Volnei, motorista da Uber, está estuprando mulheres em Nova Iguaçu #boato

Boato – Cuidado! Volnei, motorista da Uber, está dando bala batizada e realizando estupros em mulheres de Nova Iguaçu (RJ).

Pelo o que tudo aponta, muitos dos boatos do início de 2017 (ou final de 2016) estão girando em torno do Uber. A massificação do aplicativo (que está se espalhando por cidades menores) junto com a desconfiança com ele (principalmente por meio de taxistas) está ocasionando isso. Há poucos dias, falamos do caso de Marcos Trigueiro. Agora, outra história circula online.

Volnei, motorista da Uber, está atacando mulheres, diz boato
Volnei, motorista da Uber, está atacando mulheres, diz boato

Ela aponta que Volnei, um motorista da Uber de Nova Iguaçu (RJ), está atacando mulheres. A mensagem que circula por WhatsApp usa a foto do homem e diz que ele dirige um Logan e dá “bala batizada” para as mulheres. Leia as duas versões do texto que circula online:

Esse motorista de uber é de Nova Iguaçu e está atacando mulheres atacou uma conhecida. Nome: Volnei. Dirige um Renault Logan. Por favor, repassem.

Esse marginal é motorista da EBER, ele está dando balas batizadas e tenta estuprar, o nome dele é Volnei dirigi um Renaul Logan… vamos compartilhar…

Volnei, motorista da Uber, está atacando mulheres em Nova Iguaçu?

É claro que, mesmo sem checar, muita gente começou a compartilhar a foto do “marginal”. E aí está o caso espalhado pela internet. Mas será mesmo que ele está estuprando mulheres? A resposta é não. Vamos aos fatos.

O primeiro ponto está nos próprios textos das mensagens. Ela simplesmente joga uma acusação genérica a um homem e expõe a foto dele na internet. Não são raros os casos em que isso acontece. Para quem não se lembra, um desses casos culminou na morte de uma mulher em Guarujá (SP).

O segundo ponto está na falta de informações. Se o homem é “um estuprador” e está “aí disponível” no Uber por que ninguém fez uma denúncia à polícia para prendê-lo. É, no mínimo, pouco inteligente, um homem realizar crimes e estar disponível para viagens (ou para ser encontrado a qualquer momento).

Por fim, encontramos uma própria resposta do próprio Volnei. Postado pela nora dele, um vídeo mostra o homem apontando que a história se trata de um boato. De acordo com a filmagem, ele aponta que houve um mal-entendido e que o caso já está resolvido pela polícia e pela mãe da pessoa. Assista ao vídeo e tire as suas conclusões.

Pelo conteúdo do vídeo, ele aponta que “tudo não passou de um grande engano”. Tentamos entrar em contato, via Facebook, com a família de Volnei, para entender melhor o caso. Até o momento da publicação, não obtivemos resposta. Mas só pelo vídeo e pelo fato de o homem ter “dado as caras”, dá para cravar que é boato.

E vamos convir, a internet não é melhor espaço para fazer uma acusação. Se houvesse algum caso de “ataque a mulheres”, o melhor a fazer seria uma denúncia às autoridades. E aí, deixe que elas averiguem o caso.

Resumindo: não há nenhuma prova que o homem esteja realizando estupros. Para além disso, ele teve coragem de vir a público para negar as acusações. Dá para afirmar que tudo não passa de um boato que circula online. Pelo menos com o que temos até o momento.

Ps.: Esse artigo foi uma sugestão de Pri Reis e diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook ou WhatsApp no telefone (61) 99331-6821.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)