Relatório oficial da Alemanha denuncia pandemia do coronavírus como alarme falso #boato

Boato – O Ministério da Interior da Alemanha publicou um relatório oficial que denuncia que a pandemia da Covid-19 (coronavírus) foi um “alarme falso global”.

Quase três meses após o anúncio de que a Covid-19 era uma pandemia, ainda há gente que subestima os danos da doença (que, só no Brasil, já matou mais de 35 mil pessoas). Muitas pessoas estão compartilhando um suposto “relatório oficial” do Ministério do Interior da Alemanha que teria denunciado “uma farsa”.

De acordo com o suposto documento, a pandemia do coronavírus não passa de um “alarme falso global”. O motivo seria que as pessoas “que morreram iriam morrer neste ano”, que a influenza mata mais do que a Covid-19 e o governo do país seria uma dos maiores disseminadores de fake news. Leia trecho da mensagem que circula online:

Vazou relatório oficial alemão denunciando o Corona como ‘Um alarme falso global’ O governo federal da Alemanha e a grande mídia estão tentando contornar as repercussões negativas após o vazamento de um relatório do Ministério do Interior que desafia a narrativa oficial do Corona. Algumas das principais passagens do relatório são:

O risco do Covid-19 foi superestimado: provavelmente em nenhum momento o perigo representado pelo novo vírus foi além do nível normal. As pessoas que morrem de Corona são essencialmente as que estatisticamente morreriam este ano, porque chegaram ao fim de suas vidas e seus organismos debilitados não podem mais lidar com as adversidades cotidianas (incluindo os cerca de 150 vírus atualmente em circulação).

Em todo o mundo, em um quarto de ano, não houve mais de 250.000 mortes por Covid-19, em comparação com 1,5 milhão de mortes [25.100 na Alemanha] durante o surto de influenza 2017/18. O perigo obviamente não é maior que o de muitos outros vírus. Não há nenhuma evidência de que isso tenha não sido um alarme falso. Uma acusação poderia seguir esta linha: Durante a crise do Corona, ficou provado que o Estado é um dos maiores produtores de Fake News.

Relatório oficial da Alemanha denunciou pandemia do coronavírus como alarme falso?

Obviamente, a mensagem circulou com muita força na internet, principalmente entre negacionistas. Mas será mesmo que esse documento é um relatório oficial do governo da Alemanha? A resposta é não. Vamos aos fatos.

Antes de falar da autoria, vamos falar do documento em si. Só nos trechos que separamos. Para começar, o número de mortos no mundo mostra que a Covid-19 não foi superestimada. Vamos raciocinar: com todas as medidas de isolamento tomadas em diversos países, tivemos o total de 400 mil mortes no mundo em cerca de cinco meses. O número é maior do que o estimado pela OMS em relação a mortes por Influenza (290 mil a 650 mil por ano). Importante lembrar: óbitos sem nenhuma medida de isolamento. O trecho do relatório também “esquece” que, ao contrário, do que acontece com o vírus influenza, ainda não há vacina ou medicamento que se mostre eficaz contra a Covid-19.

Segundo: como vocês viram, o relatório também erra no número de mortes no mundo (não sabemos se era um dado desatualizado ou se foi erro mesmo). Terceiro: o documento não apresenta nenhuma prova de que as pessoas “que morreram morreriam neste ano” (algo que, pelo menos no Brasil não se sustenta, já que tivemos um aumento no número total de óbitos nos primeiros meses do ano). Quarto: Se as mortes e todo o impacto econômico da Covid-19 não é prova de que o “alarme não é falso” não sabemos o que é. Só esses fatores já derrubariam toda a tese.

Por causa da (falta de) qualidade do documento, achamos estranho que tenha sido um relatório oficial. Não demorou muito para descobrirmos que, de fato, não é. Essa matéria publicada no site de notícias BR24 da Alemanha mostra que o Ministério do Interior aponta que o “documento” não passa de uma série de opiniões pessoais de um funcionário da pasta que se utilizou da estrutura governamental para espalhar entre colegas. Não é um documento oficial.

A matéria também apontou que, assim que o tal documento vazou, sites conspiracionistas em inglês não demoraram para criar um artigo. Ao buscar por eles descobrimos que a “versão brasileira” do texto não passa de uma tradução de um desses artigos.

Resumindo: a história que aponta que o Ministério do Interior da Alemanha criou um relatório que aponta a pandemia da Covid-19 como uma farsa é falsa. Além de o documento não ser oficial, as informações contidas nele são para lá de duvidosas.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164.

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3df26qp

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet