Microcefalia foi causada por vacina vencida de rubéola, diz balela

By | 10/12/2015

Boato – Lote vencido de vacina contra a rubéola é o responsável pelos casos de microcefalia registrados no país.

O verão se aproxima e com a chegada dele se intensificam as campanhas contra o mosquito causador da Dengue, o Aedes aegypti. Agora, as preocupações têm redobrado pela ocorrência crescente de casos de microcefalia que podem estar relacionados ao Zika vírus, também transmitido pelo Aedes.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

História de que microcefalia é causada por vacina de rubéola vencida é mentira. Foto: Reprodução

História de que microcefalia é causada por vacina de rubéola vencida é mentira. Foto: Reprodução Extra Globo

Com a população em alerta, uma história está se espalhando rapidamente na internet. Os casos de microcefalia registrados no nordeste seriam, na verdade, efeitos colaterais de vacina de rubéola vencida, ministrada em gestantes mesmo assim. O suposto aviso tem sido compartilhado pelo WhatsApp. Confira:

‘Gente fiquem ligados.

Casos de microcefalia causada pela zika” tudo mentira do governo, eles estam com medo de indenizar todas as famílias que foram afetadas, estão tentado esconder que tudo foi causado por um lote de vacina vencida mandada pela secretária de saúde, a mesma já mandou recolher todos os lotes para eliminar provas. Agora me digam: pq o foco foi no nordeste se esse problema de dengue e zika é no Brasil inteiro??? Porque é no nordeste que se concentra a pior saúde pública, e prestem atenção que só mulheres pobres , dependentes de posto de saúde que tiverem bebês afetados. Agora reflita na África a zika existe a dezenas de anos e lá os casos de microcefalia não são associados com a doença, e ai ? Precisamos refletir sobre isso…as redes sociais a qualquer momento estouram com essa notícia e nós precisamos ficar em alertar para lutar pelos direitos dessas famílias afetadas. Foi realizada Uma campanha de Rubéola a 9 meses atrás no nordeste e pra as pessoas que iriam viajar pra lá….Rubéola é a doença que causa a microcefalia essa vacina foi dada em todas mulheres no período Fértil sendo que grávidas não podem toma-la.Ironicamente os bebês estão nascendo só agora.. Com problema…

Vamos compartilhar!

Repassando!

SERÁ!!!’

Além da mensagem, o vídeo de um homem que afirma ser pernambucano denuncia a mesma tramoia. Segundo ele, ‘um contato na Saúde’ foi quem passou a informação. Pois bem, pelo tom apelativo que nós já bem conhecemos dá pra saber que essa história é mais uma invenção. E o fato é que não há nenhuma prova científica nem física (papeis, documentos, vestígios do suposto lote vencido) de que essa história seja verdadeira.

Ao site Extra Globo, o Ministério da Saúde esclareceu que todo o processo de distribuição de vacinas feito pelo Programa Nacional de Imunização (PNI) segue critérios rigorosos estabelecidos pela própria Organização Mundial da Saúde (OMS).

Além disso, o boato aposta na versão de que o Zika vírus não tem relação alguma com os casos de microcefalia. Isso também está errado, uma vez que o microrganismo foi encontrado no líquido amniótico que envolve o bebê durante a gestação, em mulheres com fetos com microcefalia confirmada. Ou seja, é e a causa mais provável, embora o Ministério da Saúde ainda esteja estudando as ocorrências. Aguardando, inclusive, o apoio de cientistas internacionais.

Essa história define que a causa dos casos no nordeste foi o lote de vacina vencido. Nesta matéria da Revista Época, é possível ver que as ocorrências de microcefalia estão se espalhando pelo país. Além disso,  nesta outra matéria do Zero Hora, uma especialista da Sociedade Brasileira de Genética Médica explica que vacinas vencidas deixam apenas de fazer efeito, não causam doenças ou problemas de saúde.

No fim, é uma questão de credibilidade de fontes. De onde veio essa história de lote vencido? Que tal ‘contato da Saúde’ é esse que não prova coisa nenhuma e não tem nada para mostrar? E mais, já desmentimos aqui outra história envolvendo o Zika vírus , que por estar em alta é um chamariz para balelas.

Especulação sem provas, fontes anônimas e suspeitas, tons apelativos, tudo isso é fórmula de boato. Cuidado para não cair em mais esse.

PS: esse artigo foi uma sugestão das leitoras Nara Cunha Oliani e Carla Suelen. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site ou pelo Facebook.

18 thoughts on “Microcefalia foi causada por vacina vencida de rubéola, diz balela

  1. Cecília

    E gente. Não, a vacina dupla viral e tríplice viral. (vacinas que possuem o vírus da rubéola) não faz parte do calendário de gestantes. Vocês encontram o candelário facilmente no Google. Quem tomou durante a gravidez foi um erro gravíssimo cometido pelo profissional. Pesquisem o calendário da gestante.

    Reply
  2. Cecília

    Meu povo. A vacina não precisa tá vencida p causar problemas na gestação. Rubéola é uma doença que causa má formação. Independente de tá vencida a vacina ou não. O problema foi que ouve uma grande campanha de vacinação da dupla viral no começo de 2015, você não lembram? Pernambuco e Ceará estavam com grande problema com o sarampo e ouve uma campanha grande com essa vacina. Só que ela não protege apenas contra o sarampo… Protege contra a rubéola também. Ela não pode ser administrada em mulheres gravidas ou com suspeita de gravidez, e deve-se evitará gestação por até 4 meses após a vacinação. Será que essas informações foram passadas para a população? Será que o período para engravidar foi respeitado? Na verdade o que pode ter ocorrido foi uma grande desorganizacao, querendo acabar com uma patologia de uma forma desorganizada acabaram causando outra…

    Reply
    1. Rosana

      De fato houve campanha. Mas o sarampo está erradicado do Brasil, houve sim uma preocupação porque havia problemas com sarampo em paises da Europa.

      Reply
  3. rogerio

    Gente, pense por um segundo, a rubéola causa microcefalia, e outros problemas. Em vez de fazer a campanha de que é boato, não é melhor não tomar e certificar se é verdade? Você sacrificaria seu filho por causa de uma notícia de que o boato é verdadeiro, e se for? Me responde?
    As mulheres deveriam é ficar com o pé atrás em relação a tomar a vacina principalmente na fase de gestação. Vocês enlouqueceram? Tem que incentivar o boato sim, para que o governo faça a parte dele, recolher as amostras. Isso é achismo não é ciência!

    Reply
  4. L.Henrique

    A primeira coisa que pensei quando vi os casos de microcefalia em pernambuco foi o seguinte:
    Como tem tantos casos de microcefalia em pernambuco sendo que os casos de dengue no estado de são paulo são bem maiores do que la?
    Logo questionei em casa com a minha mãe, mais ela não entendeu nada. Enfim, o fato é que não fazia sentido nenhum os numeros e mesmo assim as matérias insitiam em salientar que a microcefalia tem relação com esse zika virus. Eu ainda acho que é um controle populacional, mas vi varios questionamentos e argumentos bem melhores do que eu poderia ter ou imaginar. De uma coisa tenho praticamente certeza, o zika virus nada tem haver com esses casos de microcefalia.

    Reply
  5. Soube sim, de uma fonte, de um Médico do Governo, que está amplamente sabido, por eles, mas proibido de comentarem. As Vacinas contra Rubéola, foram compradas pelo Governo Brasileiro, de Cuba, como o Brasil compra outras Vacinas também. Mas esse lote, estaria realmente vencido, e ainda que a Vacina não era totalmente confiável, como outras. Mas mesmo assim, vacinaram Gestantes que não haviam sido vacinadas. No momento que muitos começaram a questionar a validade da Vacina, o Governo rapidamente, recolheu todo o lote, e proibiu todos os envolvidos de falarem sobre o assunto. Só que com tamanha maldade mesmo, com bebês nascidos com Microcefalia, que terão, por toda a vida, sofrimento e os pais também. Alguns, com a consciência pesada, não conseguiram deixar de passar, mensagem, bem restritas. Provas???? Claro que será muito difícil de se obter. Mas talvez com testemunhos, mesmo ameaçados….talvez venha à tona. meu amigo, um profissional exemplar, Médico, me contou, e disse, que daqui a pouco, não será mais possível controlar a verdade!!!!

    Reply
  6. Aghata

    Fico indignada com as lacunas vazias desta historia,como pode ter feito exame somente em um bebê e o resultado sair tão rápido,sendo que testes primeiro São feito em ratos de laboratórios pra daí sim se confirmar o diagnóstico de tal vírus ou evolução dele,lembrando que uma mãe grávida sendo aidetica não passa o Vírus para o bebê se ela fazer o pré natal direito e o mesmo não for amamentado e tomar certa medicação durante seus meses,e como as pessoas querem vender esta história vazia sem provas,meus queridos o Brasil é o país do oba oba qualquer um compra a impressa e vende história furada pro povo.
    E que prova está um exame em um tal recém nascido que veio a óbito.Então o rapaz tá mentindo e o ministério da saúde não ?
    O próprio ministério não sabe o que fazer e fica com este jogo assustando as mulheres gravidas.
    E outra dizem que se a vacina não fizer bem mal não faz!
    Como assim?
    Se ela é desenvolvida através de um vírus, e o vírus entra em contato com o seu corpo.
    O problema é que a metade da população não lê,se buscassem o informação não se perderiam com a multidão.
    Acho que está é a nova forma de controlar natalidade no Brasil fazendo medo para as famílias,já que o Brasil gasta milhões por ano com partos e tratamentos pré natal.
    Quantos às famílias que estão passando por isso com os seus bebés com este problema eu sinceramente sinto muito e gostaria que Deus às iluminasce para lidar de melhor maneira com estes pequenos inocentes que infelizmente estão pagando por isto.
    Agora por a culpa no mosquito foi de mais.
    Que ele não presta a gente sabe!
    Mais por a culpa nele fica fácil!

    Reply
  7. adrya

    cara na minha mente…na hora que vir o vídeo do pernambucano falando …que se o Zica virus picar uma pessoa que contém a aides e esse mesmo mosquito picar outra pessoa essa pessoa também irá pegar aides …..

    Reply
  8. Anna

    Estou pesquisando o tema com base em notícias antigas e será que vocês poderiam me ajudar?

    Vocês se lembram/guardam fontes sobre um possivel/suposto surto de sarampo e rubeola em Pernambuco em meados de 2014? Ex.:
    http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/cidades/saude/noticia/2015/03/05/estado-vai-investigar-rubeola-sarampo-e-parvovirus-170862.php

    Cheguei a pesquisar o assunto quando ainda nem se falava em zika. De qq forma, sei também que a microcefalia é uma das consequencias da rubéola na gravidez (amplamente conhecido). Ex.:
    http://www.alobebe.com.br/revista/doencas-na-gravidez-conheca-quais-oferecem-mais-riscos.html,75 (materia de 2007, bem anterior ao surto de 2015)

    Pois bem, fizeram uma confusao tal com os boatos que a associacao mais obvia ficou distorcida: independentemente da vacina, se houve casos em Pernambuco de gestantes com o virus da rubeola meses antes dos primeiros casos consecutivos de microcefalia (agosto de 2015; a primeira notificacao ao Ministerio da Saude só foi dada em 27/10/2015), não seria natural que houvesse recem-nascidos com sequelas? Porém, chegaram a confirmar este surto? Eu tinha a lembrança de q sim, por outra pesquisa (nada a ver com o zika, naquela época) mas qnd voltei para buscar na web, tive grande dificuldade para pesquisar o assunto nas mesmas fontes.

    Voltando às vacinas, o Ministerio se defende dizendo q nunca fornece vacinas vencidas (!) e alega q o foco da campanha de 2014 foram adolescentes. Ok, mas o q mais me intriga na questao das vacinas é outro ponto, e onde quero chegar: em 2013 o Governo assinou um contrato bilionario de venda de vacinas (sarampo e rubeola) para paises pobres, pelo preço mais baixo do mercado internacional: US$ 0.54 (na epoca, com o dolar a cerca de R$ 2, o preço da dose era de somente cerca de R$ 1 e alguns centavos).
    http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2013/10/ministro-anuncia-ampliacao-de-vacina-brasileira-para-o-mercado-global.html

    Deveria produzir 30 milhoes de doses até 2017 e o Ministerio da Saude e a Fiocruz estavam recebendo investimentos maciços para acelerar a producao, o q inclusive envolveria testes não só com as formulas, mas com a forma de producao das vacinas. Ora, o sarampo é declarado erradicado do Brasil desde o ano 2000 e a rubeola, desde 2009. Mas em 2014 ambas as doencas reaparecem nos jornais justamente por Pernambuco e, em 2015, surgiram os recem nascidos com microcefalia. Vcs já receberam/encontraram algum “boato” citando este contrato de exportação de vacinas e/ou processos envolvidos na produção das vacinas (testes etc.)?

    Outras sobre surto de sarampo em PE (fatal para o feto; mesma vacina q rubeola):
    http://tribunadonorte.com.br/noticia/ceara-e-pernambuco-estao-em-alerta-apos-surto-de-sarampo/274342

    http://prophylaxis.com.br/alerta-sarampo-surtos-em-pernambuco-e-ceara/

    http://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2014/02/apos-surto-no-ce-e-pe-campanha-contra-sarampo-e-intensificada-no-am.html

    Vamos ajudar a juntar cacos, pois as familias afetadas vao precisar de muito apoio de instituicões que talvez não estejam assumindo suas devidas obrigacoes.

    Reply
  9. Adrieli

    Trabalho a 3 anos em uma Unidade de Saúde e nunca vacinamos gestantes contra rubéola e sempre é informado a mulheres que estão em idade fértil que não engravidem nos próximos 30 dias . Se foi feito a vacina foi um erro do profissional que lhe atendeu.

    Reply
    1. Cacau

      Vi várias mulheres dizendo que tomaram a vacina contra rubéola grávidas.

      Reply
      1. neide

        eu tomei vacina contra rubéola quando estava gravida e foram 3 doses.

        Reply
  10. Micheli

    Lamento informar, mas tive bebê há seis meses e a vacina de rubéola faz parte SIM do calendário de gestante!!!!!!!!

    Reply
    1. aferreira

      Bom….só pra lembrar, ressaltando que é importante pesquisar SERIAMENTE o que está acontecendo:
      a) Rubéola causa danos cerebrais efetivamente; nao entendo porque vacinar gestantes DURANTE a gravidez;
      b)Recentemente, a vacina Sabin feita com virus vivo supostamente INATIVADO, provocou a doença em crianças que a tomaram, fazendo o Protocolo mudar e retornar a vacina com o virus morto;
      c)Vacina anterior contra a gripe H1N1 tinha como um dos efeitos passíveis de acontecer a PANCREATITE: minha filha a tomou, e TEVE PANCREATITE. Pancreatite nao-medicamentosa nem induzida por cálculos biliares.Foi a vacina MESMO.
      d)O governo atual com sua ganância de lucro e seu descaso com a saude publica NAO É FONTE CONFIÁVEL: muitos foram os casos de medicamentos já encontrados VENCIDOS , estocados em locais improprios, e inadequados para consumo. Só lembrar do caso do Soro Rhinger-Lactato há uns poucos anos atrás, que matou diversas pessoas, e da contaminação da água p/hemodiálise de pacientes em Pernambuco, tambem acontecida alguns anos atrás.Só digo que se houve alguma ^”mancada”, o governo vai ficar caladinho e incentivar todos os estudos que joguem a culpa em alguém que NAO ELE….E nao vi nesse “desmentido”nenhum comentario sobre a NAO-OCORRENCIA NEM DIVULGAÇÃO NA COMUNIDADE CIENTIFICA de casos de microcefalia atribuidos à Zika na Africa.Esse é o nó.

      Reply
      1. joe LHP

        Tens prova, tem estudo/pesquisa que comprovam a correlação entre as vacinas e os efeitos mencionados e cadê as fontes?Ou é só achismo mesmo?Problema é que aqui no Brasil tem muito “peão” que acha que sabe mais do que os profissionais.

        Reply
        1. Cacau

          Nem acho que seja isso. Mas é extremamente curioso que tenha se concentrado em Pernambuco os casos.
          SP teve um número absurdo de casos de dengue ano passado e nesse ano. E até agora teve 12 casos de microcefalia no ano, sabendo que desde 2007 o número de casos é de 10-15 casos de microcefalia.
          Tem algo aí, e te garanto que não tem relação com mosquito nenhum.

          Reply
          1. Anna

            Cacau, procure em qualquer site de noticias a seguinte linha de tempo:
            2000: erradica-se o sarampo do Brasil;
            2009: erradica-se a rubeola do Brasil;
            2013: Governo assina venda bilionaria das vacinas de sarampo e rubeola mais baratas do mundo para paises pobres (30 milhoes de doses ate 2017);
            2014: ressurgem do nada ambas as doenças, em Pernambuco;
            2014: confirma-se o surto de sarampo, mas o de rubeola concluem que na verdade é uma variacao da dengue – observacao: uma das consequencias da rubeola na gravidez é a microcefalia nos bebes (relacao entre rubeola e microcefalia é amplamente conhecida);
            2015: meses apos os tais surtos, nascem bebes com microcefalia em Pernambuco;
            2015: em nenhum outro pais do mundo consegue-se confirmar a relacao entre microcefalia e zika (ate na polinesia francesa, das 17 maes cujos filhos nasceram com microcefalia em 2014, apenas 4 tiveram zika confirmado);
            Outro detalhe importante: sendo o problema no mosquito, uma serie de instituicoes nao pode ser responsabilizada por indenizacoes, tratamentos e nem precisa arcar com propaganda para limpar a imagem.
            Penso na luta destas familias, a grande maioria pobre, e que elas receberao o minimo apoio das instituicoes que deveriam ajuda-las (pense na luta herculea das familias q hoje precisam de ajuda para cuidar de seus filhos deficientes). Será o mesmo com estas familias e em pouco tempo, ninguem mais se lembrara delas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *