Governo federal reduz valor dos impostos dos combustíveis #boato

Boato – O presidente Jair Bolsonaro já fez a sua a parte. O governo federal reduziu o valor dos impostos dos combustíveis. Faltam apenas os governadores reduzirem o ICMS.

Na última semana, o presidente Jair Bolsonaro deu uma declaração que agradou os seus correligionários e desagradou governadores estaduais. Ao falar sobre o preço dos combustíveis, Bolsonaro disse que cortaria impostos de os governos estaduais deixassem de cobrar taxas como o ICMS. Hoje, um texto que circula online aponta para um “plot twist”.

De acordo com uma mensagem, que é precedida de pretensos valores ideais de gasolina, etanol, diesel, gás de cozinha e GNV, o governo reduziu os impostos dos combustíveis e, agora, falta só os “governadores fazerem a sua parte”. Leia uma das versões da mensagem que circula online:

O PRESIDENTE JAIR BOLSONARO JÁ FEZ A SUA PARTE! GOVERNO FEDERAL REDUZ IMPOSTOS NO VALOR DO COMBUSTÍVEL!! GOVERNADORES REDUZAM O ICMS NO SEU ESTADO AJUDE O GOVERNO FEDERAL NESTA PROPOSTA

PREÇO JUSTO DO COMBUSTÍVEL PARA TODOS OS BRASILEIROS Gasolina………….R$ 3,00 Etanol……………..R$ 1,80 Diesel………………R$ 1,50 Diesel S10……….R$ 1,80 Gás de cozinha..R$ 40,00 GNV…………………R$ 2,00 Se cada um de nós enviar pra 5 contatos e, cada um deles enviar pra mais 5, em 24 horas o Brasil todo estará abraçando esta campanha! Queremos preços justos, Faça a sua parte.

Governo federal reduz valor dos impostos dos combustíveis?

Falou em combustível barato, falou em compartilhamento. E é claro que a mensagem foi compartilhada a torto e a direito na internet. Mas será mesmo que o governo, de fato, reduziu os valores dos impostos dos combustíveis? A resposta é não. Calma aí que a gente explica tudo para vocês.

De cara, a mensagem nos chamou atenção. Ela carrega o “pacote completo das fake news”: é vaga, alarmista, com erros de português, pedido de compartilhamento e não cita fontes confiáveis. Só isso já mereceria uma olhada com mais atenção.

Ao “dar a olhada”, descobrimos o que desconfiávamos: a informação que fala em redução de impostos dos combustíveis por parte do governo não procede. Depois que Bolsonaro deu a tal declaração, o governo não fez mais nenhum movimento em direção à redução dos impostos federais dos combustíveis (no caso o PIS/Confins e Cide). A prova disso está na lista de decretos de 2020. Não há nada sobre cortes de impostos dos combustíveis.

Pelo que apontam especialistas, aliás, o governo (assim como os estados) não tem condição de fazer a tal redução de impostos (leia essa matéria do UOL a respeito). A proposta de zerar imposto poderia ter, inclusive, impacto na segurança, salários e universidades, de acordo com essa matéria do BBC.

Em relação aos estados também não há qualquer informação de que algum deles tenha zerado o ICMS. Há, de fato, alguns movimentos para a redução de impostos, mas nada concreto até o momento.

Vale dizer, antes de acabar, que a “segunda parte” (que fala do preço “ideal” dos combustíveis) já foi utilizada em outro boato: o que apontava que os caminhoneiros só iriam acabar com a greve de maio de 2018 se os combustíveis chegassem ao preço da tabela (o que não procedia).

Resumindo: a história que aponta que o governo federal reduziu o valor dos impostos sobre combustíveis é falsa. Pelo menos até o momento, o presidente Jair Bolsonaro não assinou qualquer redução do PIS/Confins ou da CIDE.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164. 

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2UyyDRF

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)