Bloco de carnaval no Bradesco de Bangu é filmado em 2021 #boato

Boato – Vídeo mostra que, em meio à pandemia e proibição de festas de carnaval, bloco se aglomerou na agência do Bradesco de Bangu, no Rio de Janeiro.

Sem dúvidas, o carnaval de 2021 ficará marcado para história. Com toda razão (afinal, estamos em meio a uma pandemia sem precedentes), desfiles de escolas de samba, blocos e festas em geral estão canceladas em todo Brasil. Só que, mesmo com todas as restrições, ainda há pessoas que insistem em burlar as regras e participar de festas clandestinas. Em meio a isso, um vídeo começou a chamar atenção na internet.

Imagens mostram um grande número de pessoas, sem máscaras, fazendo uma aglomeração em uma agência do banco Bradesco. De acordo mensagens que acompanham o vídeo, a filmagem teria sido feita durante o carnaval de 2021. Veja algumas das versões da história que circula online (o vídeo você vê mais abaixo):

Confira o desmentido em vídeo:

Versão 1: Carnaval na rua está proibido, Mas no banco Bradesco está Liberado Versão 2: Pode isso, Arnaldo? Em Bangu, pode! Não pode Carnaval na rua, mas dentro do Bradesco tá tendo #carnaval #carmaval2021 #carnavaldapandemia Versão 3: Se Na Rua está Proibido, então um gritou vamos pra agência bancária que ainda tem ar geladinho Fato ocorreu na agência do Bradesco de Bangu RJ. (Confira o vídeo) Versão 4: O Rio de Janeiro não é para amadores!!!! Não pode pular Carnaval na rua? Então vai dentro do BRADESCO mesmo!!! Em BANGU agora.

Festa de carnaval no Bradesco de Bangu foi filmada em 2021?

Como vocês viram, os comentários a respeito do suposto carnaval no Bradesco de Bangu foram recheados de ironias e críticas quanto a atitude dos foliões. Só há um “pequeno detalhe” nisso tudo: o vídeo não foi gravado durante o carnaval de 2021.

A mensagem, por si só, já nos deixou muito desconfiados. Como um “bom boato” (se é que isso existe), ela tem características como ser vaga, alarmista, ter erros de português e não citar nenhuma fonte confiável.

Ao buscar sobre o tal ocorrido, como era de se imaginar, nada encontramos a respeito do assunto. Vale lembrar que, em um momento no qual autoridades e mídia estão em alerta com grupos que desrespeitam a quarentena, uma cena como essa viraria notícia.

Ao buscar pelo vídeo, matamos a charada. Ele, de fato, foi gravado no bairro de Bangu, mas não é de 2021. No YouTube, conseguimos achar registros de 2019 da cena. Confira a publicação mais antiga (pelo menos entre as que encontramos) que mostra a “festa de carnaval no Bradesco”:

Nas imagens, é possível identificar uma camiseta de um bloco chamado Meia Dúzia de Gatos Pingados. Na página do Facebook do bloco é possível ver que, de fato, eles costumam (com exceção de 2021, claro) realizar folias de carnaval anualmente na Avenida Cônego Vasconcelos, no bairro de Bangu. No local, há, de fato, uma agência do Bradesco (como é possível identificar em imagens como essa).

Outra identificação é do grupo Bangoró (também um bloco de carnaval da região). No Instagram oficial, há um desmentido. “Cuidado com as #FakeNews nesse carnaval. Recebemos de um amigo, falando que era de ontem. Esse vídeo é de 2019. A Bangoró JAMAIS furaria essa quarenta. Prezamos pela saúde e pela vida”, diz a mensagem.

Com isso, podemos dar o veredicto. De fato, em algum carnaval em Bangu, um grupo de pessoas entrou em uma agência do Bradesco e continuou fazendo um som (muito provavelmente, para se abrigar da chuva). Porém, as cenas que estão circulando como se fossem de quebra de regras sanitárias não foram gravadas durante a pandemia da Covid-19 ou em 2021.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2m2887O
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet