Putin morreu: boatos sobre morte do presidente russo circulam na web

By | 17/03/2015

Boato – Presidente da Rússia, Vladimir Putin, morre e causa reações variadas ao redor do mundo.

Se tem uma coisa que o ser humano parece adorar fazer é matar pessoas. Deixando de lado a morbidade dessa afirmativa, ela é completamente válida quando pensamos na quantidade de celebridades que morrem todos os dias por causa de boatos.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Depois de dias desaparecido boato de que Putin morreu chega ao fim. Foto: Alexei Druzhinin/AP

Depois de dias desaparecido boato de que Putin morreu chega ao fim. Foto: Alexei Druzhinin/AP

Uma gripe, um arranhão no carro na hora de tirá-lo da garagem ou um pileque em Los Angeles é o suficiente para vir a óbito. Quantas celebridades já não foram dadas como mortas por isso ou muito menos nos últimos anos? Várias. Muitas mesmo: Rita Guedes, Mr Catra, Serginho Malandro, Belo, Silvio Santos, David Guetta, Dinho Ouro Preto e segue a lista.

E nesse genocídio virtual, nem o todo poderoso presidente da Rússia, Vladimir Putin, foi poupado. Na última semana boatos sobre a morte do político russo se espalharam por toda a web, deixando rastros de choro, de tristeza e alegria.

Confira trecho de um dos vários textos que circularam na internet sobre o passamento de Putin:

‘Notícias de que o presidente russo, Vladimir Putin, está morto estão circulando o globo. Putin não é visto há oito dias o que tem gerado os rumores. Há relatos de que uma nota oficial sobre a morte do presidente russo apareceu brevemente no site do primeiro-ministro Dimitri Medvedev, mas foi removido rapidamente.

A especulação começou quando o Kremlin postou fotos de Putin em reunião com o chefe da República da Carélia. Embora o Kremlin tenha afirmado que as fotos são de 11 de março, foi revelado que elas são de semanas atrás. A assessoria do presidente Putin afirma que eles está muito vivo […]No entanto, há uma série de furos no que tem sido falado. Uma série de eventos oficiais foram cancelados, incluindo uma viagem de Putin ao Cazaquistão’. [TRADUÇÃO LIVRE]

Os boatos se intensificaram por causa do ‘desaparecimento’ do presidente russo. O político não era visto desde 5 de março e essa ausência foi o suficiente para que definissem morte como a causa.

Variações da história afirmaram que o presidente estaria doente. Outras definiram que o sumiço do político era sinal de que ele teria sofrido um golpe. As versões mais trágicas mataram o presidente Putin de vez. No Twitter, ele virou hashtag e meme.

Porém, apesar das proporções da história falsa, é exatamente isso que ela é: falsa. O presidente provou que está vivíssimo ao comparecer a uma reunião com o presidente do Quirguistão, Almazbek Atambeyev, em São Petersburgo ontem (16). A agenda do presidente ressuscitado segue nesta quarta-feira (18) quando ele se encontrará com representantes da Ossétia do Sul, em Moscou.

Então, é isso. Putin está vivo para a tristeza de seus inimigos e alegria de seus fãs. Muito provavelmente em pouco tempo cá estaremos novamente desmentindo outra morte de celebridade. Ou o retorno de alguém de fato morto, o que também é muito comum. Deixemos essa para outra hora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *