Dilma diz que óleo chegou a São Paulo (SP) após notícia sobre contaminação em Morro de São Paulo (BA) #boato

Boato – Em tuíte, Dilma pede para que “governo ilegítimo” tome providências após achar que manchas de óleo chegaram ao Estado de São Paulo.

Na última quarta-feira, dia 30 de outubro de 2019, o caso das manchas de óleo nas praias do Nordeste completou 2 meses com poucas respostas sobre a situação dramática pela qual passa todos os estados da região.

Para completar, nos últimos dias, as manchas chegaram à cidades que fazem parte da região de Abrolhos, no sul da Bahia. Até o momento, o óleo ainda não atingiu o parque nacional, que é considerado um santuário marítimo e abriga uma enorme biodiversidade marinha na região do Atlântico Sul.

E, de acordo com publicações, parece que tem gente influente indignada com a situação. Na última semana, as manchas de óleo atingiram um dos principais pontos turísticos da Bahia, o Morro de São Paulo. Segundo as publicações, a ex-presidente Dilma Rousseff teria publicado um tuíte um tanto quanto equivocado sobre a situação.

“Agora que o óleo chegou a SP, o Estado mais rico do país, quem sabe esse governo ilegítimo não toma providências!”, diz a postagem. Entretanto, o Morro de São Paulo fica na Bahia, assim como aponta uma matéria que acompanha a montagem. “Óleo chega a Morro de São Paulo, 3° maior destino turístico da Bahia”, afirma a manchete. Confira:

Versão 1: “Pütz grila. O que me impressiona são os alunos da ANTA que conseguiu transmitir seus inúmeros conhecimentos para este povo já com a cuca meio baratinada. Por favor pela trilhonésima vez. Expliquem a esta infeliz que morro de São Paulo é um local da Bahia mesmo constando escrito abaixo, mas a cegueira política não a deixou raciocinar e achou que era do ESTADO DE SÃO PAULO”.

Versão 2: “Essa Imbecil não sabe que o Morro de São Paulo fica na Bahia”. Versão 3: “Alguém avisa a Dilma que a praia do morro de São Paulo fica Bahia e não no estado de São Paulo”.

Dilma disse que óleo chegou a São Paulo (SP) após notícia sobre contaminação em Morro de São Paulo (BA)?

A informação logo viralizou nas redes sociais e foi motivo de muito sarcasmo e muitas brincadeiras por parte dos internautas. Mas será que a ex-presidente Dilma Rousseff realmente teria se equivocado e confundido o Morro de São Paulo (BA) com o Estado de São Paulo? A resposta é não!

Vamos aos detalhes! Ao ler as mensagens, logo ficamos desconfiados. Elas seguem aquele velho roteiro de fake news na internet, como caráter vago e alarmista, com erros de português e sem citar fontes confiáveis. Além disso, há um vasto histórico de fake news envolvendo prints de tuítes falsos. A equipe do Boatos.org já desmentiu várias delas, como o caso que apontava que Anitta teria dito admirar o homem que matou Adolf Hitler. Também a história que indicava que João Amoêdo e o partido Novo seriam a favor do aborto e, por fim, o caso onde Gleisi Hoffmann teria afirmado que os caminhoneiros iriam mostrar a força da classe a Bolsonaro.

Resolvemos procurar por mais informações na suposta publicação original e chegamos a dois pontos. O primeiro é que não encontramos o tal tuíte e o segundo é que descobrimos um desmentido sobre o assunto.

Em seu perfil oficial no Twitter, Dilma Rousseff explicou que o print trata-se de uma montagem. Além disso, Dilma ainda reforçou que todas suas manifestações são publicadas no endereço de sua conta oficial. Logo, se o tuíte em questão não for encontrado no banco de dados de sua conta, podemos entender que se trata de uma montagem.

Em resumo: a história que diz que Dilma disse que óleo chegou a São Paulo (SP) após notícia sobre contaminação em Morro de São Paulo (BA) é falsa! Além de não encontrarmos a publicação na conta oficial da ex-presidente (fato muito corriqueiro nesse tipo de boato), encontramos um desmentido da própria Dilma, afirmando que a publicação trata-se de uma montagem. Ou seja, a história não passa de balela. Até a próxima!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/367fYQ2
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)