Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Brasil > Golpe cita nome de Maria Alice, AME e usa reportagem falsa atribuída a Brasil Urgente

Golpe cita nome de Maria Alice, AME e usa reportagem falsa atribuída a Brasil Urgente

Maria Alice tem AME, precisa de doações em Pix para comprar remédio e foi tema de programa do Datena, diz boato (Foto: Reprodução/Facebook)

Boato – Uma menina chamada Maria Alice tem AME, precisa de doações em Pix para comprar remédio e foi tema de reportagem no Brasil Urgente, programa de José Luiz Datena.

Análise

Vocês sabem que nós, aqui do Boatos.org, temos uma dedicação especial em relação a golpes que têm circulado por redes sociais (principalmente, por meio de links patrocinados). Podemos dizer, claramente, que este passou dos limites.

Tem se espalhado por redes sociais um link que pede doações para uma menina chamada Maria Alice. Junto a mensagens emotivas, é dito que a garota teria a doença AME e precisaria de doações para comprar o medicamento Zolgensma (considerado o remédio mais caro do mundo).

Vídeo: é falso que assalto foi realizado com camiseta no retrovisor de carro

Para tanto, é disponibilizado uma conta no Pix no e-mail [email protected]. Além disso, foram criados sites de doações como o solidario.site, esperançasparaalice.online (já fora do ar) e doebrasil.com.

Para completar, uma das versões da história tem um suposto vídeo do Brasil Urgente, com a locução do jornalista José Luiz Datena em que é “contada a história da menina”. Leia algumas das mensagens que circulam online e assista ao vídeo (enquanto estiver no ar):

Versão 1: Com a ajuda de Deus e de coração apertado, venho nas redes sociais pedir socorro para conseguir o tratamento da minha filha Maria Alice.. Já estamos em 84% da meta.. Estamos quase chegando no valor do remédio. Nos ajude por favor!

Versão 2: Conheça a história da Maria Alice, que vive uma luta diária pela vida enquanto espera o benefício do remédio chamado Zolgensma, que custa 6 Milhões de reais. Toque em Saiba Mais e conheça a história de superação dessa pequena jovem

Atenção meu Brasil, uma criança chamada Maria Alice precisa da nossa ajuda, ela está sofrendo com uma doença chamada atrofia muscular espinhal. O tratamento e o preço do remédio é desumano, uma criança precisar de seis milhões para sobreviver. É o Davi William pai da Maria Alice criou uma vaquinha nas redes sociais para conseguir essa medicação. Vamos ajudar esse pai a salvar sua filha. Eu tenho certeza que vamos conseguir ajuda. Eu até já fiz minha contribuição

Versão 3: Queridos amigos, agora ficou ainda mais fácil contribuir para a campanha de doação da Maria Alice! Utilize o PIX Email: [email protected] e faça sua doação de forma rápida e segura. Cada centavo faz a diferença na vida dela. Não podemos deixar de apoiar nesse momento difícil. Contribua com o que puder e ajude-nos a salvar a Maria Alice! Compartilhe essa mensagem e espalhe solidariedade. Juntos, podemos oferecer esperança e conforto para ela e sua família. Obrigado por ser parte dessa causa. #PIXparaMariaAlice #DoaçãoUrgente #Solidariedade

Checagem

Além de ter percebido um aumento de buscas sobre o assunto, recebemos uma denúncia de uma leitora que apontou para a fraude (totalmente baixa) envolvendo a suposta doença AME de Maria Alice. Por isso, vamos fazer a checagem do conteúdo respondendo às seguintes questões: 1) É verdade que uma menina chamada Maria Alice tem AME e precisa de doações em Pix? 2) É verdade que o Datena contou a história de Maria Alice no Brasil Urgente? 3) O que acontece se você doar dinheiro para a menina que tem AME?

É verdade que uma menina chamada Maria Alice tem AME e precisa de doações em Pix?

Não. Há diversos fatores que causam estranheza na história. O primeiro é que sequer é dito o sobrenome da menina. Além disso, não há qualquer vídeo da criança ou do pai (apresentado como Davi William, mas também não tem o sobrenome citado) nas redes sociais. Apenas fotos.

Algumas das fotos tem produtos na língua inglesa, o que denota que não se trata de uma imagem de alguém do Brasil (algo que não é dito em nenhuma mensagem). Todas essas suspeitas são confirmadas com um elemento: as imagens não são de Maria Alice.

Graças à ajuda de uma leitora do Boatos.org, descobrimos que se trata de uma menina norte-americana chamada Evelyn Rose. As imagens foram tiradas do perfil do Instagram “evelynexplores”, que mostrou que ela foi a primeira criança a viajar pelos 50 estados norte-americanos antes dos cinco meses.

A foto da menina com uma sonda nasogástrica é de uma postagem de julho de 2021 em que o pai relata que ela foi internada. Veja abaixo:

A foto é justamente a utilizada em diversas postagens do perfil do Instagram @amemaria.alice. Se a página não tiver sido retirada do ar, você pode ver abaixo (repare na roupa).

Não bastasse isso, a “reportagem” atribuída ao programa Brasil Urgente que “contaria” a história de Maria Alice é falsa.

É verdade que o Datena contou a história de Maria Alice no Brasil Urgente?

Na realidade, o conteúdo que está sendo publicado em redes sociais por meio de links patrocinados ou em uma página com muitos seguidores não passa de um vídeo feito com o auxílio de ferramentas de inteligência artificial que emulam a voz do apresentador.

É possível ver que o lettering não é o do Brasil Urgente (é uma simulação), que há erros (por enquanto, a dublagem não é perfeita) e não há qualquer registro da reportagem nas páginas oficiais do programa.

O que acontece se você doar dinheiro para a menina que tem AME?

Infelizmente, você vai sustentar um golpe. O Pix vai para uma pessoa com o nome anunciado na mensagem. De acordo com levantamentos, quem recebe a doação é um CNPJ. Logicamente, o dinheiro não vai para a Maria Alice (ou para uma menina com AME).

Conclusão

Golpe ⚠️

É terrível que tenhamos que nos deparar com uma história como esta, mas é nosso compromisso alertar que a tal vaquinha não passa de um golpe. Aconselhamos, inclusive, que você pesquise muito sobre histórias de crianças doentes antes de fazer qualquer doação.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610).