Evolução de boato dá 12 horas para chegada do Facebook pago

By | 12/07/2013
Até um boleto fictício foi criado para o pagamento do Facebook ser feito em 12 horas

Até um boleto fictício foi criado para o pagamento do Facebook ser feito em 12 horas

Boato – Facebook dá prazo de 12 horas para usuários postarem “aviso de privacidade” na rede social. Caso contrário, serviço passaria a se tornar pago

Nesta última semana, um hoax (mensagem falsa que se espalha na internet) sobre os serviços do Facebook começarem a ser pagos se espalhou e, para alegria de quem criou a mensagem, ganhou uma versão mais absurda e sarcástica.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Enquanto a mensagem anterior (que pode ser acessada aqui) falava de um programa inexistente chamado “Domingo Fantástico”, uma entidade chamada OCP e era assinada por ninguém menos do que Fritzburg Weisefüder, a nova mensagem consegue contar histórias mais inverossímeis ainda. Leia a mensagem abaixo.

NÃO AUTORIZO COBRANÇAS POR PARTE DO FACEBOOK, DIRETA OU INDIRETAMENTE. FALTAM 12 HORAS PRAZO FINAL, ACABOU DE SAIR NA MÍDIA, EXTRA OFICIAL, passou no Splash (domingo passado) e no Programa da Querida Julia na quinta-feira, no Jornal Nacional e na terça-feira, na RFM na segunda-feira, no Jornal da Noite, no sábado passado no Gosto Disto e no Corean On Line, Daqui a 30 horas os fiscais do Face darão início a busca seletiva avançada a procura desse aviso no seu mural, tal qual está escrito aqui, e então o facebook e todos os serviços continuarão a ser gratuitos e sem o envio de dados ao governo americano. Do contrário, os dados continuarão a ser pesquisados pelo governo americano, as fotos serão visíveis por todos e seu nome irá para lista de inadimplentes com inclusão no SCP – CPT – SERAZA – OLGIZ – BANK CITY – BOBONIS E TROLINS (conforme lei 3102/07-06, recentemente aprovada pela Constituição da Republica). Caso não tenha esse aviso copiado, colado e registrado em arquivo word no seu computador com um print screen de tela, os agentes do face ligarão a cobrar, uma ligação internacional de 30 minutos, cobrando a taxa de 5,99 E (convertidos a moeda corrente do país pouco mais de 10,00 E por dia mais juros) por semana debitado diretamente na conta telefônica no seu ponto de acesso wi-fi internet segura – Não esqueça de colar isso no seu mural e você estará livre da cobrança e livre de ser taxado de bobo mais uma vez, dentre outros inconvenientes. Caso contrário, em trinta dias suas publicações tornar-se-ão públicas propriedade na privada, suas mensagens e fotos, EU NÃO AUTORIZO!!!!!

Boato do Facebook pago usa e abusa do sarcasmo

Como elementos implementados no novo boato estão os programas “Splash”, “Querida Júlia” e “Gosto Disso”. Todos inexistentes, claro. O “aviso” também citou supostos veículos de mídia como a “RFM” e um tal de Corean (com C mesmo) Online.

A lista de entidades também foi “melhorada”. O SPC e o Serasa da mensagem anterior foram substituídos por SCP e SERAZA. Os órgãos de cadastro de inadimplentes ganharam a companhia de outros como CPT, OLGIZ, BANK CITY e o melhor: BOBONIS E TROLINS (bobos e trolls). Este último órgão foi criado pela “Constituição da República” (não por Lei, Emenda Constitucional ou Medida Provisória).

Obviamente, postar o arquivo não garante nenhuma gratuidade no Facebook. Inclusive, a própria rede social se manifestou sobre o assunto. Declarou que o serviço é gratuito. Tanto é que o verdadeiro lucro da empresa se deve ao grande número de usuários, já que há grande quantidade de venda de publicidade. Mark Zuckerberg não ameaçaria isso tornando o serviço pago.

Vale relembrar três dicas para você não cair nessas pegadinhas nas redes sociais: use o bom senso e sempre pesquise sobre as entidades citadas na mensagem, fique atento a erros de português e divulgue textos esclarecedores para outras pessoas não caírem no boato.

One thought on “Evolução de boato dá 12 horas para chegada do Facebook pago

  1. Nita

    Os programas referido por vós como inexistentes “Querida Júlia”, “Splash” e “Gosto Disso” são programas portugueses e existem sim. Não sei contudo se a matéria em questão passou nestes programas do canal televisivo português SIC.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *