Polícia Militar do Rio de Janeiro vai entrar em greve #boato

Atualizado em 10/02: como havíamos adiantado, não há greve de policiais no Rio de Janeiro. As redes sociais da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro desmente quaisquer rumores publicados sobre o assunto.

Boato – Policiais militares do Rio de Janeiro vão entrar em greve a partir do dia 10 de fevereiro de 2017. O rio vai virar o caos.

Quem acompanha a situação no Estado do Espírito Santo consegue perceber a que ponto a violência urbana pode chegar sem a polícia nas ruas. Pois bem, um texto que circula online aponta que a situação pode ficar pior ainda.

Polícia Militar do Rio de Janeiro vai fazer greve, diz boato
Polícia Militar do Rio de Janeiro vai fazer greve, diz boato

O texto, que circula em uma imagem via WhatsApp e Facebook aponta que os policiais militares do Rio de Janeiro devem fazer a mesma coisa que os seus colegas do estado vizinho. O texto aponta que há uma greve marcada para o dia 10 de fevereiro. Leia o texto que circula online:

*ATENÇÃO* ACABOU O AMOR �� Isso é muito sério! Não é boato. Os grupos já estão se organizando no whatsapp. Não saiam de casa. Não abram suas lojas.

População do Rio de Janeiro: Não saia de casa à partir do dia 10/02/2017 às 6:00 da manhã! Familiares de policiais, inativos e pensionistas estarão impedindo a saída de viaturas dos batalhões assim como no Espírito Santo. O Rio vai virar o caos!!!! Agora é guerra.“

Outra versão do texto é uma imagem que mostra o seguinte:

Nota de esclarecimento dos policiais militares

No dia 10 de fevereiro de 2017, às 06:00am os Policiais Militares do Estado do Rio de Janeiro, estarão impedidos através dos seus familiares de pegarem suas viaturas. O governo do Estado do Rio de Janeiro, não realizou os pagamentos dos Militares e as reivindicações são: Salários em dia, 13º a ser pago, RAS Olímpico, Metas, Insalubridades, Periculosidade e Adicional Noturno.

Uma terceira versão mostra o seguinte:

Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro – Comando Geral – Gabinete do Diretor – Ref. Greve dos Policiais Militares Ativos e Inativos do Estado do RJ

1 – Ciente; 2 – Trata-se de uma greve geral lícita por motivos específicos requerendo o pagamento ref. aos meses de DEZ/16, JAN/17, FEV/17, 2ª parcela do 13º Salário/16, Periculosidade, Insalubridades e Auxílio Invalidez; 3 – Encaminhe-se a DPA/SP e DGP para conhecimento e apreciação quanto ao pleito; 4 – Encaminhe ofício às redes audiovisuais, com o específico fito de informação para que toda a população do Estado do Rio de Janeiro se previna, e evitem sair as ruas a partir dia 10/02/2017; 5 – Publique-se.

CQ, em 07 de fevereiro de 2017 – Coronel PM Wolney Dias – Comandante Geral da PMERJ

Polícia Militar do Rio de Janeiro vai entrar em greve?

É claro que o texto causou pânico geral, pelo menos na internet. Mas será mesmo que é verdade que os policiais estão planejando entrar em greve no dia 10 de fevereiro de 2017. A resposta é não. Vamos aos fatos.

Quando a informação surgiu online, a gente até ficou com uma pulga atrás da orelha por causa da publicação da notícia que familiares estão planejando um protesto no Rio de Janeiro para o dia 10 de fevereiro. Porém, o protesto é uma coisa. A greve é outra.

Para além do fato do texto estar um tanto quanto estranho (com diversos erros de português), a própria PM do Rio de Janeiro divulgou, por meio do Facebook, que os documentos são falsos: “São FALSOS esses documentos que estão circulando nas redes sociais. #eboato #falso”, diz.

Resumindo: a história que aponta que policiais do Rio de Janeiro vão entrar em greve é falsa. Já foi desmentida pela própria Polícia Militar do Rio de Janeiro. Vale lembrar que a Constituição de 1988 aponta que greve de militares é ilegal.

PS: Esse artigo foi uma sugestão de diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook ou WhatsApp, no telefone (61) 99331

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)