pois só estas LIBERTAM o Povo da escuridão da ignorância no reconhecimento! *

Doria sucateou Ceagesp para privatizar e vender para a China?

A mensagem se espalhou muito em redes sociais e, principalmente, grupos bolsonaristas no WhatsApp. É uma pena que, para além do caráter partidário (que já é descolado da realidade) e raivoso, o texto é repleto de acusações não comprovadas.

Vale dizer que a mensagem tem algumas das principais características de boatos online. Ela é alarmista, não cita fontes confiáveis que comprovem as denúncias e, no final, pede compartilhamento. Além disso, boatos sobre Doria e China têm sido bem comuns na internet.

Ao buscar mais informação sobre o assunto, descobrimos que, apesar do alarde da mensagem, não há qualquer prova de que era apenas Doria que estava querendo privatizar o Ceagesp. Ao contrário, até a “visita” e a fala sobre ratos, era o governo federal que estava querendo privatizar a empresa. Há duas provas para isso: o fato de o Ceagesp ser de propriedade do governo federal (não seria Doria o “responsável” por privatizar) e o decreto assinado pelo próprio Bolsonaro autorizando a “desestatização” da empresa.

Ou seja: Doria não pode “vender o Ceagesp” porque o entreposto pertence ao governo federal. É importante citar que não há provas de que a empresa, caso fosse privatizada, fosse comprada “pela China” ou por alguma empresa chinesa. Vale dizer que também não há provas de que o governador de São Paulo tivesse o desejo de “sucatear” a Ceagesp. Até porque a gestão do local é, a mais de 20 anos, do governo federal. Como que o governador iria fazer isso?

Resumindo: não é verdade que João Doria estaria sucateando o Ceagesp e com a intenção de vender para a China. Mesmo que as intenções fossem reais, na prática, a gestão do entreposto pertence ao governo federal e o governador de São Paulo não poderia “sair vendendo para a China”.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99458-8494.

– Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
– Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
– Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
– Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
– Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2XrGSBD
– Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet