PRF prende motorista cego que usava papagaio como GPS #boato

Boato – A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um motorista cego que usava papagaio como GPS em Uruguaiana (RS). O Gol azul andava em zig-zag na estrada e, ao ser parado pela polícia, o homem disse que levava o papagaio para que desse as coordenadas.

Vivemos na era da desinformação, onde as fake news têm grande espaço na internet e na vida das pessoas. Logicamente, algumas podem ser prejudiciais a empresas, celebridades e cidadãos comuns – e disso você já sabe. Mas há outras também que, além de inofensivas, temos que concordar que até dão aquela injeção de bom humor em dose ideal para o dia, de tão cômicos que são os causos contados.

É o caso da nossa história de hoje. Uma publicação que começou a circular no Facebook dá conta de que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) teria prendido um motorista cego que usava um papagaio como GPS na cidade de Uruguaiana, no Rio Grande do Sul. A postagem, que acompanha supostas fotos da abordagem policial e uma história bem engraçada sobre a tal ocorrência (com direito à narrativa dos diálogos e tudo), explica que supostamente o homem dirigia um Gol azul, que andava em zig-zag por uma estrada próxima ao aeroporto.

Diante da situação, a PRF teria parado o veículo e, ao pedir para que o motorista descesse, notou que ele tinha deficiência visual. O homem tentou esconder o papagaio no porta-luvas, mas sem sucesso. Ao ser questionado pelos policiais, ele informou que carregava o animal no painel do carro para que o mesmo desse as coordenadas das viagens. Mais que isso, o homem também estaria bêbado. Confira, a seguir, o texto original da publicação que está rodando online:

PRF PRENDE MOTORISTA CEGO QUE PARA DIRIGIR, USAVA UM PAPAGAIO COMO GPS. Na tarde desta sexta-feira,(06) a polícia rodoviária Federal de Uruguaiana recebeu uma denúncia em que um gol azul estaria andando em Zig zap na entrada do trevo de acesso ao aeroporto. Ao chegar no local se deparou com o veículo em cima do trevo de acesso. Dada a ordem para o motorista descer do veículo, notaram que o homem era deficiente visual, e que o mesmo tentava esconder um papagaio no porta luvas do carro. Indagado sobre como conduzida o veículo sem possuir visão, o homem disse que levava o papagaio no painel para que o mesmo desse as coordenadas. O papagaio dizia: – dobra a direita. – dobra a esquerda. – Dá o pisca aí cuzao. – Anda mais rápido fio duma égua. – Toca pro cabaré das nega touro. E segundo o homem,o mesmo usa esse método a 18 anos e nunca foi parado. E segundo o depoimento do papagaio, o acidente só aconteceu porque ele se distraiu com uma mulher de bunda grande que passou correndo em direção ao aeroporto. O papagaio passou por teste do bafômetro, aonde foi constatado que o mesmo estava bêbado. Diante do fato inusitado o senhor foi encaminhado até a delegacia de Polícia Civil para que as medidas necessárias fossem tomadas.

PRF prendeu motorista cego que usava papagaio como GPS?

A história viralizou rapidamente e gerou várias reações e comentários divertidos sobre o episódio, além de vários compartilhamentos. Uma das publicações chegou a alcançar 9,6 mil compartilhamentos em uma média de 10 dias. Porém, tudo não passa de uma piada.

E desconfiamos disso logo de cara, justamente pela falta de verossimilhança nos detalhes do caso. Além do fato principal de que seria impossível uma pessoa com deficiência visual dirigir seguindo as coordenadas de um animal (que, é claro, é irracional), várias nuances dessa história possuem características de contos ou piadas, como as supostas falas do papagaio, o depoimento e o teste de bafômetro do mesmo junto à polícia – o que nem precisamos discutir se é verdade ou mentira.

Em segundo lugar, já desmentimos um boato com enredo bem parecido com esse e relacionado à Uruguaiana (RS). No post anterior, o causo era de um suposto idoso de 95 anos que teria sido flagrado na cidade andando de moto a 280 Km/h. Ao ser parado pelos policiais, ele teria dito que não sabia que estava trafegando em alta velocidade, pois estaria com catarata e não enxergou o painel da motocicleta. Assim como neste caso, o que há é uma cópia do mesmo texto, com nenhuma outra nuance ou mesmo publicações em fontes confiáveis de notícias que possam confirmar a informação.

Além do mais, para terminar, as fotos usadas para espalhar o conto sobre o homem cego e o papagaio não têm nada a ver com o caso. Na realidade, as imagens do papagaio com os policiais são de um resgate realizado pela PRF de 165 filhotes de papagaios e uma arara-vermelha que estavam sendo transportados em um veículo que circulava pela Rodovia Adalberto Panzan, em Campinas (SP). As aves estavam guardadas dentro de caixas e com sinais de maus tratos. Na ocasião, dois homens foram detidos, já que não tinham autorização ambiental para transportar animais. O caso aconteceu em outubro deste ano. Já a outra foto usada na publicação é referente a uma prisão “genérica” realizada pela PRF.

Resumindo: A publicação que dá conta de que a PRF teria prendido um motorista cego que usava um papagaio como GPS não é verdadeira. A história é uma cópia de outras publicações com o mesmo teor cômico. Além disso, as imagens usadas para espalhar o boato são, na verdade, de um resgate de aves realizado pela PRF em Campinas (SP), em outubro deste ano.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2QvB43t
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK