Idade de aposentadoria em outros países é muito menor do que no Brasil #boato

Boato – Imagem mostra que idade da aposentadoria e tempo de serviço de Inglaterra, Chile, França, Itália e Argentina é muito menor do que no Brasil.

Pelo jeito, a Reforma da Previdência é o assunto da vez (ou um deles). De um lado, o governo e seus aliados defendem que ela é “necessária” para que o Brasil não quebre. De outro, movimentos protestam contra a proposta que prevê endurecimento nas regras. No meio disso, muita desinformação aparece.

Uma imagem que aponta como seria o tempo de serviço e idade mínima para aposentadoria em outros países tem chamado atenção em redes sociais. Leia a transcrição da imagem:

Estados Unidos – Tempo de serviço: 20 a 35 anos; Idade mínima: SEM; Inglaterra – Tempo de serviço: 25 anos; Idade mínima: 50 anos; Chile – Tempo de serviço: 20 anos; Idade mínima: 55 anos; França – Tempo de serviço: 27 anos; Idade mínima: 52 anos; Itália – Tempo de serviço: 33 anos; Idade mínima: 53 anos; Argentina – Tempo de serviço: 20 a 30 anos; Idade mínima: SEM; Brasil – Tempo de serviço: 49 anos; Idade mínima: 65 anos

Idade mínima de aposentadoria em outros países é muito menor do que no Brasil?

É claro que a imagem viralizou no Facebook e WhatsApp. Mas será mesmo que ela é real? A resposta é não. Uma série de buscas sobre como funciona a aposentadoria nos países citados já nos ajuda a matar a charada. As informações são do site Trading Economics.

Nos Estados Unidos, a idade mínima para aposentadoria é de 66 anos para homens e mulheres. Essa matéria da Agência Brasil (escrita pela amiga Líria Jade), aponta que em 2022, a idade subirá para 67 anos. No Reino Unido, a idade é de 60 anos para mulheres e de 65 anos para homens. Em 2020, a idade mínima será de 66 anos para ambos os sexos.

No Chile, a idade de aposentadoria é de 65 anos para os homens e 60 para mulheres. Na França, em 2010, a França enfrentou diversos protestos contra a Reforma da Previdência. Não adiantou. Com ela, a idade mínima passou para 62 anos e o tempo de contribuição para 41,5 anos. Esse valor é para ganhar o benefício parcial. O benefício total é alcançado com 65 anos (valor que vai passar para 67 anos em 2017).

Na Itália, a idade mínima é de 66 anos e vai passar para 67 anos em 2019. Na Argentina, a última reforma foi feita na década de 90. A idade mínima é de 60 anos para mulheres e de 65 anos para homens. O tempo mínimo é de 30 anos.

Há mais um ponto errado na imagem. Ela aponta que o tempo mínimo de contribuição no Brasil será de 49 anos. Na realidade, esse tempo é para receber a aposentadoria integral. Se fossemos levar em conta a informação na ponta do lápis, o tempo mínimo seria de 25 anos de contribuição.

Mas será que esses dados saíram “do nada”? Apesar de isso ser perfeitamente possível em se falando de boatos na internet, não é o caso. A imagem é de uma campanha de policiais civis contra a reforma da Previdência e ela mostraria como era a aposentadoria de policiais ao redor do mundo. De cara, já temos um dado errado.

De acordo com o Aos Fatos, os números apresentados no panfleto não condizem com a realidade dos EUA. A idade mínima por lá existe e é de 55 a 60 anos, dependendo do estado.

Resumindo: vale, sim debater a Reforma da Previdência. Mas o que, infelizmente, estamos vendo é que muita gente já está começando a rumar pelo perigoso caminho dos boatos para criar argumentações contra ela. Não só a imagem está com informações erradas como também a idade mínima de aposentadoria de outros países não é tão menor do que do Brasil.

PS: Esse artigo foi uma sugestão de diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook ou WhatsApp, no telefone (61) 99331 6821.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet