Crianças terão que tirar carteira de habilitação para andar de velotrol #boato

Boato – A Alerj acabou de aprovar um projeto de lei que determina que crianças devem tirar uma carteira de habilitação para andar de velotrol.

A chegada dos patinetes elétricos (assim como no caso dos aplicativos de transporte) tem sido um tanto quanto atribulada no Brasil. De um lado, muita gente está contente com a novidade (utilizada para deslocamento e, principalmente, por lazer). Do outro, autoridades estão preocupadas com questões de segurança.

Em meio a esse cenário, surgiu uma história que aponta para uma, digamos, “preocupação excessiva”. De acordo com um texto que viralizou na internet, a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) resolveu estender a preocupação dos patinetes para os brinquedos infantis. Mais exatamente, o velotrol.

A “notícia” publicada por um blog dá conta de que acabou de ser aprovada uma lei que aponta todas as crianças com menos de cinco anos de idade terão que tirar uma carteira de habilitação para andar de velotrol. Mais do que isso, seria preciso fazer um curso no Detran e pagar um seguro. Leia trechos:

Alerj aprova Lei que Obriga crianças a Tirar Carteira de Habilitação pra Velotrol O plenário da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj – parasitas) aprovou, nesta quinta-feira (13), a segunda lei que regulamenta o uso de velotrols no Estado.

Desta vez, a lei determina que somente as crianças abaixo de 5 anos deverão fazer uma prova no Detran para utilizar os equipamentos. O bebê incapaz que possuir a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) estará isento de realizar exame.

Segundo o texto da nova lei, de autoria do deputado Alexandre Knoploch (PSL) ( guardem este nome), a criança precisará entrar no site do Detran e se inscrever para fazer o teste. Se for aprovado, ela receberá um número que ficará vinculado ao CPF. Este número deverá ser informado durante o cadastro com a empresa de aluguel do transporte.

Crianças terão que tirar carteira de habilitação para andar de velotrol?

A história rendeu muitos compartilhamentos em redes sociais. Mas será mesmo que a tal “lei do velotrol” foi aprovada no Rio de Janeiro? A resposta é não. Calma aí que a gente explica tudo para vocês.

Ao nos deparar com a informação, desconfiamos. Apesar de não faltarem “leis estranhas” por aí, essa seria “um pouco demais”. Por isso mesmo, resolvemos buscar por detalhes a respeito do assunto e nada encontramos além do texto do boato.

Ao buscar o nome do deputado Alexandre Knoploch, descobrimos que ele, na realidade, havia criado um projeto parecido a respeito dos patinetes elétricos. Aliás, o próprio deputado pediu o arquivamento do projeto. Veja o que ele publicou a respeito: “Diante da rejeição da sociedade e entendendo sempre que o povo é soberano, pedi ao governador do estado o veto total ao projeto”, disse, via Twitter.

Nem precisava disso tudo para chegar à verdade. Se a maioria das pessoas lessem o artigo completo publicado pelo site, veriam que o próprio autor do texto assumiu que seria “uma brincadeira”. Leia:

Gente! A respeito dos velotrols, foi só uma brincadeira, eu escrevi este artigo apenas para mostrar como o Estado e seus administradores são um bando de parasitas que PQP, só querem f… com a vida da gente. Onde já se viu pagar R$1.710,00 reais de cheque calção pra poder andar de patinete.

Resumindo: a história que aponta que a Alerj aprovou uma lei que obriga crianças a tirarem carteira de habilitação para andar de velotrol é falsa. Não passa de uma publicação irônica criada por causa de um projeto similar (que será vetado) que trata do uso de patinetes elétricos.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)