Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Fast-Checking > Fake news: Lula cortou 50% do salário de professores de Guaratinga (BA)

Fake news: Lula cortou 50% do salário de professores de Guaratinga (BA)

Boato – Lula resolveu cortar 50% do salário dos professores da cidade de Guaratinga, na Bahia. Faz o L. 

Uma mensagem que circula nas redes sociais afirma que o presidente Lula cortou o salário dos professores da cidade de Guaratinga, na Bahia. As mensagens também relacionam a maioria dos votos da cidade a favor de Lula.

“Guaratinga é Lula. Professores são Lula. Que se fodam, junto do Lula.”, “A população de Guaratinga – BA, incluindo aí os professores, elegeram Lula com quase 70% dos votos. Façam o ‘L’ petezada.” e “Guaratinga, onde Lula teve 70% dos votos. Parabéns, faz o ‘L’ o ‘L’.”, dizem algumas das mensagens que circulam online.

Lula cortou 50% do salário de professores de Guaratinga (BA)?

Houve de fato um corte no salário dos professores em Guaratinga, Bahia. No entanto, esse corte não pode ser atribuído ao presidente Lula, pois se trata de uma decisão local, relacionada à prefeitura da cidade. Mais do que isso, a prefeita da cidade é Marlene Dantas Martins (DEM). Ou seja: nem é do PT.

Vídeo: É falso que vacina da gripe tenha "vírus do câncer"

A mensagem sobre o corte de salário dos professores em Guaratinga é falsa. Lula não teve nenhuma relação com o corte. O corte ocorreu por conta de uma greve de meio período promovida por profissionais da educação.

Com base nas informações disponíveis, podemos concluir que as mensagens são falsas, uma vez que houve um corte salarial, mas Lula não teve relação com isso. O corte foi resultado de uma decisão da prefeitura, e a prefeita não era do PT. Ou seja: se trata de mais um fake news que circula online.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610)