Recados da Polícia Civil sobre assaltos com ovo no para-brisas são falsos

By | 30/08/2013
Recados da Polícia Civil que alertam sobre assaltos são falsos

Recados da Polícia Civil que alertam sobre assaltos são falsos

Boato – Recados da Polícia Civil apontam que assaltantes estão usando ovos para praticar assaltos contra motoristas. A tática é jogar ovos no para-brisas dos veículos para, quando o motorista usar o limpador, perder toda a visibilidade.

Esse boato é da categoria “alertas da polícia”. Compartilhado em redes sociais, fóruns e e-mails juntamente com outras dois alertas (o do papel no vidro traseiro e do carro mal estacionado, que vamos falar mais tarde), o texto (que pode ser lido aqui) fala da nova arma dos meliantes: ovos.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Isso mesmo, o texto narra uma situação na qual bandidos aparecerem repentinamente e começam a jogar ovos no para-brisa do carro. A arma seria eficiente porque uma “substância viscosa” se forma quando há mistura de ovo com água. Essa substância acabaria tapando a visão do motorista. A orientação no texto é acelerar e sair do local o mais rápido possível.

Ao realizar uma rápida pesquisa na internet sobre algum caso dos “bandidos do ovo”, nada foi encontrado. Ao contrário. Com a popularidade do hoax, a revista Auto Esporte gravou um vídeo para saber se o ovo realmente não pode se dissolver no para-brisa. O resultado foi o óbvio: o limpador removeu facilmente os ovos do vidro.  Ou seja, é pouco provável que ladrões (pelo menos os espertos) usem ovos para praticar assaltos.

Outros boatos

Como dito no início do texto, o história do ovo no para-brisa veio com outros dois alertas. O primeiro deles fala da tática de colocar um papel na traseira de um carro. Aí, os ladrões só precisavam esperar a pessoa entrar no carro, colocar as chaves no contato, ver o papel, sair do carro e deixar o caminho livre.

Nenhuma informação a respeito foi encontrada na internet. E francamente. Com ladrões de carros fazendo “ligações diretas” ou podendo portar uma arma, é difícil pensar em uma tática que precisaria de tantas condicionantes para dar certo.

O terceiro alerta é sobre um golpe mais inverossímil ainda. Os ladrões chegariam em lugares públicos e perguntariam quem era o dono da placa “xxx”. Depois pediam para a vítima ir manobrar o carro. Na hora em que ela estivesse sozinha, o assalto era praticado.

Além de não ter nenhuma fonte que garanta a veracidade da história, há um fator que derruba a tese. Um ladrão não iria se expor tanto em um local público. Já pensou se ele tivesse que fazer o mesmo tipo de assalto duas vezes no mesmo bar? Não demoraria muito tempo para ser pego.

Por falta de comprovação e lógica, chegamos à conclusão de que é mais um boato. Porém, é sim preciso tomar alguns cuidados para se evitar roubos e furtos de carro. Essa matéria da revista Exame mostra 14 dicas de como ficar seguro contra roubos de carro. Vale a pena dar uma lida.

Leia na íntegra texto que fala de assaltos com ovo no para-brisa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *