Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Brasil > Governo Lula não mandou doações de comida vencida para o Rio Grande do Sul

Governo Lula não mandou doações de comida vencida para o Rio Grande do Sul

Governo Lula está enviando doações de mantimentos vencidos para o Rio Grande do Sul, diz boato (Foto: Reprodução/X)

Boato – Doações vencidas estão sendo enviadas, pelo governo Lula, para afetados pelas enchentes, no Rio Grande do Sul

Análise

As vítimas das enchentes, que assolaram e ainda estão causando prejuízos no Rio Grande do Sul, ainda precisam de muitas doações. Mas de acordo com uma história que está sendo compartilhada nas redes sociais, o governo Lula estaria atrapalhando as doações.

Segundo as publicações, o governo Lula está enviando doações com mantimentos vencidos para o Rio Grande do Sul. Ainda segundo a história, um vídeo que acompanha as publicações mostra diversos mantimentos vencidos em pontos de distribuição de doações. Confira:

Vídeo: é falso que Sadia esteja dando prêmios para quem compartilhar no WhatsApp

Versão 1: “Farinha distribuída vencida. Venceu no dia 30 de outubro de 2023. Farinha vencida não entregue para as pesoas que estão precisando. Alimento destinado pelo governo Lula, alimento destinado pelo governo Lula e que eles vão lá na Defesa Civil, aqui na Defesa Civil, lá na Secretaria dizer que não tem porque o Lula não mandou.

Tá aqui ó, alimento destinado pelo governo Lula, pelo governo federal, para ser distribuído para a população carente do nosso município, estocado há mais de 6 meses agora na Defesa Civil e não sendo entregue. E as pessoas indo lá na Secretaria de Assistência Social e na Defesa Civil e dizendo que não tem alimentação. Tá aqui ó, a prova. O governo Lula tá mandando e eles não tão distribuindo”. Versão 2: “Governo do LADRÃO envia mantimentos vencidos a mais de 6 meses para o Rio Grande do Sul!”.

Checagem

A partir dessas acusações, resolvemos investigar um pouco mais essa história e vamos te contar, em três etapas, os motivos para não acreditar nela: 1) Qual é o contexto do vídeo que fala de doações de mantimentos vencidos? 2) É verdade que o governo Lula mandou mantimentos vencidos para o Rio Grande do Sul? 3) Há algum episódio similar denunciado no Rio Grande do Sul?

Qual é o contexto do vídeo que fala de doações de mantimentos vencidos?

O vídeo foi gravado, em 16 de fevereiro de 2024, por vereadores do município de Bagé (RS). Na oportunidade, vereadores de oposição ao prefeito de Bagé (RS), Divaldo Lara, denunciaram que a Defesa Civil e a Prefeitura do município estavam estocando e armazenando de forma incorreta alimentos que foram doados. De acordo com os vereadores, moradores de Bagé (RS) fizeram denúncias após receberem cestas básicas com itens vencidos, o que levou à fiscalização.

Ao chegar no prédio da Defesa Civil, os vereadores constataram que diversos alimentos já estavam fora do prazo de validade e muitos deles possuíam marcas de roedores e até larvas. Após a fiscalização, os vereadores encaminharam a denúncia para a Polícia Civil e também para o Ministério Público Federal.

É verdade que o governo Lula mandou mantimentos vencidos para o Rio Grande do Sul?

Não. O vídeo usado como prova é antigo e foi retirado de contexto. Na ocasião, os vereadores de Bagé (RS) acusavam a Defesa Civil do município de estocar mantimentos e não distribuí-los para a população. Por causa disso, muitos alimentos passaram do prazo de validade. Logo, o vídeo não é uma acusação ao governo Lula, mas sim à Defesa Civil e à Prefeitura de Bagé (RS).

Há algum episódio similar denunciado no Rio Grande do Sul?

Não encontramos nenhuma denúncia sobre doações de mantimentos vencidos para o Rio Grande do Sul. Inclusive, os Correios emitiram um comunicado sobre orientações para as doações. De acordo com o texto, todos os alimentos doados devem estar dentro do prazo de validade e não podem estar próximos da data de vencimento.

Conclusão

Fake news ❌

Governo Lula não enviou doações de alimentos vencidos para o Rio Grande do Sul. O vídeo usado como prova nas publicação é antigo e está fora de contexto. As imagens foram feitas no dia 16 de fevereiro de 2024, em Bagé (RS). Na oportunidade, vereadores de oposição do governo municipal realizaram uma fiscalização na sede da Defesa Civil.

Isso aconteceu, após eles receberem denúncias de que as cestas básicas doadas à população estavam com alimentos vencidos. Após a fiscalização, os vereadores constataram que diversos mantimentos estavam fora do prazo de validade. Além disso, eles também constataram que os produtos foram armazenados de forma incorreta. As denúncias foram encaminhadas para a Polícia Civil e para o Ministério Público Federal.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610).