Carne de cavalo em embalagem Friboi é vendida em açougues e feiras #boato

Boato – Polícia Ambiental (ou DEIC) descobriu quadrilha que vendia carne de cavalo para açougues e feiras livres. Carne estava em embalagem da Friboi.

Amada em alguns países (pelo menos de acordo com este texto do HuffPost), a carne de cavalo não está, nem de longe, entre os pratos mais desejados dos brasileiros. Por isso, uma série de imagens que está viralizando na internet tem causado calafrios em muitas pessoas. As fotos mostram homens sendo presos por policiais próximos a uma cabeça de cavalo. Em uma rápida busca achamos uma série de versões da história.

No Rio de Janeiro, duas versões estão circulando. Uma dá conta de que a Polícia Ambiental teria prendido homens abatendo cavalos para venda em açougues e feiras livres na Baixada Fluminense. “Carne era distribuída para açougues de Nova Iguaçu, São João e Duque de Caxias”, diz o texto. A outra versão diz que o 14º Batalhão teria feito a apreensão.

Em São Paulo, encontramos a mesma versão da “Polícia Ambiental”, mas as cidades eram outras. “Policia ambiental prende homem preparando carne de cavalo para açougues, nas áreas de Pradópolis SP. Barrinha SP. Dumont SP. Guatapara SP Guariba SP” e “Polícia Florestal de Jaboticabal SP Investiga marcados envolvido no crime alimentício”.

Achamos também a versão Montes Claros (MG), a versão Foz do Iguaçu (PR), a versão “Pernambuco” (que chegou até a ser publicada em jornais e TVs locais), uma versão genérica (Deic prende Quadrilha que Abatia Cavalos e repassava a Carne como se fosse Bovina) e a versão que mais fez sucesso: a versão Friboi. A versão era muito parecida com as outras com uma “linha a mais” que informação que “a carne está sendo vendida em embalagem da Friboi”.

Carne de cavalo em embalagem Friboi está sendo vendida em açougues e feiras?

Cada região (e olha que nem falamos de todas) compartilhou a informação ao seu modo. Mas será mesmo que algum tipo de carne de cavalo está sendo vendida em açougues como se fosse da Friboi e será que a Polícia brasileira prendeu os tais homens? A resposta para as duas questões é não! Vamos aos fatos.

A verdade se revela quando olhamos alguns detalhes nas imagens (infelizmente, as fortes cenas não nos permitem que as postamos por aqui). Ao fazer uma busca por elas, descobrimos que o caso da apreensão não aconteceu no Brasil. O caso aconteceu na Venezuela.

Em 13 de novembro, o jornalista Germán Dam publicou imagens da apreensão em seu Twitter. É possível ver na sequência de fotos que os homens apreendidos aparecem em frente a uma placa escrita “Comandos Rurales Nº 629”. Quem fez a apreensão foi da Guarda Nacional Bolivariana (é possível ver que o uniforme é diferente do da polícia brasileira). Jornais da Venezuela também falaram no caso. 

Já sabemos que o caso (ao contrário do que os boatos apontavam) não aconteceu no Brasil, mas e as fotos de carne na “embalagem da Friboi” que também foram compartilhadas? Tratam-se de imagens compartilhadas após um acidente com um caminhão da Friboi na cidade de Porto Ferreira (SP) em 2015. De acordo com esta matéria do jornal O Diário, as imagens são de pessoas que saquearam o caminhão após o acidente.

Resumindo: o caso que aponta que a polícia prendeu pessoas que estavam vendendo carne de cavalo em embalagens da Friboi é falsa. Caso sequer aconteceu no Brasil e a empresa, neste caso, não tem nada a ver com a confusão.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 994325485.

 

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

3 comentários em “Carne de cavalo em embalagem Friboi é vendida em açougues e feiras #boato

  • 21/11/2017 em 13:58
    Permalink

    Sei que essa notícia, especificamente, é falsa. Mas houve um caso de carne adulterada faz um tempo já, em que estava relacionada a Nestlé, que recebeu carne de cavalo (em porcentagens baixas pelo que lembro) da JBS , essa por sua vez estava arrolada com uma empresa Alemã que fez os testes. (não lembro dos detalhes eu teria que pesquisar) Essa notícia seria um fato.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)