Assaltantes são estuprados por homem gay durante 5 dias #boato

Boato – Após invadirem a casa de um homem gay, assaltantes foram presos e assaltados por cinco dias. Caso aconteceu nos EUA.

É fato que o número de histórias falsas divulgadas em portais de notícias é bem pequeno se comparado com o que rola em redes sociais. Também é fato que a maioria destas notícias vêm do exterior e se encaixam na categoria “bizarro”. É o caso de hoje da história do Boatos.org.

Circula na internet uma história de um assalto um tanto quanto malsucedido. Ele aponta que dois assaltantes tentaram invadir a casa de um homem gay nos EUA e se deram mal. De acordo com o texto, Garfield Morgan e Kim Gorton invadiram a casa de “um estuprador de gays”, Harry Harrington. Em vez de realizarem o roubo, eles foram presos e estuprados por cinco dias. Leia:

Assaltantes são estuprados por 5 dias por gay após invadirem a casa

Uma dupla de assaltantes se arrependeu amargamente da ideia de assaltar a casa de um homem morador da Flórida, nos EUA. Sem saber onde estavam se metendo, Garfield Morgan, de 54 anos, e Kim Gorton, de 36 anos, acabaram invadindo a casa de uma figura conhecida da policia local: um estuprador de gays!

Segundo informações do site “Thugify”, o dono da residência era Harry Harrington, um sugar daddy com mais de dois metros de altura e 130 quilos, Harrington, ou melhor, The Wolfman, como é conhecido, possui diversas passagens pela polícia por agressões e abusos sexuais de jovens gays.

Tanto o estuprador como os assaltantes acabaram presos. Garfield Morgan e Kim Gorton por tentativa de roubo e o sugar daddy por agressão, estupro e por os manterem em cárcere privado.

Assaltantes foram estuprados por homem gay durante 5 dias?

A reação das pessoas em redes sociais foram um tanto quanto diversas. Algumas chegaram até a “comemorar” a vingança do morador. Outros aproveitaram para falar mal dos gays. O que tanto um lado quanto o outro não esperava é que a história é falsa. Vamos aos fatos.

A história ganhou “credibilidade” e chegou ao Brasil após um print de um jornal publicar o caso. Na capa, estava a foto do “Wolfman”. O que ninguém checou a real fonte da informação. O site Snopes aponta que a história surgiu no tabloide Sunday Sport. A veículo é uma mistura de fofocas com notícias falsas das mais bizarras como, por exemplo, “Asno assalta um banco” ou “Hitler era uma mulher”.

Mas e a foto? Seria ela uma prova do crime? Na realidade, também não. Ela não é de nenhum Harry Harrington. Ela circula na internet desde 2009 e já teve “outros nomes”.Já a foto de uma das “vítimas” do gay é do norte-americano Michael Patrick Kelly, preso em 2004 e não dos nomes citados acima.

Resumindo: a história que circula na internet é falsa. Foi inventada por um tabloide e republicada por muitos sites. Inclusive no Brasil. Não teve nenhum caso de estupro de assaltantes.

Ps: Esse artigo é uma sugestão dos leitores Samys Júnior e Alessandro Cyrino. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato pelo siteFacebook ou envie uma mensagem para o número (61) 99331-6821 no WhatsApp.

Compartilhe este artigo:

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)