Menina de três anos ressuscita durante o próprio funeral na Filipinas #boato

Boato – Uma menina de três anos de idade voltou a vida após ser benzida no funeral. Compartilhe esse milagre.

No dia 12 de julho de 2014, a cidade de Zamboanga Del Sur, nas Filipinas, parou devido a um suposto milagre. Uma menina de três anos de idade acordou durante seu próprio funeral em uma igreja.

Durante a benção antes de seu enterro, a família entrou em comoção quando notaram que a menina começou a mover a cabeça – eles também sentiram o pulso da criança. As pessoas começaram a gravar as cenas inacreditáveis ​​quando de repente ela abriu os olhos. O pai a levou imediatamente para fora do caixão e aconchegou-a em seus braços.

Criança Menina ressuscita em seu próprio funeral nas Filipina, Assista AQUI ao momento exato em que a criança levanta e é tirada do caixão.

Não demorou muito para a história se espalhar na internet. Diversos sites de notícias internacionais e do Brasil acabaram publicando a história. A história é linda e tem diversos pontos que são reais. Porém, escorrega em alguns fatores.

O primeiro e mais óbvio (pelo menos para os mais céticos) é que ela, de forma alguma, a menina ressuscitou. O que aconteceu foi que ela foi clinicamente dada como e, muito provavelmente, estava apenas em coma.

No relatório da Polícia do Inspetor Heidil Teelan, que despachou oficiais para verificar o incidente bizarro, consta o seguinte:

enquanto Teelan confirma que eles ‘não são a autoridade adequada para confirmar o caso médico’, os pais da criança afirmam a menina sofreu uma grave febre por dias e foi trazida para a clínica na cidade para atendimento médico na sexta-feira.

‘Durante esse tempo, o pessoal da clínica presentes e médico confirmou que o jovem paciente não tinha mais pulso e estava clinicamente morta última manhã de sábado cerca de 9:00’, disse Teelan.

Com base nos relatos de participantes do funeral, um dos vizinhos que removeu a tampa do caixão viu a cabeça da menina do movimento garota. ‘Isso levou-os a verificar e confirmar a menina tinha pulso e estava vivo’, disse Teelan.

O segundo ponto e mais triste da história. Na segunda-feira, 14 de julho, a Dra. Mary Silyne Asor-Cabahug usou um monitor cardíaco para avaliar a condição da garota. Ela não encontrou sinais de vida e confirmou que a criança estava morta. Foi aconselhado aos pais enterrar a garota o quanto antes para evitar doenças.

Portanto, o vídeo da garotinha acordando no seu próprio funeral é verdadeiro. Mas, nem ela ressuscitou. E, infelizmente, ela não sobreviveu e foi dada novamente como morta dois dias depois.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)