Lula se aposentou por invalidez após perder um dedo, diz texto falso

Boato – Ex-presidente Lula ganha uma aposentadoria por invalidez após a perda do dedo mínimo em 1964.

Não são poucos os boatos que envolvem políticos. E, entre a gama imensa de alvos, um dos preferidos das informações falsas na internet são as relacionadas ao ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva. Aqui no Boatos.org já desvendamos uma dúzia deles. E hoje vamos desmentir mais um.

Lula se aposentou após perder um dedo, diz boato
Lula se aposentou após perder um dedo, diz boato

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:
Envie uma mensagem com a palavra #boato para (61) 99331-6821 e agende este número no seu telefone para receber as nossas atualizações gratuitamente no WhatsApp

Há muito tempo circula na internet a informação de que o ex-presidente estaria recebendo uma aposentadoria por ter perdido um dedo quando era torneiro mecânico. Além de ser compartilhada em blogs, a informação também tomou conta das redes sociais.

A história de que Lula recebia aposentadoria deu margem a comparações como, por exemplo, compará-lo com Stephen Hawking ou mesmo criticar o INSS brasileiro. Leia um dos textos que circulou na web:

Lula se aposentou por perder 1 dedo,qd deveria ter sido indenizado.Qts pessoas vc conhece q n conseguem se aposentar?

Bem, vamos agora colocar os pingos nos “is”. Tá certo que o sistema de aposentadoria do INSS é injusto (e inclusive mais direitos estão sendo cortados), que Stephen Hawking é um exemplo de determinação ou mesmo que Lula realmente recebe uma aposentadoria (como anistiado). Mas tem uma coisa: o ex-presidente realmente não recebe aposentadoria por causa do dedo.

O acidente que causou a perda do dedo de Lula aconteceu no ano de 1964. Essa matéria da revista Trip conta a história. Na época, ele tinha 18 anos. E, como se sabe, ele continuou trabalhando por muito tempo como metalúrgico. Imagina só: se ele tivesse se aposentado, teria largado as fábricas (e o movimento sindical). Aposentados por invalidez não podem exercer outras atividades remuneradas.

Para além disso, temos um desmentido do próprio Instituto Lula. Em nota publicada no dia 27 de março, é afirmado que o ex-presidente não recebe aposentadoria nenhuma. Sendo assim, podemos chegar à conclusão de que a história é mais uma notícia falsa da internet.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

9 comentários em “Lula se aposentou por invalidez após perder um dedo, diz texto falso

  • 25/02/2017 em 10:02
    Permalink

    Não ganhou aposentadoria pelo dedo não, MAS ganhou pelos 30 dias de cadeia. E nem os colegas de esquerda dele aceitaram isso como justo. Pesquisem pelo artigo do Elio Gaspari na Folha de 13/11/96

    Resposta
  • 01/05/2016 em 23:30
    Permalink

    Nossa um desmentido do instituto Lula torna tudo verdadeiro… santa inocência bátimã.

    Resposta
  • 03/04/2016 em 13:31
    Permalink

    Não recebe nenhuma aposentadoria. Bastam 5 minutos para visualizar no site da previdência social que o mesmo possui o benefício concedido. Fala sério!!!!

    Resposta
  • 11/03/2016 em 11:00
    Permalink

    Como voces sao hipocritas.
    Se lula não trabalhava, sobrevivia como? De esmolas da previdencia?

    E voces ainda mentem com seu Instituto vagabundo sem credibilidade.

    Resposta
    • 16/07/2016 em 22:48
      Permalink

      Você se deu ao trabalho de ler o texto? Tá bem explicado ali que ele tinha 18 anos quando se acidentou, e que continuou trabalhando por muito tempo como metalúrgico. Agora, no parte de onde vem a informação, o instituto lula, na minha opinião, não tem credibilidade nenhuma.

      Resposta
  • 31/03/2015 em 01:52
    Permalink

    “Lula realmente recebe uma aposentadoria (como anistiado)” “Em nota publicada no dia 27 de março, é afirmado que o ex-presidente não recebe aposentadoria nenhuma.” ????

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)