Ana de 6 anos foi trazida pelo motorista da van e está procurando a família #boato

Boato – O motorista da van encontrou uma criança chamada Ana, de 6 anos. Ela está na Delegacia da Criança, chorando muito e procura pelos pais. Repassem a foto nos grupos.

Um tipo de boato que parecia esquecido voltou a circular na internet: o anúncio da criança desaparecida ou que procura pelos pais. O crescimento deste tipo de fake pode ser reflexo da diminuição de outros tipos de informações erradas. Independentemente dos motivos, o fato é que temos mais uma história hoje.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Siga o Boatos.org no Twitter:


Se inscreva no nosso canal no Youtube

Receba as nossas atualizações no grupo do WhatsApp (só postagens do administrador, não se preocupem): http://bit.ly/2Z5PgE0

Confira o nosso Instagram:

Instagram

Lista no Telegram
https://bit.ly/2VSlZwK

Siga-nos no TikTok (e ganhe bônus no APP)

http://bit.ly/38hcBcy

Tem circulado na internet, principalmente, entre páginas do Facebook e perfis do WhatsApp da região Norte do Brasil, uma mensagem que aponta que “um motorista de van” deixou uma menina chamada Ana, de 6 anos, na “Delegacia da Criança”. A mensagem ainda fala que ela procura pelos pais e deixa do contato do “Geraldo” para mais informações. Leia:

Repassando! Criança encontrada procurando a família! *Delegacia da criança* Foi trazida por um motorista de Van. Ela tá chorando então fala muito coisa só disse que o nome é Ana e tem 6 anos. Repassem nos grupo pra acharmos os pais [telefone] qualquer coisa se encontrarem , falar com Geraldo

Ana de 6 anos foi trazida pelo motorista da van e está procurando a família?

Vimos versões da mensagem em páginas (só falando em região Norte) do Amazonas, do Pará e do Amapá. Porém, nem a menina é de qualquer um desses estados tampouco continua perdida e na “Delegacia da Criança”.

As características da mensagem e o histórico recente já apontam para a farsa. A mensagem tem todas as principais características de boatos online. Ela é vaga (sequer passa o DDD do telefone do Geraldo, por exemplo), alarmista, tem erros de português, não cita fontes confiáveis e, ainda por cima, pede compartilhamento.

E, como falamos lá no início do texto, esse tipo de fake tem voltado a ter destaque na internet. Ontem mesmo tivemos que desmentir um boato de uma menina que teria sido sequestrada na “Praia do Engenho”. Na ocasião, explicamos que a mensagem circulava há 15 anos na internet.

No caso de hoje, pelo menos, o ocorrido não é tão antigo. Na realidade, a menina em questão se perdeu no Rio de Janeiro. De acordo com mensagens publicadas em páginas do Facebook da região de Bangu, ela foi levada à 34ª DP. Depois do anúncio em páginas locais, o tio dela a encontrou e a levou para casa com segurança.

Vale dizer que, mesmo com a solução do caso no Rio de Janeiro, o anúncio de que a menina estava perdida na “região Norte” continuou circulando. Também é importante destacar que tentamos entrar em contato com o número que estava sem o DDD tentando usar códigos 92 (Manaus) e 91 (Belém) e não “logramos êxito”.

Resumindo: a história que aponta há uma menina chamada Ana, de 6 anos, que está perdida na Delegacia da Criança de Manaus, Belém ou outra cidade da Região Norte do Brasil é falsa. A menina é do Rio de Janeiro e o caso já foi solucionado.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2m2887O
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/38hcBcy

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet