Schumacher acorda do coma após seis anos e só reconhece a esposa #boato

Boato – Após seis anos, ex-piloto Michael Schumacher acorda do coma, mas só reconheceu sua esposa Corinna Betsch.

Qualquer fã de Fórmula 1 tem recordações do piloto Michael Schumacher. Seja pelo seu incrível modo de pilotar, pelas suas polêmicas nas pistas, seja por ter sido uma enorme pedra no sapato do piloto brasileiro e seu ex-companheiro de equipe, Rubens Barrichello.

Durante sua carreira, Schumacher conquistou todos os títulos que os pilotos mais jovens um dia sonham. O alemão se aposentou das pistas em 2006, retornou em 2010 e encerrou, definitivamente, sua carreira em 2012. E foi em dezembro de 2013, que um acidente em uma pista de esqui nos Alpes deixou Schumacher em coma induzido por seis meses.

Desde então, a família do heptacampeão de Fórmula 1 tem buscado os mais diferentes tratamentos para o piloto e quase nada se sabe sobre seu estado de saúde (o que alimenta as fake news). E de acordo com uma publicação nas redes sociais, Schumacher teria acordado do coma, mas só reconheceu a esposa, Corinna Betsch. Confira:

“Após 6 anos em coma, o alemão Michael Schumacher acordou de um coma e reconheceu sua esposa. Sua esposa que gastou a maior parte da sua fortuna com o tratamento de seu esposo antes da falência. Apesar da imensa fortuna ganhada na fórmula 1, enquanto ele dominava por anos, foram vários títulos e enormes contratos e patrocínios . A primeira pessoa ao despertar do coma a ser reconhecida foi ela. Ela foi a mulher que esteve lá, não partiu em todos os 6 anos… Não tenha medo de se comunicar com uma mulher forte, haverá dias em que ela será seu único exército”.

Schumacher acorda do coma após seis anos e só reconhece a esposa?

A informação rapidamente viralizou nas redes sociais, em especial, no Facebook e deixou muitos fãs emocionados. Apesar disso, a história não é verdadeira. A explicação fica por conta das informações que se sabem sobre o ex-piloto alemão até agora.

Ao olhar para a publicação, é possível notar que ela apresenta as principais características de fake news na internet, como o caráter vago, extremamente alarmista e a falta de fontes confiáveis.

Apesar da história ser muito bonita, não é a primeira vez que fake news sobre o estado de saúde de Schumacher geram fake news. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras delas, como a que dizia que o ex-piloto estaria com 44kg, teria sido abandonado e perdido sua fortuna. Também a que indicava que Michael Schumacher teria morrido em 2014 e, por fim, a que apontava que Schumacher teria morrido em 2016, aos 47 anos.

Ao buscar por informações sobre o estado de saúde do ex-piloto alemão, descobrimos que ele foi retirado do coma induzido seis meses após o acidente (que ocorreu no final de dezembro de 2013). Ou seja, não foram seis anos.

Desde então, quase nada se sabe sobre o estado de Schumacher. Vale ressaltar que o ex-piloto alemão já está há quase oito anos nessa situação (o que enterra de uma vez por todas essa história de seis anos). Além disso, o que se sabe até o momento são apenas especulações, uma vez que a família de Schumacher exigiu discrição em relação ao caso.

Em novembro de 2020, o ex-chefe da Ferrari e atual presidente da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), Jean Todt, afirmou que tem visitado Schumacher com frequência. Ele também disse que o ex-piloto alemão “continua lutando”. Em abril de 2021, foi a vez da assessora de Schumacher, Sabine Kehm, falar sobre o ex-astro da F1. Segundo ela, a família de Schumacher permaneceu bastante unida desde o acidente, mas não deu mais detalhes sobre a situação do ex-piloto. Já em agosto de 2021, a esposa de Schumacher, Corinna Betsch, concedeu uma entrevista para um documentário, produzido pela Netflix, sobre o ex-piloto. O serviço de streaming deve lançar o filme no dia 15 de setembro de 2021.

Por fim, em abril de 2014, diversos sites brasileiros apontaram que a assessora de Schumacher, Sabine Kehm, teria confirmado à rede de televisão alemã RTL que o ex-piloto teria despertado do coma por alguns segundos e reconhecido sua esposa. Entretanto, ao procurar pela informação no site da RTL, nada encontramos. Não existe nenhuma matéria sobre Michael Schumacher, em abril de 2014, no site da rede.

Em resumo: a história que diz que após seis anos, Schumacher despertou do coma e só reconheceu sua esposa é falsa! Pouco se sabe sobre o estado de saúde de Schumacher após seu acidente esquiando nos Alpes, em 2013. Sabemos que o ex-piloto alemão saiu do coma induzido seis meses após o ocorrido e continuou seu tratamento em casa. Recentemente, a família de Schumacher e sua assessora informaram que ele está bem. Quanto à história de hoje, não existem elementos que possam provar a tese. Ou seja, não passa de balela.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso