Anthony Fauci diz, em e-mail vazado, que coronavírus é fruto de engenharia genética #boato

Boato – O imunologista norte-americano Anthony Fauci teve e-mails vazados. Em um deles, ele apontou que o coronavírus aparenta ser fruto de engenharia genética.

Passado mais de um ano e meio do primeiro caso de Covid-19 no mundo, a origem do coronavírus não está totalmente esclarecida. Enquanto a OMS aponta que a hipótese mais provável é de que ele tenha surgido na natureza, os EUA abriram investigações para apurarem a hipótese de que a pandemia tenha surgido de um acidente em um laboratório. No meio disso, uma denúncia chamou atenção.

De acordo com mensagens que estão circulando em redes sociais e sites de direita, “e-mails vazados de Anthony Fauci” (imunologista norte-americano que tem participação no governo dos EUA) apontariam que ele disse que o coronavírus teria sido fruto de “engenharia genética”. A mensagem também aponta que ele teria apontado para a inutilidade das máscaras. “Vazam e-mails de Dr. Fauci, da Casa Branca, afirmando que o vírus chinês aparenta ser fruto de engenharia genética e inutilidade das máscaras”, diz a mensagem que circula online.

Anthony Fauci diz, em e-mail vazado, que coronavírus é fruto de engenharia genética?

A história se espalhou com muita força na internet. Porém, não é verdade que Anthony Fauci teve “e-mails vazados” ou que falou que o coronavírus é fruto de engenharia genética.

Toda a história surgiu após uma matéria do Buzzfeed News. O site conseguiu, por meio de um mecanismo similar à Lei de Acesso à Informação, o acesso a cerca de 3.200 e-mails de Anthony Fauci entre janeiro e junho de 2020. Neste sentido, a primeira informação falsa cai por terra: não se tratou de um “vazamento” e sim de um pedido feito por vias legais.

Em nenhum dos 3.200 e-mails, Anthony Fauci fala que o coronavírus (muito menos chama de “vírus chinês”) tenha sido criado por meio de engenharia genética (tese levantada por muitas pessoas ligadas a Trump nos EUA). O que houve foi uma interpretação errada de um e-mail.

Na realidade, Fauci enviou, via e-mail, o link de um artigo da revista Science ao biólogo Kristian Andersen. Porém, o artigo não falava sobre o coronavírus ter sido geneticamente modificado e sim sobre o trabalho de cientistas para encontrar a origem do vírus. Como resposta, Fauci ouviu que não haviam evidências para desmentir ou comprovar qualquer tese.

Vale lembrar que o e-mail em questão é datado de 31 de janeiro de 2020. Na época, se sabia muito pouco sobre o vírus e, naquele momento, se tratava de uma doença que não havia atacado o ocidente. O conhecimento era tão pequeno que, de fato, Fauci chegou a falar na época que as máscaras não protegeriam contra o coronavírus. Porém, com o tempo, ele mudou de posição (principalmente com evidências que mostravam a transmissão do vírus pelo ar) e, mais recentemente, chegou até a falar que o e-mail foi mal interpretado.

A história já foi, inclusive, desmentida nos Estados Unidos (como é possível ver nestes artigos aqui e aqui) e no Brasil (pela Agência Lupa). 

Resumindo: a história que aponta que o imunologista Anthony Fauci disse que o coronavírus é fruto de engenharia genética é falsa. Nos e-mails publicados pelo BuzzFeed não há essa declaração e a obtenção dos arquivos não foi por meio de um “vazamento”.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3aIzl5T
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3w3sv3d
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3wa3LY1

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet