Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Entretenimento > Paul McCartney não cantou música em homenagem a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro

Paul McCartney não cantou música em homenagem a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro

Paul McCartney cantou música em homenagem a Michelle Bolsonaro, diz boato (Foto: Reprodução/Twitter)

Boato – Paul McCartney cantou a música Michelle no Brasil em homenagem a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro.

Análise

Enquanto o cantor Paul McCartney está fazendo uma série de shows no Brasil, bolsonaristas têm compartilhado um vídeo que seria uma homenagem do cantor a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro.

No início, Paul fala “espero que o presidente me perdoe se eu cantar essa”. Em seguida, ele canta o clássico dos Beatles Michelle. O vídeo também contêm montagens de ele cantando e das imagens do “casal Bolsonaro” (Jair e Michelle). Leia as mensagens que circulam online:

Vídeo: é falso que Sadia esteja dando prêmios para quem compartilhar no WhatsApp

Versão 1: Paul MxCartney homenageando a Michele Bolsonaro! O molusco e a esbanja devem estar verdes de inveja! Versão 2: Agora, ou a Putanja se mata ou o Luladrão manda matar os “oponentes”…!!!!

Checagem

Na parte da checagem do conteúdo, vamos responder às seguintes questões: 1) É verdade que Paul McCartney cantou uma música para Michelle Bolsonaro? 2) Em que contexto ele cantou a música Michelle e “pediu desculpas para o presidente”? 3) Paul McCartney tem simpatia por Bolsonaro?

É verdade que Paul McCartney cantou uma música para Michelle Bolsonaro?

Não é verdade. Para quem não sabe, a música Michelle foi lançada em 1965, no álbum Rubber Soul. Ou seja: é de antes do nascimento de Michelle Bolsonaro. Além disso, o vídeo que está circulando na internet não é de 2023 e não tem relação com Jair Bolsonaro e o Brasil.

Em que contexto ele cantou a música Michelle e “pediu desculpas para o presidente”?

Na realidade, o vídeo em questão é de 2010. O pedido de “desculpas para o presidente” é, na realidade, direcionado ao ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama. Na ocasião, ele participou de um show dentro da Casa Branca nos Estados Unidos. Assista:

Paul McCartney tem simpatia por Bolsonaro?

Na ocasião, Paul McCartney declarou apoio a Barack Obama. Se formos pensar que Bolsonaro é de uma corrente política contrária a dele, podemos inferir que ele não nutre simpatia pelo ex-presidente brasileiro. Isso pode ser mostrado em uma entrevista de 2019 na qual ele disse ver a ascensão de “políticos que causam medo”. 

Conclusão

Fake news ❌

É falso que Paul McCartney cantou uma música em homenagem a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro. O vídeo foi uma dedicatória a Michelle Obama e nada tem a ver com 2023 e o Brasil.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610)