Doria se arrepende e anuncia apoio a Bolsonaro nas eleições de 2022 #boato

Boato – Vídeo mostra que João Doria se arrependeu e anunciou o presidente Jair Bolsonaro para as eleições de 2022.

Novamente, estamos aqui para falar de um conteúdo que circulou em 2018 e está sendo compartilhado fora de contexto. De acordo com uma mensagem que acompanha um vídeo de João Doria, o ex-governador de São Paulo (que bateu de frente com o presidente Jair Bolsonaro) teria se arrependido e pedido votos para Bolsonaro em 2022.

Nas imagens, Doria diz que “não vai ficar na muralha da China” e que “a partir de amanhã” vai apoiar Bolsonaro nas eleições. Palavras como “arrependimento” e “pedido de Doria” são utilizadas na mensagem. Leia o texto que circula por aí, a transcrição e assista ao vídeo:

Versão 1: Pessoal, vamos compartilhar o arrependimento de Dória ter traído Bolsonaro. Divulguem, por favor. Doria se arrepende e pede aos paulistanos para votarem em Bolsonaro. Compartilhe esse vídeo, vamos atender o pedido do Dória.

Versão 2: E por isso estaremos reunidos aqui amanhã pela manhã. Aqui nós não precisamos mais avaliar, pensar, discutir ou ficar passeando na muralha da China. À partir de amanhã, vamos apoiar Jair Bolsonaro para a à Presidência da República. E essa aqui será a nossa bandeira. A bandeira de São Paulo será a nossa bandeira.

Doria se arrepende e anuncia apoio a Bolsonaro nas eleições de 2022?

O vídeo circulou muito, principalmente nas redes de vídeo como o Kwai, TikTok e Helo. Só que é falsa a informação que aponta que João Doria “se arrependeu” e anunciou apoio ao presidente Jair Bolsonaro.

Não foi muito difícil chegar à verdade. Bastaram duas tarefas: a primeira foi buscar pela origem do vídeo. Como aponta essa matéria, João Doria fez o tal pronunciamento após o primeiro turno das eleições de 2018, no dia 7 de outubro.

O candidato do PSDB à época, Geraldo Alckmin, estava fora da disputa e o então candidato ao governo de São Paulo teve “liberdade” para anunciar o apoio a Bolsonaro. No segundo turno, chegou a ser criado o “Bolsodoria”, pedido de voto em João Doria e Bolsonaro.

Depois disso, é sabido que João Doria e Jair Bolsonaro se tornaram inimigos políticos e romperam relações. E, em 2022, o ex-governador de São Paulo (que não concorrerá a cargo algum) não deu qualquer declaração de apoio à reeleição de Bolsonaro. E aí chegamos á “segunda tarefa”.

João Doria não tem dado declarações políticas em suas redes sociais há algum tempo. Sobre as eleições presidenciais, ele declarou em junho que, no caso de uma disputa entre Lula e Bolsonaro, votaria nulo.

Resumindo: a história que aponta que João Doria disse que iria apoiar Bolsonaro nas eleições de 2022 é falsa. O vídeo que está circulando online é de 2018 e o ex-governador de São Paulo já apontou que não vai apoiar o seu (agora) inimigo político em 2022.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet