Bradesco Seguros faz campanha usando imagem de homem negro realizando assalto #boato

Boato – Campanha do Bradesco Seguros mostra um homem negro assaltando o celular de uma pessoa branca em banner. 

Ao longo dos últimos anos, discussões sobre diversos temas sociais e relevantes para a sociedade começaram a ganhar visibilidade nas redes sociais. Com isso, essas discussões se tornaram cada vez mais acessíveis para as pessoas.

E isso tem promovido mudanças não só em nossas relações no dia-a-dia, como também na construção de propagandas mais inclusivas e menos preconceituosas. Exemplo disso são as inúmeras empresas que precisaram aprender e começaram a se adaptar a um mundo que tem aturado cada vez menos os preconceitos.

E de acordo com uma história que está circulando nas redes sociais, o Bradesco Seguros teria cometido um ato racista em uma de suas peças publicitárias. Segundo a publicação, o Bradesco Seguros teria feito um banner onde um homem negro apareceria roubando um celular. Confira:

“Residencial bradesco Prime. Já imaginou um seguro para o seu aparelho celular que cobre a sua casa também? Que tal pagar a partir de R$ 74,26 10 parcelas ou R$ 704,30 anual. Cobertura por 12 meses. Essa cobertura é válida para todas as pessoas que residam no imóvel segurado tanto na rua quanto em casa. Além de contar com a Assistência Residencial Dia e Noite. bradesco seguros Com Você Sempre”.

Bradesco Seguros faz campanha usando imagem de homem negro realizando assalto?

A informação foi amplamente compartilhada nas redes sociais, em especial, no Twitter e causou indignação na internet. Apesar disso, a história não é real. A explicação fica por conta da origem da imagem.

Ao analisar o suposto banner, logo de cara percebemos algumas coisas estranhas na arte. Além do logo da empresa aparecer duas vezes, o banner não tem telefone de contato (uma informação básica em artes de divulgação). Se isso não bastasse, existe uma frase muito mal formulada: “pessoas que residam no imóvel segurado tanto na rua quanto em casa”. Ainda existe o “pequeno” detalhe de que o nome da empresa aparece em minúsculo em duas oportunidades.

É possível observar que a arte foi feita de maneira bem amadora. Por sinal, a foto usada na suposta publicidade é uma imagem que circula em diversos sites. E não encontramos o crédito da foto (o que seria estranho em uma peça publicitária).

Para completar, a própria empresa Bradesco Seguros desmentiu a informação. Em resposta à uma publicação, a empresa informou que o banner não foi feito pelo Bradesco Seguros e que repudia a suposta peça publicitária.

Por fim, não encontramos a tal campanha em nenhum lugar. Não é possível saber se algum consultor foi responsável pela arte (o que seria estranho, dado os erros e a falta de informações, como o contato) ou se alguém fez o banner como uma “brincadeira” ou como forma de prejudicar a empresa e compartilhou nas redes sociais.

Em resumo: a história que diz que o Bradesco Seguros fez um banner racista onde um homem negro aparece roubando um celular é falsa! A arte tem diversos erros, como o nome da empresa em minúsculo, uma frase sem sentido e a falta de informações, como o contato da empresa, denotando seu caráter amador. Além disso, a imagem usada na arte foi encontrada em diversos sites aleatórios na internet e sem crédito. Por fim, a própria empresa desmentiu a informação. Ou seja, a história não passa de balela.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso