Dilma declara luto oficial de 3 dias após morte de Marco Archer, diz hoax

By | 19/01/2015
Morte de Marco Archer causou luto de três dias no Brasil, diz boato

Morte de Marco Archer causou luto de três dias no Brasil, diz boato

Boato – Após a morte do brasileiro Marco Archer, condenado à morte por tráfico de drogas na Indonésia, o governo brasileiro decretou luto oficial de três dias.

Um dos assuntos mais comentados do início do ano de 2015 foi a morte do brasileiro Marco Archer na Indonésio. Archer havia sido preso no ano de 2003 no país asiático por porte de 13,4 Kg de cocaína e foi condenado à morte no país. Nem mesmo os apelos da presidenta Dilma Rousseff e do ex-presidente Lula evitaram a execução de Marco Archer no dia 18 de janeiro de 2015.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Curta também a nossa página no Facebook e não caia em boatos

Logo após a morte do brasileiro, começou a surgir uma informação de que o governo teria decretado luto oficial de três dias pela morte. De acordo com um texto, publicado no site “Vídeos Virais da Net”, Dilma estaria indignada e teria “declarado” o luto pela morte dele. Leia o texto:

URGENTE!!! Dilma declara luto oficial de 3 dias após morte de traficante Brasileiro!!!

O Brasileiro Marco Archer Cardoso Moreira, condenado a morte por trafico de drogas na Indonésia foi executado agora pouco as 15 horas horário de brasília, mesmo com todo o apelo do Itamaraty  e da Presidente Dilma Rousseff que se empenhou pessoalmente em tentar livrar o Brasileiro traficante de ser executado na indonésia, não obtiveram sucessos, o brasileiro tinha 53 anos e estava preso a mais de 10 anos apos ter desembarcado com cocaína dentro de uma asa denta na indonésia, la as leis contra  traficantes é severas e a pena para quem comete esse crime é o fuzilamento, o assunto ganhou bastante repercussão  na mídia aqui no Brasil e logo apos ficar sabendo que realmente o traficante Brasileiro  havia sido executado a Presidente   Dilma Rousseff declarou que o Brasil estava muito triste pois um cidadão de nosso pais não teve direito a se defender  e nem um julgamento justo  e declarou que o Brasil  esta de luto, declarando oficialmente luto por 3 dias

A informação se espalhou como rastilho de pólvora. Mas, apesar de realmente o governo brasileiro ter se declarado desfavorável à decisão da Indonésia (houve inclusive a declaração de que o caso ocasionou uma sombra na relação entre os países), a história é falsa.

O primeiro fato que aponta que a história é falsa está na fonte da informação. O site citado acima é famoso por “pérolas” falsas que circulam na web. Uma delas é a história de uma mulher com vermes na barriga. Outra seria a divulgação das imagens da própria execução de Marco Archer. Tudo falso.

Procurando uma fonte oficial para saber se houve luto ou não, acessamos o site do Planalto. Sobre o caso, foi divulgado que Dilma estava consternada pela morte do brasileiro e iria se reunir com o cônsul da Indonésia. Sobre luto oficial, nada.

Resumindo: com todas essas informações, podemos afirmar que o governo brasileiro não decretou luto oficial pela morte de Marco Archer na Indonésia. Tudo não passa de uma notícia falsa para alguns sites ganharam cliques.

PS: esse artigo foi uma sugestão da leitora Renata Reis. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site ou pelo Facebook. 

6 thoughts on “Dilma declara luto oficial de 3 dias após morte de Marco Archer, diz hoax

  1. Geranildes Medeiros

    Basta procurar no DOU! Se não foi publicado, não houve decreto…

    Reply
  2. nelson de souza

    muitos pms morrem combatendo trficantes ladroes assassinos e um trficante que destroe familia vendadendo drogas vira eroi que merda de pais é esse que bandido tem privilégio

    Reply
  3. nelson de souza

    um absurdo a presedente dilma eclarar luto oficial para um traficante que destroe familia muitas pms morrem combatendo trficante assassinos ladroes e nao sao lebrado foi por isso que acabaram com a ditadura para entregar o brasil para os delinquentes

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *