Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Brasil > Itaú não tem dinheiro, deve mais que seu patrimônio e vai quebrar #boato

Itaú não tem dinheiro, deve mais que seu patrimônio e vai quebrar #boato

Itaú não tem dinheiro, deve mais que seu patrimônio e vai quebrar

Boato – Banco Itaú deve valor maior do que o seu próprio patrimônio, não tem dinheiro e vai quebrar.

Com propagandas bem elaboradas e cheias de emoção, o banco Itaú conquistou a graça do público. Não só isso. Em 2022, a propaganda do banco Itaú, com a atriz Fernanda Montenegro e a menina Alice, venceu o prêmio de Melhor Comercial do Brasil, promovido pelo SBT.

Mas de acordo com uma história que está circulando na internet, parece que o banco Itaú estaria, apesar do sucesso de publicidade, em maus bocados. Segundo uma publicação, o banco Itaú não teria dinheiro e nem ações em estoque. Ainda segundo a história, o Itaú estaria devendo um valor maior do que o seu próprio patrimônio.  Confira:

Versão 1: “Itaú não tem dinheiro nem ações em estoque e deve mais que seu patrimônio; banco segue aplicando calote bilionário em acionista – POLÍTICO, em breve mais uma americana”. Versão 2: “Itaú é um “banco de papel”, distribui dividendos e irresponsavelmente não paga o que deve na praça”. Versão 3: “Não demora esse ITAÚ dos INFERNOS VAI QUEBRAR!”. PS> Uma das maiores acionistas (dona e amiga do molusco) é satanista Illuminati confessa. A justiça Divina tarda, mas não falha… Todos que fizeram o “L” e apoiaram o ladrão vão pagar, foi somente por interesses escusos, nunca se importaram em destruir a vida de tantos… A LUZ VENCEU!

Itaú não tem dinheiro, deve mais que seu patrimônio e vai quebrar?

Vídeo: é falso que assalto foi realizado com camiseta no retrovisor de carro

A informação viralizou nas redes sociais, em especial, no Facebook e no Twitter e deixou muitos clientes preocupados com a situação. Entretanto, a história não é verdadeira. A explicação fica por conta da falta de provas e pela origem da informação.

Ao analisar a história, percebemos um temor de que o banco Itaú estaria passando por uma crise financeira gravíssima, parecida com a crise de 2008. Na época, a vasta oferta de crédito a juros baixos e sem critério para a compra da casa própria levou ao aumento do valor dos imóveis. Entretanto, quando os bancos aumentaram as taxas de juros, muitas pessoas não conseguiram quitar suas dívidas, o que levou a um calote generalizado, à queda do valor dos imóveis e uma crise financeira. Sem o pagamento das dívidas dos clientes, muitos bancos enfrentaram problemas financeiros. Um dos maiores bancos dos EUA, o Lehman Brothers, chegou a decretar falência em setembro de 2008. Mas a grave situação não tem nada a ver com o caso de hoje.

O banco Itaú, de fato, enfrenta processos de correntistas (assim como diversas outras instituições).  Porém, não existe nenhuma informação confiável de que o Itaú estaria devendo um valor maior do que pode pagar e muito menos que o banco estaria quebrando.  Sem mais informações, a equipe do Boatos.org entrou em contato com o próprio banco Itaú para sanar algumas dúvidas levantadas pelo artigo.

Em relação à falta de dinheiro e de ações em estoque, o Itaú Unibanco explicou que encerrou o terceiro trimestre de 2022 com um ativo total de R$ 2,423 trilhões. Além disso, o banco destacou que investe em processos de gerenciamento de riscos e capital, que permeiam toda a instituição e são a base para as decisões estratégicas.

Sobre a informação de que o banco estaria devendo um valor maior do que o próprio patrimônio, o Itaú afirma que os valores apresentados no artigo estão incorretos. Segundo o banco, o patrimônio líquido do Itaú é de R$ 157 bilhões. Além disso, o Itaú ressaltou que possui R$ 313 bilhões em Ativos de Alta Liquidez (HQLA). Se isso não bastasse, o banco ainda destacou que o indicador de liquidez de curto prazo (LCR) do Itaú é 258,2% maior do que o limite exigido pelo regulador. De acordo com o Itaú, o banco possui recursos suficientes para suportar perdas e até para enfrentar um cenário de estresse.

Já sobre o suposto calote bilionário em um acionista, o Itaú destacou que o processo existe, mas ele não foi finalizado. O banco também destacou que já depositou judicialmente o valor que “entende devido”, mas está aguardando a sentença da Justiça. Além disso, o banco já calculou o valor que poderá perder após a sentença e, portanto, o caso não irá trazer mais impactos financeiros à instituição.

Em relação à suposta quebra do Itaú por causa do calote das Lojas Americanas, o banco destaca que a informação é falsa. O Itaú afirmou que não pode discutir situações específicas de clientes por causa da lei do sigilo bancário. Entretanto, o banco afirmou que fornece empréstimos a clientes com base em critérios sólidos, também considerando fatores externos, como taxas de juros e indicadores de inadimplência. Se isso não bastasse, o Itaú ainda trabalha com a possibilidade de inadimplência de seus clientes, controlando a exposição ao crédito e atuando para reaver os valores devidos. Dessa forma, o banco informou que possui uma boa qualidade da carteira de crédito, não sofrendo graves consequências quando algo do tipo ocorre.

Em resumo: a história que diz que o Itaú não tem dinheiro, está devendo um valor maior do que o próprio patrimônio e vai quebrar não procede! A equipe do Boatos.org entrou em contato com o Itaú Unibanco que, por sua vez, desmentiu toda a história. Com dados, números e provas, o banco mostrou que não está devendo mais do que o próprio patrimônio, que possui uma boa carteira de crédito e tem processos de gerenciamento de riscos e capital.

Atualização em 21/06/2023: a pedido do autor da mensagem que circulou na internet e por prezarmos pela pluralidade, colocamos uma atualização a respeito de um processo que corre na Justiça entre o site e o banco:

Gostaria de pedir que os senhores por favor acrescentassem a informação de que o banco me processou por tal artigo no Tribunal de Justiça de São Paulo e perdeu, pois a juíza decretou a IMPROCEDENCIA DA AÇÃO, após constatar que tudo que publicamos é verdade. A magistrada havia negado ao banco o pedido de exclusão do post, eles recorreram e um desembargador acatou o pedido. Meses depois, devido a improcedencia da ação, o recurso do banco caiu, e a matéria estará de volta.

O Itaú também havia pedido abertura de investigação criminal alegando ‘crimes contra o sistema financeiro’ e a PGR mandou arquivar pelos mesmos motivos, ESTOU FALANDO A VERDADE. Portanto, para o bem da verdade, solicito que incluam essas informações em seu texto. Abaixo, o número do processo no TJSP, caso queiram conferir: Processo nº 2015177-67.2023.8.26.0000

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/40erlBS
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso
Marcações: