Arthur Lira fraudou a votação sobre voto impresso na Câmara #boato

Boato – Está comprovado que a votação sobre o voto impresso na Câmara dos Deputados foi fraudada por Arthur Lira. Isso porque alguns deputados não conseguiram votar.

Já faz uma semana que a PEC que previa voto impresso nas eleições de 2022 foi rejeitada na Câmara. Mesmo assim, o assunto continua a todo vapor nas redes sociais bolsonaristas. E a última história que apareceu por aí aponta para uma suposta fraude no (vejam a ironia) sistema eletrônico de votação na sessão que apreciou a proposta do voto impresso.

Depois que alguns deputados reclamaram que não conseguiram votar na sessão que decidia sobre o voto impresso em 2022, começou a circular na internet uma mensagem acusando o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, de fraudar a votação. Leia algumas das mensagens que estão circulando por aí:

Versão 1: *BOMBA !!!* LIRA *FRAUDOU* A VOTAÇÃO… BRASÍLIA VAI EXPLODIR!!! VOTO IMPRESSO AUDITÁVEL! Não perdemos, fomos roubados mais uma vez! Se há fraude na votação na Câmara dos Deputados, imagina nas eleições Presidenciais!!! Versão 2: BOMBA !!! BOMBA !!BOMBA BOMBA. LIRA *FRAUDOU* A VOTAÇÃO… BRASÍLIA VAI EXPLODIR!!!

Arthur Lira fraudou a votação sobre voto impresso na Câmara?

A mensagem com a acusação contra o presidente da Câmara dos Deputados se espalhou com toda força na internet. Só há um detalhe: os vídeos que acompanham a mensagem não provam que houve “fraude” na votação sobre o voto impresso e tampouco as reclamações apresentadas fariam diferença no resultado final.

A mensagem e o histórico desse tipo de fake já começam a denotar a farsa. O texto tem algumas das principais características de boatos online como ser vaga, alarmista, com erros de português e não citam nenhuma fonte confiável que comprove que “houve fraude” no sistema eletrônico de votação na Câmara. Além disso, os boatos sobre o assunto foram tantos que o “voto impresso” foi até tema de um A Semana em Fakes por aqui.

Ao analisar o conteúdo que “justificaria” os protestos, vimos que não é possível aferir que Arthur Lira fraudou o sistema eletrônico de votação da Câmara dos Deputados. Ao todo, achamos três reclamações sobre o sistema de voto (dois aparecem em vídeos que estão circulando junto com a mensagem).

Uma delas é do deputado federal Fernando Rodolfo (PL-PE). Ele acabou registrando o voto por meio de requerimento impresso. Outra é do deputado Marcelo Álvaro Antônio (PSL-MG), que apontou que não conseguiu votar. Uma terceira reclamação é da deputada Angela Amin (PP-SC) que apontou que votou por engano contra o voto impresso e não conseguiu retificar o voto.

Mesmo que os três casos sejam procedentes, não há como provar que há culpa de Arthur Lira nos problemas com a votação e também eles não fariam diferença no resultado final da votação sobre o sistema eleitoral para 2022.

Para ser aceita, a proposta precisaria, em dois turnos, ter 308 votos. Ao todos, foram conquistados 229 votos. Mais 79 deputados precisariam votar a favor da proposta para que ela passasse. Ou seja: os três votos citados não fariam diferença.

Vale apontar que, mesmo que todos os deputados que não conseguiram votar fossem a favor do voto impresso, seriam alcançados 293 votos (insuficiente para a aprovação). Isso porque 218 deputados votaram contra a proposta, um se absteve e o voto do presidente da Câmara Arthur Lira, de acordo com regimento da Casa, só valeria como desempate.

É importante citar que, em nenhum momento, os deputados que apontaram que não conseguiram votar acusaram Arthur Lira de fraudar o sistema de votação da Câmara. Isso ficou a cargo das mensagens que circularam por aí.

Resumindo: não é possível dizer que Arthur Lira fraudou a votação do voto impresso. Além de os vídeos não provarem nada contra o presidente da Câmara, os votos em questão não fariam diferença na aprovação ou não da Proposta de Emenda à Constituição.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet