Enfermeira é flagrada com paciente com Covid-19 em hospital do Amazonas, mostra vídeo #boato

Boato – Enfermeira e paciente infectado pela Covid-19 são flagrados em momentos íntimos dentro de hospital no interior do Amazonas.

A pandemia da Covid-19 tem causado medo no mundo todo, principalmente pela progressão da doença, fazendo inúmeras vítimas, e pela falta de um tratamento eficaz. No Brasil, a doença parece estar se encaminhando para o seu pico e os números indicam que a situação está piorando a cada dia.

Em meio a essas informações, histórias falsas têm circulado nas redes sociais para tentar minimizar a doença e até difamar profissionais da área da saúde. De acordo com estudos, infelizmente, esse tipo de informação apenas tem aumentado, prejudicando (e muito) o trabalho de quem é responsável por levar informações corretas sobre a doença.

Nos últimos dias, uma história envolvendo uma suposta profissional de saúde e um suposto paciente contaminado com Covid-19 tem causado confusão nas redes sociais. Segundo a publicação, uma suposta enfermeira teria sido flagrada com um suposto paciente infectado pela Covid-19 em momentos íntimos. Fotos e vídeos que, supostamente, mostrariam o momento começaram a ser divulgados nas redes sociais. O fato teria ocorrido dentro do hospital, no interior do Amazonas, e registrado por funcionários da instituição. Confira:

“Enfermeira é flagrada com paciente com Covid-19 Enfermeira estaria com paciente Uma profissional foi flagrada, por funcionários de hospital, da ala de emergência, com paciente infectado por coronavírus O flagra foi registrada por colegas da enfermeira, que aproveitaram a oportunidade e registraram o ato. A cena tragicômica viralizou através de compartilhamento por WhatsApp. Segundo relatos passado a essa redação a enfermeira é de uma unidade Hospitalar , no interior do Amazonas”.

Enfermeira foi flagrada com paciente com Covid-19 em hospital do Amazonas?

Não vamos publicar nenhuma mídia relacionada ao caso por motivos bastante óbvios. E nem precisamos dizer que, infelizmente, a história (e o material) acabaram viralizando nas redes sociais. Mas será que essa história de que uma enfermeira teria sido flagrada em momentos íntimos com um paciente infectado pela Covid-19 em um hospital do Amazonas é real? A resposta é não!

Vamos aos detalhes! Ao ler a publicação, é possível perceber que ela segue aquele velho roteiro de fake news na internet. Ela é vaga (não dá informações exatas), alarmista, possui erros de português e não cita fontes confiáveis.

Convenhamos que a história é, no mínimo, absurda. Sabemos que a Covid-19 é uma doença perigosa e pode levar à morte até mesmo pessoas completamente saudáveis. Logo, ninguém, em sã consciência, iria se expor ao vírus, sabendo ainda que sequer existem tratamentos eficazes ou uma vacina contra a doença.

Além disso, o Brasil é o país que lidera o ranking mundial de mortes de enfermeiros por Covid-19. Um enfermeiro jamais se colocaria em uma situação de risco de forma desnecessária em plena pandemia, uma vez que esses profissionais já se expõem, de forma intensa, diariamente. Se isso não fosse suficiente, enfermeiros convivem diariamente com pacientes infectados pela Covid-19 e acompanham de perto as consequências da doença.

Vale ressaltar que os hospitais brasileiros estão vivendo um verdadeiro caos, especialmente o estado do Amazonas que registra um grande número de casos. São diversos enfermeiros, médicos e outros profissionais dividindo o mesmo ambiente o que, no mínimo, dificultaria que algo assim acontecesse. Além disso, os profissionais da área da saúde estão seguindo um protocolo bastante rígido em relação à própria segurança. Uma situação como essa, certamente, seria um escândalo, gerando punições à enfermeira envolvida e até virando notícia, mas não encontramos nada em relação ao assunto.

Ao procurar mais detalhes sobre a história na internet, encontramos referências apenas em sites pequenos e nenhum deles informava detalhes básicos, como as iniciais do nome da enfermeira e até mesmo o nome do hospital ou da cidade onde o suposto fato teria acontecido.

Em nossas buscas, também encontramos um desmentido sobre o assunto. Segundo o site de fact-checking e-Farsas, o vídeo não foi feito no Brasil e, muito menos, é recente. De acordo com um site adulto (e bastante irresponsável) que divulga conteúdos que vazam na internet, o vídeo teria sido sido gravado no Centro Médico St. Luke’s, em Manila, nas Filipinas, e foi publicado em diversos outros sites adultos, em junho de 2019, com a mesma descrição.

Porém, descobrimos um site da Indonésia, onde é possível ver que a história já circulava por lá em fevereiro de 2019 (bem antes do vídeo ser publicado em sites adultos). Em abril de 2019, o site Makassar chegou a noticiar a história que dava conta de que o vídeo teria sido gravado em um hospital na regência de Gianyar, na Indonésia. Na época, o hospital negou que as imagens teriam sido feitas no local. A notícia ainda informa que se tratam de dois adolescentes (e um deles aparenta ser paciente, por conta do acesso do soro na mão). Em janeiro de 2020, o vídeo voltou a circular na Indonésia. O caso está sendo investigado por autoridades locais desde então.

Em resumo: a história que diz que uma enfermeira do Amazonas foi flagrada em momentos íntimos com um paciente infectado pela Covid-19 dentro de um hospital é falsa! O vídeo não foi gravado no Brasil e não é recente. Há registros de que ele começou a circular na internet em fevereiro de 2019, na Indonésia. De acordo com sites locais, tratam-se de dois adolescentes e, ao que tudo indica, um deles era, de fato, paciente. Na Indonésia, fake news sobre o vídeo também começaram a circular por lá. Um hospital de Bali, acusado de ser o local onde tudo teria acontecido, desmentiu a informação. Segundo os sites, a polícia local está investigando o ocorrido. Ou seja, a história não passa de boato. Não compartilhe e, se possível, fique em casa!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164. 

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2BWWK1B