Mais Médicos atende uma pessoa a cada 9 segundos, diz informação errada

By | 26/08/2015

Boato – Dois anos após a sua criação, programa Mais Médicos atendeu 63 milhões de pessoas no país. Isso equivale a mais de 9 mil pacientes ao dia, um a cada 9 segundos.

Se tudo fosse simplista e mensurável, poderíamos dividir os internautas em três tipos: os que inventam histórias, os que acreditam e os que não. E se fossemos taxar os conteúdos que correm a web, claro, dividiríamos em verdades ou boatos.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Informação errada afirma que segundo o governo Programa Mais Médicos atende uma pessoa a cada 9 segundos

Boato afirma que  o governo divulgou uma mentira sobre o programa Mais Médicos: uma pessoa é atendida a cada 9 segundos

Imaginem que interessante se disséssemos que metade de tudo que aparece na internet é falso. Isso seria mentira e uma prova escancarada de que a equipe do Boatos.org não manja nada de matemática.

Pois bem, é com a lição de ‘com números não se brinca’ que vamos lidar nesse desmentido. Uma conta envolvendo o polêmico programa federal Mais Médicos está agitando o Facebook. A foto de uma nota de jornal anuncia uma mentira descarada do governo federal. Segundo as informações oficiais, o programa Mais Médicos afirma ter atendido 63 milhões de pacientes em dois anos, o que corresponderia a mais de nove mil pacientes por dia para cada médico.

Confira a nota:

‘O governo federal divulga propaganda em todo o Pais na qual trombeteia que em dois anos o “Mais Médicos” atendeu a mais de 63 milhões de brasileiros. Se esse número espantoso, equivalente a quase um terço da população, for dividido pelo número de médicos do programa (14 mil) e pelos dias e horas trabalhadas no período, cada profissional “atendeu” 9.375 pacientes por dia. Um a cada 9 segundos.’

A Constituição Brasileira garante a liberdade de expressão, além disso, todos nós temos direito à informação. Mas, vamos combinar que temos e merecemos informações sérias e de qualidade.

Sem mais delongas, a conta feita pelo jornalista Claudio Humberto e que aparece no site Diário do Poder, clássico aqui no Boatos, está errada. Imaginem o tamanho do estrago quando há mais de 17 mil compartilhamentos desse erro. Expliquemos:

– 63 milhões divididos por 24 meses resulta em 2 milhões 625 mil. Esse número dividido por 20 dias úteis é igual a 131 mil 250 atendimentos por dia. Isso dividido por 14 mil que é a quantidade de médicos do programa equivale a 9,375. Esse valor divido por 86400 (quantidade de segundos no dia, considerando que os médicos trabalham 24h/dia) resulta em um paciente a cada 9 segundos.

Os 17 mil compartilhamentos, dos quais a maioria em tom de crítica ao programa, seriam válidos se a conta também fosse. Acontece que não, porque houve (proposital ou inocentemente) a interpretação errada da vírgula. E uma vírgula modifica totalmente o cálculo e a leitura que se faz do número.

A indiscutível matemática define que 9375 é completamente diferente de 9,375. No primeiro, estamos falando do da realização humanamente impensável de quase 10 mil atendimentos por dia, sem descanso. No outro, apresentamos uma realidade mais que possível, aproximadamente, 10 atendimentos por dia.

Vale esclarecer também, que, na tentativa tola de florear os números, o governo divulgou que 63 milhões de pessoas foram atendidas quando, na verdade, foram realizadas 63 milhões de consultas (que podem serem feitas com pacientes recorrentes).

Desse sem fim de números e explicações qual a lição que fica? Não subestimem o poder de uma mísera vírgula e na dúvida, apelem à calculadora, deem uma conferida. Isso evita compartilhar informação absolutamente errada por aí.

6 thoughts on “Mais Médicos atende uma pessoa a cada 9 segundos, diz informação errada

  1. Leonardo Capaz

    Quem sabe como fazer matemática de 5ª série consegue fazer esse cálculo direito, melhor do que o que foi feito na nota…

    Reply
  2. Marcos

    Não deixa de ter um furo aí… As consultas pelo SUS não duram mais que 10, 15 minutos. Ou seja: 2h30, no máximo 3h00 por dia se considerarmos esta média.

    Com tamanha eficiência e competência, alguém explica: por que raios os hospitais públicos vivem lotados???

    Reply
  3. Fabio

    Meu Deus, será que ninguém sabe fazer conta nessa página? O resultado não é nove mil trezentos e setenta e cinco e sim nove VÍRGULA trezentos e setenta e cinco, ou seja, menos de 10 atendimentos por dia. Pai amado, não é possível isso. Que coisa ridícula!! Vá aprender matemática básica!!!!

    Reply
  4. Roberto Grimaldi

    Se foram 63.000.000 de pessoas atendidas em 730 dias, significa que por dia foram atendidos 86.300 por dia. Dividido por 14.000 médicos dão 6,2 pacientes por médico por dia. Perfeitamente atendidos. O problema é que muitos nao sabem fazer contas. Kkkkkkkkkkkk!

    Reply
  5. Daniel

    Eu fiz a mesma conta com o mesmo resultado. Aprox 10 pacientes por dia.
    Certamente este jornal deve ter esquecido que medicos do programa trabalham de fato as horas contratadas e nao apenas batem o ponto e vao embora.

    Reply
  6. Leandro

    O texto do governo não diz a quantidade de “atendimentos”, mas usa a palavra “beneficiados”, que pode ser entendido, do meu ponto de vista, como a população que tem agora, à sua disposição, os médicos do programa, sem ser necessariamente atendida de fato.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *