Hospital Estadual da Criança faz cirurgia reparadora grátis, diz boato

By | 23/10/2015

Boato – O Hospital Estadual da Criança em Vila Valqueire (RJ) está fazendo multirão pra cirurgias reparadoras como Orelha de abano e outras.

As correntes do WhatsApp crescem em sucesso assim como, ou até mais que, suas antecessoras do Orkut. Com a capacidade de passar por milhares de celulares ao dia, as correntes do Whats tem se popularizado pelas piadas e brincadeiras. E também pelas mentiras.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Governo do Rio de Janeiro desmentiu essa corrente do WhatsApp

Governo do Rio de Janeiro desmentiu essa corrente do WhatsApp

Às vezes inofensivas, às vezes não, o fato é que muito gente acredita nessas correntes. Como as inúmeras pessoas que caíram na história do mutirão de cirurgias reparadoras que está sendo realizado no Hospital Estadual da Criança em Vila Valqueire, no Rio de Janeiro. Confira a mensagem:

‘O Hospital Estadual da Criança em Vila Valqueire (RJ) está fazendo multirão pra cirurgia reparadora como Orelha de abano, Verruga, Queloide, cicatriz, Aplicação de botox, dedos colados, sexto dedo, queimadura.

Se conhecer alguém que precise,

Lembrando que é para criança de até 18 anos!

Procurar a Fga Valeria Castro 21-984521938.

Repassando’

Ainda que uma iniciativa desse tipo seja interessante e positiva, neste caso ela não vale porque é falsa. O Hospital Estadual da Criança do Rio não está realizando mutirão de cirurgias e não tem nada a ver com essa corrente de divulgação no WhatsApp. De tanto que a mensagem se espalhou, o Governo do Rio de Janeiro teve que desmentir formalmente o mutirão.

Quem criou essa corrente fez a lição de casa direitinho. Usou uma informação que realmente aconteceu – um mutirão de cirurgia realizado no Hospital da Criança em Vila Valqueire – e o nome de uma profissional que existe e atende no Rio de Janeiro, a fonoaudióloga (fga) Valéria Castro. Em uma versão diferente do boato, encontramos uma Dra. Valéria Castro, que por coincidência também atende no Rio. Mesmo assim, nada que indicasse a veracidade do mutirão ou de onde saiu esse número.

Aliás, há pouco tempo desmentimos uma história bem parecida no site. Uma corrente que prometia doações de cadeira de rodas em diferentes estados do país e que também foi desmentida por órgãos oficiais.

No fim, só mais uma mentira da internet que mobilizou muitas pessoas, inclusive quem realmente precisa desse tipo de cirurgias. Porque alguém brincaria com algo assim, não sabemos, e enquanto responsabilidade e bom senso não se espalham com a mesma facilidade pela internet, vamos fazendo a nossa parte – não acreditando em balela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *