Vídeo mostra ondas gigantes no Estreito de Gibraltar, divisa da Espanha e África #boato

Boato – Ondas gigantes no Estreito de Gibraltar, divisa da Espanha com a África, são registradas em vídeo impressionante. 

Imagens de tempestades, furacões, erupções vulcânicas e outros fenômenos da natureza sempre causam um grande impacto na internet, justamente, por seu caráter surpreendente e, muitas vezes, por seu poder de destruição.

O fato é que quando essas imagens começam a circular na internet, causam grande comoção. Tanta que entre um compartilhamento e outro, muitas informações sobre o acontecimento acabam se perdendo e as publicações se tornam verdadeiras fake news.

Exemplo disso é o vídeo de hoje. De acordo com uma publicação que está circulando nas redes sociais, um vídeo impressionante mostraria ondas gigantes no Estreito de Gibraltar, na divisa entre a Espanha e o continente africano. Nas imagens, é possível ver a fúria do mar e ondas gigantes se chocando contra uma via. Confira:

Versão 1: “Estreito de Gibraltar. Mar Mediterrâneo, fronteira entre Africa e Espanha. Espetáculo só visto no inverno”. Versão 2: “Estreito de Gibraltar, mar Mediterráneo, fronteira entre África e Espanha, Espetáculo”.

Vídeo mostra ondas gigantes no Estreito de Gibraltar, divisa da Espanha e África?

As imagens causaram um verdadeiro burburinho nas redes sociais, em especial, no Facebook e no YouTube. Apesar disso, a história não tem nada a ver com o Estreito de Gibraltar.

Para começar, as próprias publicações nos deixam com uma pulga atrás da orelha. Isto porque elas apresentam as principais características de fake news na internet, como o caráter vago, alarmista, alguns erros de português e a falta de fontes confiáveis.

Além disso, vídeos de fenômenos da natureza retirados de contexto não são uma novidade por aqui. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras deles, como o que dizia que um vídeo mostraria um furacão atingindo uma cidade de Santa Catarina, em 2019. Também o que indicava que a água de chuva teria formado um tsunami que destruiu uma cidade no Japão e, por fim, o que apontava que um vídeo mostraria um tornado de fogo, no Canadá.

Resolvemos, então, buscar por mais informações sobre o assunto, mas não encontramos nenhuma informação sobre ondas gigantes registradas no Estreito de Gibraltar nos últimos dias. No início de 2021, a região até registrou uma forte chuva, mas sem o registro de ondas gigantes.

Ao procurarmos pelas imagens, descobrimos que elas foram gravadas no Monte Urgull, em Donostia/San Sebastián, na Espanha. Além disso, também descobrimos que o vídeo não foi feito em 2021, mas sim no dia 28 de dezembro de 2020. Nesse vídeo, gravado de outro ângulo, mostra o mesmo fenômeno, o mar agitado, o céu escuro e o Parque Monte Igueldo ao fundo.

Na oportunidade, a tempestade “Bella” atingiu a região e foi a responsável pelas ondas gigantes e por diversos estragos na cidade. De acordo com a Agência de Meteorologia da região, foram registradas ondas de até 14 metros e ventos de mais de 100km/h.

Vale ressaltar que a região de Paseo Nuevo, na cidade de Donostia/San Sebastián, é bastante conhecida por suas ondas gigantes se chocando contra o calçadão em períodos de mar agitado. O fenômeno atrai diversos turistas ao longo do ano.

Por fim, Donostia/San Sebastián não fica localizada no Estreito de Gibraltar. Muito pelo contrário. A cidade é rodeada pela Baía da Concha, que está à beira do golfo da Biscaia, na costa norte da Espanha e quase na fronteira com a França, não com o continente africano.

Em resumo: a história que diz que um vídeo mostra ondas gigantes no Estreito de Gibraltar, divisa da Espanha com a África, é falsa! O vídeo é real e, de fato, foi gravado na Espanha, mas não tem nada a ver com o Estreito de Gibraltar. As imagens foram feitas no dia 28 de dezembro de 2020, na cidade de Donostia/San Sebastián, na costa norte da Espanha. Na ocasião, a tempestade “Bella” causou diversos estragos, ventos fortes e as ondas gigantes registradas no vídeo. Vale ressaltar que Donostia/San Sebastián fica bem distante do Estreito de Gibraltar (para sermos mais exatos, no extremo oposto). Ou seja, a história não passa de balela.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99458-8494.

– Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
– Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
– Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
– Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
– Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2YViiVK
– Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
– Siga-nos no TikTok http://bit.ly/38hcBcy