Presidente de um dos países do Leste Europeu se vacinou sem agulha #boato

Boato – Para estimular a população a se vacinar, o presidente de um país do Leste Europeu foi o 1º a se vacinar. Só se esqueceram de por a agulha, a vacina e de apertar a seringa.

Quando um tipo de boato começa a saturar, ele começa a ficar repetitivo. Em alguns casos, repete até vídeos já desmentidos. É justamente isso que ocorre na história de hoje, que fala sobre uma suposta história do “Leste Europeu”.

De acordo com mensagens que estão viralizando em redes sociais, um presidente de um país do Leste Europeu resolveu se vacinar para estimular a população. Porém, ele teria forjado a vacinação ao receber a aplicação sem agulha, vacina e sem a enfermeira apertar o êmbolo. Leia a mensagem que circula online (e, no final, exalta Bolsonaro) e veja o vídeo:

Confira também: cuidado com vídeos alarmistas sobre “fraude nas vacinas”:

OLHEM ISSO, OS GOVERNANTES COMO SEU DÓRIA, ESTÃO FECHADOS COM AS INDÚSTRIAS FARMACÊUTICAS E QUEREM EMPURRAR A QUALQUER CUSTO A VACINA NA POPULAÇÃO. Para estimular o população à vacinar, o presidente de um dos países do leste europeu foi o 1º. Só que esqueceram de por a agulha, a vacina e de apertar. Cada vez mas acho que Bolsonaro está certo.

Presidente de um dos países do Leste Europeu se vacinou sem agulha?

A história se espalhou muito na internet (vimos a mensagem acompanhada do vídeo, principalmente, no WhatsApp). Porém, nem o sujeito da foto é presidente de um país do “Leste Europeu” tampouco o vídeo mostra uma “farsa” na aplicação.

O vídeo em questão já foi fruto de um desmentido no Boatos.org. Na ocasião, a mensagem não apontava em que país teria “ocorrido o caso”. Só um detalhe: o vídeo em questão não é do Leste Europeu. É de Israel. E não tem nada a ver com farsa. Como o desmentido de outrora vale para hoje, relembre o que foi dito.

E ao buscarmos sobre o vídeo de hoje, descobrimos o que, de fato, aconteceu. E não tem nada de vacinação sistemática sem agulha. O homem, na realidade, é um oficial israelense chamado Benny Ben Muvchar. Na ocasião, ele já havia sido vacinado, mas, por ter esquecido de mencionar o nome da unidade de saúde local (Clalit) em seu discurso no vídeo, foi convidado a repetir as suas palavras, desta vez, pedindo para que a enfermeira simulasse uma nova aplicação.

Inclusive, o boato foi desmentido em vários sites de checagem, como neste alemão e um suíço também. Mais que isso, o próprio Benny publicou o vídeo completo com a aplicação real e a aplicação simulada em sua página no Facebook. Na legenda, ele escreveu:

“Para todos os interessados, fui vacinado contra o vírus corona ontem. Eu respondi ao pedido geral do Clalit de dizer uma boa palavra e me tornei viral :) A filmagem completa está na sua frente”.

Resumindo: a história que aponta que um presidente de um país do Leste Europeu fingiu se vacinar em uma tentativa de “estimular a população” é falsa. Na realidade, trata-se de um boato novo usando um vídeo já checado aqui no Boatos.org.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99458-8494.

– Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
– Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
– Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
– Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
– Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2YViiVK
– Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
– Siga-nos no TikTok http://bit.ly/38hcBcy

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet