Rodoil, rede de postos de combustíveis, pertence ao PCC #boato

Boato – Vamos boicotar a rede de postos de combustíveis Rodoil. Ela pertence à facção criminosa PCC e vende combustível adulterado.

Hoje, as fake news sobre temas como política e (pelo menos na época do auge da pandemia) saúde são tão dominantes que um tipo de boato parou de circular: o da acusação contra marcas. Contrariando o fluxo comum, hoje vamos falar de uma história que envolve a rede de combustíveis Rodoil.

De acordo com mensagens que estão circulando na internet, as pessoas deveriam boicotar os postos de gasolina em questão. O motivo seria o fato de a Rodoil pertencer ao PCC.

Confira também: É falso que Lulinha foi preso no Paraguai! Confira o desmentido em vídeo:

Clique e siga o Boatos.org no YouTube

A história viralizou por meio de um áudio de um sujeito que se diz fiscal. Ele também diz que o combustível é de “péssima qualidade” e que foi ameaçado pelo gerente de uma unidade da marca. Graças ao arquivo, muitas mensagens relacionadas ao tema também se espalharam online. Leia os textos e a transcrição:

Transcrição: Pessoal, vamos lá, agora eu vou dar uma umas dicas, tá? Pro pessoal aí, todo mundo sabe que eu sou fiscal do IPEM, Instituto de Peso e Medidas do Estado de São Paulo, órgão delegado do INMETRO. A dica de hoje o que que é? Tá? Quem for abastecer seus veículos não abasteçam na rede e agora é uma rede nova que chama Rodoil. Tá? O que que acontece? Esta rede está entrando no Brasil com tudo principalmente em São Paulo. Agora estão entrando Face São Paulo em todo o estado de São Paulo esta rede é do PCC, tá?

Eles trabalham entregando é produto de péssima qualidade e entregam produto a menos. Vamos lá no último dia do mês no dia trinta eu fiscalizei um posto deles e tive um problema sério com um dos gerentes e fui ameaçado de morte beleza estou acostumado passou segunda passou terça hoje eu fui dar apoio pra uma outra equipe tá?

Que também tinha pego eh a bomba marcando baixo, fraudada, tá? E um outro gerente da mesma rede na área do Butantan também me ameaçou de morte eu estou acostumado, eu estou na fiscalização eh faz vinte e sete anos, trinta e quase trinta e um de serviço público. Eu tenho Marcão, você não tem medo? Não, não tenho medo, tenho receio. Mas eh faz parte da minha profissão. Então só estou dando um toque pro pessoal aí tá? Pra não abastecerem os seus veículos em hipótese alguma nessa rede Rodoil que é do PCC. É muito complicado

Versão 1: Pessoal, boa tarde! Recebi um áudio no grupo do prédio onde moro, relatando sobre a rede de combustíveis Rodoil. Não abasteçam lá, a rede é de uma facção criminosa que todo mundo conhece e além disso, vende combustíveis de baixa qualidade e tem um sistema na bomba que põe mais ar do que combustível. E um absurdo. Repassem para amigos, familiares para que não caiam nessa. Versão 2: Essa marca Rodoil  do PCC chegou a pouco no Brasil . Que fez o áudio é uma delegado . Diz que o produto deles é de baixa qualidade

Rodoil, rede de postos de combustíveis, pertence ao PCC?

De fato, o áudio é para deixar as pessoas com uma “pulga atrás da orelha”. Porém, a história em questão não passa de um boato. A verdade se revela ao analisarmos as mensagens e cruzarmos alguns dados.

Os textos e o áudio, só para começar, têm todas as principais características de fake news. Eles são vagos, alarmistas, têm erros de português, pedem compartilhamento e não citam nenhuma fonte confiável.

Mais do que isso: ao fazer a correlação entre a facção e rede de postos de combustíveis, não é apresentada nenhuma prova. E já falamos mais de uma vez aqui que o ônus da prova é de que faz a acusação.

Ao buscar sobre o assunto, não encontramos a mínima relação entre Rodoil e PCC. Ao contrário disso, encontramos informações que afastam empresa e facção.

A Rodoil é uma empresa fundada em 2006 na cidade de Caxias do Sul (RS). Em todos estes anos de atuação, não consta qualquer denúncia ou acusação que o dono seja o PCC ou uma facção.

O PCC já foi acusado de usar postos de combustíveis para lavar dinheiro. Porém, a rede em questão da facção de São Paulo era outra. De acordo com investigação da PF, tratava-se de uma rede que foi vendida a outros postos.

Há, ainda, outras acusações sobre a empresa. Isso também teria virado notícia (afinal, adulteração de combustível é algo grave). Mais uma vez, nada encontramos sobre o assunto. Apenas o tal áudio.

Resumindo: é falsa a informação que aponta que a rede de postos Rodoil pertence à facção criminosa PCC. Trata-se de uma acusação sem provas e que é contradita pela realidade.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2oQa6tD
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet