Silvio Santos faz compras na 25 de Março, usa relógio de R$ 25 e fala de Jesus #boato

Boato – Ao ser encontrado fazendo compras na rua 25 de Março, em São Paulo, Silvio Santos dá lição de moral que cita Jesus e relógio de R$ 25.

Não é de hoje que histórias folclóricas envolvendo figuras famosas. Uma das mais notáveis é Silvio Santos. No conto de hoje, ele teria dado uma lição de humildade ao fazer compras na 25 de Março (ponto tradicional do comércio popular em São Paulo).

De acordo com o texto, Silvio Santos contou que foi fazer compras na 25 de Março e foi abordado por um cidadão. A pessoa indagou o motivo de ele estar lá. Foi aí que Silvio Santos teria dito que ele economizava dinheiro para dar ao mais pobres e, por isso, usava relógios de R$ 25 e calças de R$ 60. Ele também teria citado Jesus. Leia a mensagem que circula por aí:

Hoje eu estava andando na rua, mais especificamente na 25 de Março e um jovem de bicicleta me parou e disse: Silvio Santos fazendo compras na 25 de Março? você é o homem mais rico do Brasil, poderia comprar na loja mais cara do mundo mas está no lugar mais barato do país. Então lhe respondi: Meu amigo, Jesus me ensinou a ser simples, por isso prefiro usar roupas simples para dar aos pobres tudo o que gastaria em lojas luxuosas, meu relógio de 25 reais, mostra o mesmo horário do relógio de 1 milhão de reais, minha calça de 60,00 veste da mesma forma que a calça de 40 mil. Meu amigo, vejo muito pobre se endividando para fingir ser o que não é. Que Deus abençoe a todos!

Silvio Santos faz compras na 25 de Março, usa relógio de R$ 25 e fala de Jesus?

Não demorou nada para a história cair no gosto popular e gerar inúmeros compartilhamentos em redes sociais. Porém, não há qualquer registro de que Silvio Santos teria dado a tal declaração.

O texto e o histórico já nos chamam atenção. A mensagem tem características de fake news como o caráter vago, alarmista e a falta de fontes confiáveis que pudessem comprovar a veracidade da situação.

Não obstante, não é de hoje que lorotas envolvendo histórias que teriam ocorrido com o apresentador circulam na Internet. Não faz muito tempo que desmentimos uma balela que apontava que Roque teria uma vez recusado um emprego para ele e ouvido uma lição de moral.

Assim como em outros casos, a história brotou do nada. Não há qualquer referência do episódio em fontes confiáveis. Imagine só se Silvio Santos resolvesse “fazer comprinhas” na 25 de Março? Não só iria causar uma confusão como também viraria notícia.

A referência mais próxima que temos é de um episódio no qual Silvio Santos usou um relógio de R$ 20 e falou em redes sociais que assim ele pareceria mais novo (porque o relógio era vermelho). Em nenhum momento, ele falou sobre dinheiro aos pobres, Jesus (até porque ele é judeu) ou outras coisas. Era só uma pose para o Insta.

Ao procurar pelas fontes da informação, descobrimos que, assim como em outros casos de fake news, o conto “brotou” em redes sociais (provavelmente, de uma mente brilhante). Vale apontar, ainda, que a imagem que ilustra a história sequer é de Silvio Santos na “25 de Março”. Na realidade, a imagem é de 2012 dele saindo do salão do cabelereiro Jassa. 

Resumindo: é falsa a história que aponta que Silvio Santos foi flagrado comprando na 25 de Março e que deu uma lição de moral sobre isso. A história é mais uma balela que circula em redes sociais e Zapzap.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3HIppbu
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet