Carrefour de Bruxelas está vazio por falta de alimentos e pelo lockdown #boato

Boato – Devemos agradecer pelo preço dos alimentos ter subido no Brasil e por não ter tido lockdown. Isso porque o Carrefour de Bruxelas está vazio por falta de comida no país e por causa das medidas de isolamento contra a Covid-19.

Passados mais de um ano e meio do início da pandemia da Covid-19, a gente achava que a questão das medidas de isolamento (que, quando bem executadas, salvaram muitas vidas mundo afora) não estariam na pauta das fake news. Mas aí está uma história que prova o contrário disso.

Um vídeo de uma brasileira em uma unidade do supermercado Carrefour em Bruxelas está viralizando com mensagens ufanistas de apoio a Bolsonaro. No vídeo (que não será exibido aqui), a mulher mostra que o estabelecimento está completamente desabastecido. Mesmo sem ela explicar o motivo, mensagens apontam os culpados: 1) Falta de alimentos. 2) Medidas de isolamento para conter a Covid-19.

Seguindo aquela velha ladainha de “a economia não pode parar”, mensagens apontavam que a Bélgica estaria “na penúria” (olha só!) por causa das medidas de isolamento contra o Sars-CoV-2 (já não dá para chamar de “novo coronavírus”, né?) e por causa de falta de alimentos. Em alguns casos, chega a ser dito que temos que “agradecer” pelos preços altos no país e pelo presidente maravilhoso que não deixou as pessoas ficarem em casa. Leia a mensagem que circula online:

Versão 1: Olha o Carrefour em Bruxelas na Europa País riquíssimo Não tem comida A economia a gente ve depois Agradeça brasileiro porque ainda que subiu um pouco os alimentos ainda tem para comprar Graças ao nosso presidente que teve pulso firme Mesmo com as proibições do STF Ele incentivou o povo a trabalhar Senão aqui no Brasil estaria assim também

Versão 2: TERRA ARRASADA? DESABASTECIMENTO assola a Europa. Vejam cenas do Carrefour no Centro de Bruxelas, na Bélgica. Estamos muito longe de chegar a isso. Ainda bem que não fomos submetidos a lockdown nacional. Versão 3: Tai o resultado do fique em casa, isso ai é no carrefour no Centro de Bruxelas na Bélgica, a conta chegou.

Carrefour de Bruxelas está vazio por falta de alimentos e pelo lockdown?

O vídeo e o “ode ao presidente” se espalharam com todas as forças na internet. Porém, não é verdade que o supermercado vazio em Bruxelas é resultado do “Fique em Casa” e da falta de alimentos no país. Para chegar à solução do caso, bastou buscar mais detalhes sobre o tal desabastecimento.

Antes de falar do caso em si, é bom lembrar que as mensagens que circulam online seguem aquele velho roteiro das fakes news. Além de tratar de um tema popular em informações falsas (os ataques às medidas de combate à pandemia), as mensagens têm características de boatos online como serem vagas, alarmistas, com erros de português e falta de citação em qualquer fonte confiável.

A partir daí, resolvemos buscar pela origem da história. Não encontramos a origem do vídeo da brasileira no Carrefour. Encontramos, porém, em notícias na própria mídia belga os motivos para o supermercado estar vazio. Spoiler: não tem relação com a pandemia nem com falta de comida no país.

Vale lembrar que, no momento, a Bélgica tem mais 70% da população vacina e quase nenhuma medida de restrição. A obrigatoriedade das máscaras foi levantada no mês passado e uma das poucas medidas é o passaporte da vacinação. Logo, não há “lockdown” no país.

Ao buscar por notícias sobre o “Carrefour de Bruxelas” estar vazio, achamos reportagens do Brussels Times. Em uma delas, o Carrefour na Bélgica confirmou o desabastecimento. Porém, o motivo não foi falta de comida. Como mostra a própria matéria, o motivo para o desabastecimento é uma greve de funcionários do setor de logística de uma empresa que trabalha exclusivamente para a rede de supermercados no país.

O episódio acendeu um alerta. O mesmo Brussels Times apontou que há um déficit de 5 mil caminhoneiros no país. A situação é similar com a que enfrenta o Reino Unido, que sofre com a insuficiência de profissionais da área e corre risco de desabastecimento.

Resumindo: apesar de o vídeo no Carrefour na Bélgica ser real, não é verdade que o desabastecimento está se dando por falta de comida ou por medidas de isolamento contra a Covid-19. Estamos diante de mais uma história falsa criada em cima de um vídeo real.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet