Montanha de dinheiro (Euros e Reais) é encontrada na casa de Cristina Kirchner #boato

Boato – Vídeo mostra uma montanha de dinheiro encontrada pela polícia na casa da ex-presidente da Argentina Cristina Kirchner. Tentaram queimar Euros e Reais porque a operação vazou.

Há alguns anos tem se notado um movimento “mais à direita” nas eleições realizadas em países sul-americanos. No Brasil, Bolsonaro venceu as eleições em 2018. Já na Argentina, Maurício Macri sucedeu Cristina Kirchner em 2015. E a história de hoje fala justamente da ex-presidente argentina, apontada como um “ícone da esquerda” em seu país.

De acordo com uma mensagem que circula na internet, a polícia argentina realizou uma operação na qual encontrou uma montanha de dinheiro na casa de Cristina Kirchner. Um vídeo que acompanha o texto mostra que algumas notas (descritas como Euros e Reais) tentaram ser queimadas sem sucesso. Leia a mensagem que circula online:

Versão 1 : MONTANHAS DE EUROS E REAIS NA CASA DE CRISTINA KIRCHNER. A OPERAÇÃO VAZOU, MAS A POLÍCIA CHEGOU ANTES QUE QUEIMASSEM TUDO. Versão 2: O Socialismo é uma maravilha. SQN. Veja a montanha de euros e reais encontrados na casa da ex-presidente da Argentina, a socialista Cristina Kirchner. Tentaram queimar tudo antes da chegada da policia.

Versão 3: MONTANHAS DE EUROS E REAIS NA CASA DE CRISTINA KIRCHNER EX PRESIDENTE DA ARGENTINA . A OPERAÇÃO VAZO MONTANHAS DE EUROS E REAIS NA CASA DE CRISTINA KIRCHNER EX PRESIDENTE DA ARGENTINA . A OPERAÇÃO VAZOU, MAS A POLÍCIA CHEGOU ANTES QUE QUEIMASSEM TUDO .… era uma queridinha da esquerda

Montanha de Euros e Reais queimados foi encontrada na casa de Cristina Kirchner?

A história viralizou com força no Brasil e, claro, foi compartilhada como “prova” contra o socialismo e como uma acusação indireta aos governos do PT (uma vez que Cristina Kirchner é aliada do partido e que há acusação de “notas de Reais”). Mas será mesmo que a acusação procede? A resposta é não. Vamos aos fatos.

Quando batemos o olho na publicação, tivemos uma sensação de déjà-vu. A história é muito parecida com outra desmentida em 2018 por aqui e fala de “caixas de remédio” encontradas com dólares no Porto de Santos. Em comum está o fato de um vídeo fora do contexto ser compartilhado com uma mensagem vaga, alarmista, com erros de português e sem citar fontes confiáveis (ou seja, características de boatos).

Dado o histórico e as características da mensagem, resolvemos buscar pela tal operação que, convenhamos, seria um escândalo. Nada encontramos sobre montanhas de dinheiro sob a posse da ex-presidente Argentina. A notícia mais recente que temos (29/03/2019) é a que ela foi condenada pelo uso do avião presidencial para fins pessoais.

Sem muitas respostas, fomos buscar pela origem do vídeo. E aí descobrimos duas coisas. A primeira é que ele foi atribuído a outros políticos mundo afora. Na Nigéria, ele foi usado, inclusive, por uma candidata à Presidência para atacar um adversário. Em Camarões, circulou como o dinheiro da mulher de um político. Na Rússia e no Paquistão também circularam fake news usando o vídeo como “prova”.

A segunda coisa que descobrimos é que o dinheiro não é real e que o caso nada tem a ver com corrupção ou operação da polícia. Trata-se de uma obra do artista espanhol Alejandro Monge. Essa foto mostra o próprio artista junto à montanha:

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

#quemeloquitandelasmanos 💵💵💵🔥🔥🔥

Uma publicação compartilhada por Alejandro Monge (@monge_art) em

Por ter suas imagens utilizadas de forma errada mundo afora, Alejandro chegou a virar notícia na Espanha. O El Heraldo o classificou como uma vítima de um boato que tem se espalhado na web. Ele também falou à TV, como é possível ver no vídeo abaixo:

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por Alejandro Monge (@monge_art) em

Resumindo: a história que aponta que uma montanha de Euros e Reais foi encontrada na casa da ex-presidente argentina Cristina Kirchner é falsa. As notas são “de mentira” e as imagens são de uma obra de arte de um artista espanhol.

Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Compartilhe este artigo:

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)