Repórter pergunta a médico negro que tomou vacina na Bahia se ele é motorista ou socorrista #boato

Boato – Em caso de racismo, repórter pergunta a médico vacinado contra a Covid-19 na Bahia se ele é motorista ou socorrista do SAMU. 

A aplicação das vacinas Coronavac por todo o território brasileiro anda causando muito burburinho por aí. Há quem diga que o imunizante não é confiável, outros afirmam que não vão se vacinar e há até quem esteja dizendo por aí que as pessoas podem virar jacaré depois da vacinação.

Por outro lado, a história de hoje não tem nada a ver com acusações falsas sobre a vacina, mas sobre um ocorrido específico durante o processo de vacinação na Bahia.

De acordo com uma história que está circulando nas redes sociais, uma repórter teria feito uma pergunta racista a um médico socorrista que tomou a primeira vacina na Bahia. Segundo a mensagem, a repórter teria questionado o homem se ele seria motorista ou enfermeiro. Então, ainda de acordo com a história, o homem teria respondido que era médico. Confira:

“Da série: “Não existe racismo no Brasil”. Primeiro homem a ser vacinado em Salvador. Profissional do SAMU. A repórter pergunta: O senhor é motorista ou socorrista? Ele responde: sou médico”.

Repórter pergunta a médico negro que tomou vacina na Bahia se ele é motorista ou socorrista?

A informação caiu como uma bomba nas redes sociais e, logo, se espalhou pelo Facebook e pelo WhatsApp. . Apesar disso, a história não é real. Na realidade, trata-se de uma distorção da fala da repórter que estava cobrindo a vacinação.

Na publicação na internet, existe uma foto do médico citado na história. Logo abaixo, há a informação de que o homem se chama Uenderson Barbosa. E bastou uma rápida busca pelo nome do médico para descobrir que toda a fala foi distorcida. De acordo o site Metro1, a repórter citada na história é a jornalista Andréa Silva, da TV Bahia. No vídeo, durante a entrevista, após perguntar ao médico sobre a experiência e a sensação de se vacinar após uma longa espera, a repórter ainda questionou: “você é médico socorrista, enfermeiro, qual é a sua atuação?”. Após a resposta, ainda é possível escutar o médico falando o próprio nome “Uenderson”, enquanto olhava para a mesma direção onde estava a repórter (claramente, a jornalista perguntava sobre as informações pessoais do homem para poder identificá-lo na matéria).

Porém, o vídeo foi retirado de contexto. Em uma publicação, afirmou-se que a jornalista teria perguntado se Uenderson seria condutor ou enfermeiro. Entretanto, a própria pessoas que publicou admitiu o equívoco dias depois. Em um gesto que deveria ser normal entre todo mundo que compartilha fake news e descobre o caráter falso da mensagem depois, o autor admitiu o erro e pediu desculpas à repórter da TV Bahia.

Em resumo: a história que diz que uma repórter perguntou ao primeiro médico vacinado na Bahia se ele era condutor ou socorrista é falsa! No vídeo da reportagem, é possível ver que a jornalista Andréa Silva questiona o homem após a entrevista: “você é médico socorrista, enfermeiro, qual é a sua atuação?”.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/318Tn5c
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK