Vídeo mostra encontro de Oceano Pacífico e Oceano Atlântico, que não se misturam #boato

Boato – Gravação mostra o ponto de encontro entre o Oceano Pacífico e o Oceano Atlântico. Vídeo mostra que oceanos não se misturam.

Fenômenos naturais sempre causam um verdadeiro frisson na internet. Eventos como tsunamis, terremotos e furacões mexem com a nossa curiosidade.

E parece que muita gente ficou, novamente, curiosa ao longo dessa semana. Tudo isso por conta de um vídeo que seria do encontro entre os Oceanos Pacífico e Atlântico.

De acordo com a postagem, os oceanos não se misturam. “Ponto de encontro entre oceano Atlântico e o oceano Pacífico. Eles se tocam mas não se mistura. coisa de Deus !”, diz a mensagem. Confira o vídeo:

Vídeo mostra encontro de Oceano Pacífico e Oceano Atlântico, que não se misturam?

O fenômeno é realmente bonito e gera grande curiosidade sobre os motivos da não-mistura. Mas será mesmo que as informações que acompanham o vídeo são reais A resposta é não! Se você quiser saber mais detalhes sobre a história e descobrir onde as imagens foram feitas, continua lendo.

Ao analisarmos o vídeo, encontramos alguns pontos que colocam em xeque as informações apresentadas na postagem. O primeiro deles é relacionado ao local onde as imagens poderiam ter sido feitas. Tecnicamente, o único local onde poderíamos gravar o encontro do Oceano Atlântico com o Pacífico seria no extremo sul do continente americano, em um lugar chamado Cabo Horn, localizado no arquipélago da Terra do Fogo.

Essa constatação nos ajuda a desvendar toda a farsa. É possível observar que todas as pessoas que se encontram no barco estão de bermuda. Por estar próximo da Antártica, o Cabo Horn é uma região extremamente fria, com temperaturas médias de 5°C. Ou seja, seria mais provável que as pessoas estivessem de moletom, correto?

Além disso, vale ressaltar que o local é conhecido mundialmente como um dos locais mais perigosos para se navegar, justamente pelas condições instáveis. A travessia sofre com mudanças de vento (que podem atingir picos de até 200km/h) e de clima. Toda essa instabilidade rendeu ao local o apelido carinhoso de “fim do mundo”. Ou seja, o que um barco de turismo estaria fazendo ali?

Outro ponto que deixa uma pulga atrás da orelha é que fotos do Cabo Horn não mostram esse “encontro de águas”. Se o fenômeno realmente acontecesse, com certeza o local usaria o evento como atrativo para os clientes.

E antes que você saia procurando por imagens do “encontro dos oceanos”, já adianto: não perca o seu tempo. Os buscadores não mostram imagens do encontro no Cabo Horn, porque esse fenômeno não existe entre os oceanos.

A fronteira dos oceanos é definida pela Organização Hidrográfica Internacional. A divisão é feita de acordo com temperatura, salinidade, correntes e marés, por exemplo. São linhas imaginárias e não existe algo visível que possa identificar as fronteiras dos oceanos. Nesse vídeo, você pode observar que os oceanos Pacífico e Atlântico se misturam sim (e não possuem cores diferentes).

Então, de onde seria esse vídeo com “encontro de águas”? Eu explico. O encontro ocorre entre o rio Fraser, no Canadá, e o Estreito de Geórgia (mar), nos Estados Unidos. É possível ver mais gravações desse encontro em outros vídeos na internet. Confira:

Vale ressaltar que esse mesmo fenômeno também pode ser visto em outros lugares no mundo. No Brasil, por exemplo, existe o encontro entre os rios Negro e Solimões. Nos EUA, temos o encontro entre o rio Mississipi e o Golfo do México (mar). Na Dinamarca, existe o curioso encontro entre o Mar Báltico e o Mar do Norte, que não provoca o fenômeno da diferença de cores, mas causa um evento parecido com a “pororoca” brasileira (que também é causado pelo encontro entre um rio e o mar).

Em resumo: o vídeo não retrata o encontro de dois oceanos. Vale repetir mais uma vez: o encontro entre dois oceanos não gera esse efeito. Na realidade, o vídeo mostra o encontro entre um rio e o mar. Se gostou do vídeo, repasse a informação correta: o encontro acontece entre o rio Fraser e o Estreito de Geórgia, na fronteira entre o Canadá e os EUA.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

6 comentários em “Vídeo mostra encontro de Oceano Pacífico e Oceano Atlântico, que não se misturam #boato

  • 19/06/2018 em 15:05
    Permalink

    As coisas que Deus faz, são inquestionáveis.

    Resposta
  • 20/05/2018 em 14:59
    Permalink

    Só pra responder à questão do que um barco de turismo estaria fazendo no Cabo Horn, eu fiz um cruzeiro entre o Chile e o Rio de Janeiro que passou pelo Cabo Horn, sem problemas, dirante o verão. Vários navios de cruzeiro passam por ali!

    Resposta
    • 27/06/2018 em 11:13
      Permalink

      Não passa, os navios de passageiros utilizam o estreito de Magalhães, passando por Punta Arenas. Para acessar Ushuaia os navios evitam o mar aberto, justamente para não expor os passageiros ao mar revolto no cabo Horn.

      Resposta
  • 30/04/2018 em 03:13
    Permalink

    Só para complementar a pororoca não existe mais aqui no Brasil, a devastação humana na foz do nosso rio acabou com esse belo fenômeno da natureza

    Resposta
    • 23/05/2018 em 17:23
      Permalink

      Infelizmente o homem esta acabando com tudo em todos os sentidos.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)