Chupa-cabra: criatura estranha é flagrada em SE, PE, AL e outras cidades do Nordeste #boato

Boato – Criatura estranha é flagrada passeando por rua de cidades do Nordeste e assusta moradores. Eles acreditam se tratar de um chupa-cabra.

Histórias envolvendo criaturas estranhas não são novidade na internet. Mas você lembra quando ouviu o nome de algumas delas pela primeira vez? Lá nos anos 90, escutei o nome chupa-cabra pela primeira vez, em uma série de reportagens no programa Domingo Legal (quando ainda estava sob a batuta de Gugu Liberato). Desde então, a minha vida (e a de diversas crianças) jamais foi a mesma. Afinal de contas, quem consegue dormir depois de ver o corpo do chupa-cabra “ao vivo”?

Pois é. Foram anos de medo até entender que a história não fazia o menor sentido. Mas aí o estrago já estava feito: nas minhas noites de sono e na criatividade do brasileiro. A lenda do chupa-cabra, muito difundida na América Latina na época, se espalhou ainda mais pelo Brasil.

Desde então, as histórias não param. Exemplo disso é que, nem na semana de Páscoa o chupa-cabra descansou. De acordo com a internet, um chupa-cabra (ou criatura estranha) foi visto passeando em diversas cidades do Nordeste. E a foto, que registra o momento, não deixa mentir (ou deixa). Confira:

“[Boa Viagem (CE)]. Tem circulado nas redes sociais dos Boa-viagenses uma imagem que vem chamando a atenção de moradores e publico geral deste município do Sertão Central do Ceará. Uma criatura estranha com pouco mais de 2 metros de altura e traços não muito parecidas com a de humano foi fotografada por um morador do distrito de Águas Belas”. “[Murici (AL)]Vcs acreditam em Chupá cabra esse foi visto no domingo em murici”.

“[Aquibadã (SE)] Chupa cabra aterroriza o município de Aquidabã e mata mais de 2.000 Carneiros em menos de 43 minutos. Polícia do exército já foi acionada”. “[Gravatá (PE)]: Os moradores da cidade de Gravatá, no agreste pernambucano, se apavoraram após a publicação de uma imagem onde uma suposta criatura hibrida aparece, supostamente, caminhando pelas ruas do bairro do Cruzeiro. A suposta criatura teria sido capturada por uma câmera de vigilância de uma residência da localidade”.

Chupa-cabra: criatura estranha é flagrada em SE, PE, AL e outras cidades do Nordeste?

Como dito anteriormente, histórias que falam sobre criaturas sobrenaturais não são novidade. E é fato que elas também tem um apelo muito grande, o que garante o sucesso quando começam a circular. Entretanto, assim como a história veiculada no Gugu, lá nos anos 90, essa aqui também não passa de balela. Ou melhor, de montagem. Quer mais detalhes? Continua lendo.

Vamos lá. Vocês não acham estranho que a mesma história, com a mesma foto, esteja circulando na internet como sendo em diversas cidades? Como seria possível que uma única foto seja uma rua no Ceará, outra em Sergipe, em Alagoas, em Pernambuco, etc? Ou apenas registramos o percurso de um chupa-cabra itinerante ou, no mínimo, é muito estranho.

Agora, vamos aos áudios que apareceram na história do Sergipe. No primeiro áudio, o morador afirma que seu filho tirou uma foto do chupa-cabra. Abro aqui um parênteses, vocês acham mesmo que o chupa-cabra ia esperar para ser fotografado e continuar andando normalmente? Pois é. O terceiro áudio é o típico “zap zap de boteco”, que volta e meia recebemos e são boatos. Por fim, no último áudio, uma mulher fala sobre a vizinha Maurinha. Cadê a Maurinha, gente? Se a história fosse realmente real, a Maurinha já teria se pronunciado há tempos, além de estar desfrutando dos seus 15 minutos de fama pela criatura ter passado em frente à sua casa.

Bom, há versões da história que afirmam que a imagem foi retirada de uma câmera de segurança de alguma residência. O fato é que a história não faz o menor sentido, porque é uma foto colorida (imagens de segurança são pretas e brancas), claramente o flash foi usado e nenhuma filmagem sobre a história ainda apareceu na internet (concordam que uma filmagem seria muito mais interessante do que uma foto?).

Para além disso, nossa equipe analisou a foto no site Foto Forensics (que identifica alterações nas imagens) e para nossa (não) surpresa, o site acusou metadados de edição do Photoshop. O que isso quer dizer? Que a foto foi alterada. E se não foi editada para melhorar a qualidade da imagem (que claramente está ruim), provavelmente foi para acrescentar detalhes na foto, como uma criatura bizarra.

E, bom, se toda essa história já está sendo bem sobrenatural para você, vai ficar ainda mais surpreso em saber que a tal criatura da foto também veio de um mundo mágico. Nossa equipe deu uma pesquisada pela internet e encontrou uma imagem que, provavelmente, serviu de base para a montagem.

A tal criatura sobrenatural, na verdade, é a arte conceito do personagem Remus Lupin, no filme Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban. Na verdade, a arte conceito é da transformação de Remus em lobisomem. Para quem não sabe, na história, Remus foi mordido por Fenrir Greyback (um lobisomem) ainda criança, após Lyall, pai de Remus, depor contra Greyback e insultá-lo. Para se vingar, Greyback passou sua condição para Remus. Desde então, nas noites de lua cheia, Remus se transforma em lobisomem.

Resumindo: a história de que existe um chupa-cabra andando pelas ruas do nordeste não passa de #boato. Além das diversas versões da história e da confirmação de alteração da imagem, é possível identificar que a arte conceito do personagem Remus Lupin, em sua forma lobo, da franquia Harry Potter, foi utilizada como base para a montagem. Sendo assim, não compartilhe! É #boato.

PS: Esse artigo é uma sugestão de leitoras do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, no Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164.

Compartilhe este artigo:

2 comentários em “Chupa-cabra: criatura estranha é flagrada em SE, PE, AL e outras cidades do Nordeste #boato

  • 04/04/2018 em 17:02
    Permalink

    Estava com saudades! Minhas filhas eram pequenas quando o chupa-cabra passou por Campinas (SP). Demorou, mas ele voltou!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)