Mariana Jucá, filha de Romero é dona da mineradora que vai explorar a Renca #boato

Boato – Mariana Jucá, filha do senador Romero Jucá, é dona de mineradora que explorará a Renca, reserva amazônica extinta por Temer.

Por meio de um decreto, o presidente Michel Temer extinguiu, no dia 23 de agosto de 2017, a Reserva Nacional de Cobre e seus Associados (Renca) para implementar a exploração mineral no local. A Renca é uma área de reserva na Amazônia de 46.450 km², localizada na divisa entre Pará e Amapá.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:
Envie uma mensagem com a palavra #boato para (61) 99432-5485 e agende este número no seu telefone para receber as nossas atualizações gratuitamente no WhatsApp

A decisão gerou críticas de diversas organizações ligadas ao meio ambiente. Após a repercussão negativa, o governo, por meio da portaria 357, suspendeu a análise de processos minerários na área da Renca. De acordo com a decisão, publicada no Diário Oficial da União, a análise deve ser retomada após um processo de discussão com a sociedade de esclarecimentos sobre as condições que levaram à decisão de extinção da área.

Em meio às polêmicas sobre o decreto, surgiu uma notícia na internet de que a Renca também estava na mira da família do senador Romero Jucá (PMDB-RR). Isso mesmo! De acordo com as informações repassadas pela internet, Mariana Jucá, filha de Romero é dona da mineradora que está de olho na reserva. Confira:

Entendeu agora, cara pálida? Mariana Jucá, filha de Romero, é dona de mineradora que explorará ouro e basalto na reserva amazônica extinta por Temer. A empresa Boa Vista Mineração Ltda, que tem como cotista Marina de Holanda Menezes Jucá Marques, filha de Romero Jucá (PMDB – RR), foi a grande beneficiada com a extinção da proteção da área de quase 4 milhões de hectares

Mariana Jucá deverá pesquisar ouro, cobre e basalto em áreas da reserva em proximidade com os índios. Seu pai, Romero Jucá, foi o autor de um projeto de lei 1610/1996 que havia sido retirado por ele mesmo em 2014 sob alegação de que era atacado por adversários sobre o caso. Mesmo assim, Jucá previu a regulamentação da mineração em terras indígenas desde sua análise do Congresso Nacional.

Quarta-feira 23, Michel Temer baixou um decreto ofertando quase 4 milhões de hectares de uma gigantesca reserva amazônica aos mineradores e foi noticiado ao Brasil que havia quatro grupos estrangeiros interessados. Ativistas de todo o mundo consideram um verdadeiro atentado ecológico.

A filha de Jucá é sócia majoritária da Boa Vista Mineração, que tem 90 mil hectares requeridos na reserva extinta que conta com sete unidades de terras indígenas na fronteira entre Pará e Amapá.

Mariana Jucá, filha de Romero é dona da mineradora que vai explorar a Renca?

Imagens com o “escândalo” renderam revoltas, críticas e, claro, muitas curtidas e compartilhamentos. Só tem um detalhe: nem tudo que está nela é real. Sem mais delongas, vamos aos fatos.

Embora muitos não tenha notado, o nome da filha de Jucá está errado. Não é Mariana e sim Marina. Pois bem, de fato, a empresa Boa Vista Mineração tem como sócia majoritária a filha de Jucá. Mas, ao contrário do que se imagina, a mineradora não possui pedidos para exploração em áreas indígenas e nem na Renca.

Quando a história veio à tona, o próprio Jucá negou a informação. De acordo com o senador, a mineradora “não tem nenhuma requisição de mineração em terra indígena ou reserva, muito menos no Estado do Amapá”.

Jucá também publicou um documento do Departamento Nacional de Produção Mineral informando que a empresa não possui nenhuma área com interferência em área indígena. Inclusive, o próprio O Globo, que inicialmente havia dado a informação, fez uma errata sobre a notícia.

Vale lembrar que, apesar da mineradora não explorar áreas indígenas e nem ter feito requisição para explorar a Renca, isso não impede que futuramente ela possa fazer isso, caso a reserva seja extinta. Neste caso, é esperar para ver.

Sendo assim, podemos afirmar que a história de que Mariana Jucá, filha de Romero é dona da mineradora que vai explorar a Renca é falsa. Pode até ser que a Boa Vista Mineração venha a explorar a área. Mas, hoje, ainda não o fez e nem demonstrou intenção oficial para tal.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99331-6821.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)