Papa diz que quem desejou morte de Marisa não precisa mais ir na missa #boato

Boato – Diante a avalanche de pessoas se manifestando após o AVC da ex-primeira-dama Marisa Letícia, papa Francisco falou que essas pessoas não precisam ir à missa.

Em meio a avalanche do cenário político deste início de 2017, uma notícia chamou atenção. Após sofrer um AVC, a ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva foi internada em estado grave no Hospital Sírio-libanês no dia 24 de janeiro.

Papa diz que quem desejou a morte de Marisa não precisa ir à missa, diz boato
Papa diz que quem desejou a morte de Marisa não precisa ir à missa, diz boato

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:

Envie uma mensagem com a palavra #boato para (61) 99432-5485 e agende este número no seu telefone para receber as nossas atualizações gratuitamente no WhatsApp

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Muita gente na internet se manifestou da pior forma possível em relação ao acontecimento. Muitos falaram que ela “deveria” morrer mesmo. Diante disso, uma mensagem começou a circular na internet. Ela dava contar que o papa Francisco teria afirmado que quem desejou a morte de “dona Marisa” não precisaria ir à missa. Leia o texto, que circulou no WhatsApp e Facebook:

Papa diz que quem desejou morte de Marisa não precisa mais ir na missa

O papa Francisco disse nesta terça-feira (24) que cristão que desejou a morte da ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva não precisa mais frequentar igrejas católicas.

Uma fé que não tem solidariedade é uma fé morta. Quem deseja a morte de um irmão, não precisa frequentar igreja. É uma fé sem Cristo, uma fé sem Deus, uma fé sem irmãos. Uma fé mentirosa”, disse Francisco. “Você pode ir à missa aos domingos, mas, se não tem coração solidário, se não sabe o que acontece em sua cidade, (a fé) ou está doente ou está morta”, acrescentou.

Papa diz que quem desejou morte de Marisa não precisa mais ir na missa?

É claro que a mensagem foi compartilhada entre os quatro cantos da internet. Mas será mesmo que o papa Francisco falou no assunto. A resposta é não. Vamos aos fatos.

Apesar de a notícia ter sido compartilhada como um texto solto e ter lá o seu fundo de verdade (afinal, por que desejar a morte de alguém?), o papa não falou nada disso. Para matar a charada, chegamos ao site que criou a história (e que depois foi copiado).

Trata-se do “Sensacionalismo”. Sim, qualquer semelhança com o “Sensacionalista” não é mera coincidência. Tanto que o site só publica notícias falsas com um fundo de humor ou seja lá o que for. Leia o que é dito no rodapé do site: “Sensacionalismo com os acontecimentos do dia sem qualquer fundo de verdade, produzidas para fins de entretenimento.”

A fim de curiosidade, o papa, de fato, falou a mensagem que está entre aspas. Só que foi em outra ocasião. Mais exatamente em julho de 2015. Na ocasião, ele criticou a “fé não-solidária”. Sobre dona Marisa, ele ainda não se pronunciou.

Resumindo: o papa Francisco não afirmou que quem desejou a morte de dona Marisa não precisa ir à missa. Pelo menos não fez isso diretamente. A história surgiu em um site de notícias falsas.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tem ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook ou WhatsApp no telefone (61) 99331-6821.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

Um comentário em “Papa diz que quem desejou morte de Marisa não precisa mais ir na missa #boato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)